A relação do nordestino com o fogo é traduzida em exposição fotográfica em Fortaleza

Walking
Pensando na relação do nordestino com o fogo, o artista plástico e fotógrafo Lindemberg Freitas, apresenta sua exposição “Chamas” em Fortaleza, no Ateliê Vando Figueiredo, de segunda a sexta das 14h às 17h. A abertura acontece na próxima sexta-feira (30), às 19h.
O acendimento de fogueiras é uma característica comum aos festejos nordestinos, como não lembrar do São João?
As queimadas encontradas nessa região do Brasil, também destacam essa relação com o fogo. Sejam elas oriundas do calor e da seca que assola o nordeste e muitas vezes são causadas pelo homem. O próprio fenômeno El Niño, um dos causadores das piores secas do Nordeste, tem sua origem no chamado círculo de fogo, encontro das placas tectônicas.
O fato, segundo o artista, é que o fogo tem forte relação com o povo nordestino, seja para o bem ou para o mal. “O fogo é um dos principais elementos que desde os tempos ancestrais mantêm e nos ajuda a compreender a vida do sertanejo. A fascinação que o fogo causa alimenta a fantasia despertada por suas chamas, dando origens a contos, lendas, mitos, deuses, heróis. Uma verdadeira dádiva dos deuses”, afirma o artista.
Um dos detalhes da mostra de cunho educativo é que as artes ilustram de forma conceitual, a história deste povo forjado por calor e fogo.
 
O Artista
Cearense, natural de Fortaleza, Lindemberg Freitas é artista plástico, produtor cultural e administrador, além de membro fundador do Fórum Cearense de Artes Visuais. É, também, sócio e colaborador da Associação dos Artistas Plásticos Profissionais do Ceará. Teve sua primeira exposição coletiva, “Jovens Artistas”, em 1999, no Museu da Imagem e do Som, na Capital Cearense.
Agraciado com o Prêmio Modelo de Gestão em Economia Criativa pelo Ministério da Cultura em 2013, Lindemberg é um artista que já participou de exposições coletivas, conquistou vários editais de incentivos às artes, ficou classificado em outros e assinou também, a curadoria de exposição a exemplo de “Promessa Paga” do Artista plástico Zé Tarcísio, em 2006, no Espaço Cultural Correios de Fortaleza.
Serviço:
Exposição Chamas
Abertura: 30.06.2017
Horário: 19h
Local: Ateliê Vando Figueiredo – Rua Nunes Valente, 1248 / A – Aldeota
Visitação: Segunda a Sexta / 14 às 17 horas
Informações: (85) 9 8154.6060
flexos_artes@hotmail.com

Tribuna do Ceará

Comentários

Mais Visitadas

Nomofobia: O medo de desconectar

Fundação Edson Queiroz realiza mostra de arte

Documentário sobre 'impeachment' de Dilma no Festival de Cinema de Berlim

"Um erro, uma barbárie, uma desumanidade", diz Vargas Llosa sobre a pena de morte

Solenidade de posse do Dr. Régis Frota, na Academia Metropolitana de Letras de Fortaleza