História da travesti Dandara vira filme documentário

dandara dos santos
A cearense Dandara dos Santos foi assassinada em fevereiro deste ano, no Bairro Bom Jardim, em Fortaleza
A travesti cearense Dandara dos Santosmorta em fevereiro deste ano, terá sua história retratada em filme programado para estrear neste domingo (19), no Festival Mix Brasil, em São Paulo. A produção, gravada em março, em Fortaleza, decorre de uma grande reportagem publicada no Jornal de Minas no mesmo mês.
O curta-metragem de 14 minutos conta com depoimentos de familiares e pessoas que conviveram com a travesti espancada, torturada e assassinada no bairro Bom Jardim. O caso ganhou repercussão nacional com a circulação de um vídeo feito pelos próprios assassinos, no qual imagens da dor de Dandara revelam a brutalidade da transfobia no Estado e no País.
Os diretores Flávia Ayer e Fred Bottrel resgataram a história de vida e morte da travesti no filme que será exibido em duas sessões do Festival Mix Brasil, no Centro Cultural São Paulo (CCSP): domingo (19), às 15h30, e terça (21), às 19h30. Confira o trailer:
Diário do Nordeste

Comentários

Mais Visitadas

Nomofobia: O medo de desconectar

Fundação Edson Queiroz realiza mostra de arte

Documentário sobre 'impeachment' de Dilma no Festival de Cinema de Berlim

"Um erro, uma barbárie, uma desumanidade", diz Vargas Llosa sobre a pena de morte

Solenidade de posse do Dr. Régis Frota, na Academia Metropolitana de Letras de Fortaleza