Artistas levam cores à fachada do Centro de Eventos

As paredes laterais do Centro de Eventos do Ceará recebem novas cores. Serão mais de 2 mil metros quadrados coloridos por grafites. A iniciativa faz parte do Festival Concreto, que ocorre em Fortaleza desde 10 de novembro.
As argentinas Anali Chanquia e Vanessa Galdeano formam as Medianeras. Há três anos juntas e mais de uma década como artistas urbanas, a dupla integrará painel na lateral que fica para a rua Firmino Rocha Aguiar. O desenho do caracol com um homem negro na janela foi pensado pelas Medianeras levando em consideração, além da estrutura do prédio, a história do lugar.
Na mesma lateral, o paulistano Speto conta a história de um pescador por meio dos desenhos. A mensagem que está sendo transmitida, segundo o artista, “é para que as pessoas vivam a própria vida e deem valor para as coisas boas”. A pintura começou ser feita no dia 14 de novembro e só deve ficar pronta no dia 10 de dezembro.
Do outro lado, a lateral da avenida Paisagística recebe os desenhos dos artistas paulistanos Ise e Alex Sena, além do desenho de Kislow, da Crimeia.
As paredes do Centro de Eventos terão ainda trabalhos de artistas locais. Segundo o produtor do evento, Alberto Gadanha, “os cearenses Narcélio Grud e Rafael Limaverde vão colorir o local e o trabalho final deve ser concluído no dia 10 de dezembro, mas o evento termina no dia 26 de novembro”. O produtor afirma que os trabalhos contextualizam sobre a história e a realidade da Cidade e de cada local escolhido. 
(Ítalo Cosme/Especial para O POVO)

Comentários

Mais Visitadas

Trinta Anos de Ordenação Sacerdotal do Pe. Geovane Saraiva

Parabéns, Padre Geovane!

Deus, alimento e remédio

Filme luso-brasileiro com índios Krahô vence Festival de Cinema de Lima

Michelle Bachelet será a nova chefe de direitos humanos da ONU