Postagens

Mostrando postagens de Março 16, 2017

Defesa da vida: tesouro e herança

Imagem
Padre Geovane Saraiva*


Como é bom recordar, no quarto ano da eleição do Papa Francisco (13/03/2013), o Papa Leão XIII, ao desejar ardorosamente coisas novas; ao buscar mudanças nos costumes e na mentalidade sobre as condições de vida vividas pelos operários no final do século XIX. Preparou, à altura das exigências do seu tempo, um documento, que, de fato, pudesse dar uma resposta ao clamor de um mundo industrializado, tão marcado pelo sofrimento e pela escravidão. É o movimento social que se inicia na Igreja de uma forma mais consistente e organizada a partir de Leão XIII, com a Encíclica Rerum Novarum, de 1891.
O dia 15 de maio de 1891, com o lançamento desse maravilhoso documento, foi considerado como o ponto de partida da Doutrina Social da Igreja nos tempos modernos, significando um desejo e uma sede de inovações - "das coisas novas". A Encíclica Rerum Novarum tratou das questões sociais, levantadas por ocasião da Revolução Industrial. O papa apoiou com veemência o direit…

Ancine comemora bom desempenho do cinema brasileiro

Imagem
A atual menina dos olhos da Agência Nacional de Cinema (Ancine) é um número: 143. Esta foi a quantidade de longas-metragens brasileiros lançados em salas de cinema em 2016; dez anos antes, em 2006, esse total era de menos da metade: 71 filmes. Um recorde histórico, segundo o órgão, que fez o levantamento com base em dados disponíveis a partir da Retomada, em 1995. A marca foi revelada no fim de janeiro, num relatório preparado pela Ancine que oferece ainda outros números animadores referentes às bilheterias do ano passado. Ao todo, 184,3 milhões de espectadores foram ao cinema, gerando uma renda bruta de R$ 2,6 bilhões. Os filmes brasileiros foram responsáveis por 30,4 milhões de bilhetes vendidos, o maior patamar desde a década de 1990. Um dos destaques foi "Minha mãe é uma peça 2", que, mesmo tendo sido lançado no fim de dezembro, se tornou a segunda obra brasileira mais vista de 2016, atrás apenas de "Os Dez Mandamentos" - embora tenha ultrapassado em renda o l…

Senado aprova texto que proíbe limite de banda larga fixa, texto vai à Câmara

Imagem
Imposição de limites à banda larga fixa é adotada apenas "em países liderados por governos autoritários", defendeu senador. Proposta terá agora de ser analisada pela Câmara dos Deputados. (EBC) Por Eduardo Simões

O Senado aprovou nessa quarta-feira projeto que proíbe as operadoras de adotarem limites à utilização da internet via banda larga fixa e a proposta terá agora de ser analisada pela Câmara dos Deputados.
De acordo com a Agência Senado, o autor da proposta, senador Ricardo Ferraço (PSDB-ES), argumentou que a imposição de limites à banda larga fixa é adotada apenas "em países liderados por governos autoritários, que cerceiam o acesso à informação por parte de seus cidadãos".
A proposta não altera as regras vigentes para a internet móvel.
O sistema de franquia de dados consiste na limitação dos pacotes de dados dos consumidores, que precisariam pagar a mais ou teriam a velocidade reduzida caso ultrapassem o volume contratado, semelhante ao que acontece com celul…

Para reverenciar o mestre Ferreira Gullar

Imagem
Três meses após a partida de Gullar, Cláudia toma para si a tarefa de trabalhar pela perenização da monumental obra do marido. O poeta Ferreira Gullar. (Fernando Frazão/ Agência Brasil) Quando os poetas Ferreira Gullar e Cláudia Ahimsa se conheceram, na Feira de Frankfurt, em 1994, ele tinha 64 anos e vivia um momento sombrio, com as perdas seguidas do filho caçula, Marcos, e da mulher, a atriz Thereza Aragão; ela, uma jovem 33 anos mais nova que lhe despertou paixão e devolveu entusiasmo. Em dezembro do ano passado, Gullar, aos 86, lhe pediu, ao pressentir a chegada da morte: "Você já me salvou uma vez, agora eu tenho que ir".

Três meses após a partida, Cláudia toma para si a tarefa de trabalhar pela perenização da monumental obra do marido, que se estende da literatura (adulta e infantil) às artes visuais. "Eu me sinto como se alguém tivesse me dado um tesouro, que quero dividir. Gullar odiava herdeiros, porque já tinha tido dificuldades para liberação de poemas",…

Jovem ganha concurso de redação sobre o mundo em que gostaria de crescer

Imagem
Camila Boehm – Repórter da Agência Brasil Morador da cidade de Presidente Médici, no interior de Rondônia, distante 400 quilômetros da capital Porto Velho, Leonardo Silva Brito, de 17 anos, estudou a vida toda na escola estadual Carlos Drummond de Andrade, onde conheceu o Concurso Internacional de Redação de Cartas, do qual foi vencedor da etapa nacional em 2015 e ficou no terceiro lugar geral da competição. “O concurso me moveu, me direcionou e me levou a conhecer coisas que eu não conseguiria ter contato fora de sala de aula. Foi muito bom pra mim, para a minha escola, para os alunos, ter contato com esse tipo de material relacionado tanto à história, política e geografia”, contou o rapaz à Agência Brasil. Na época em que participou, os estudantes deveriam tratar na redação sobre o mundo em que gostariam de crescer. A 46ª edição do concurso feito no Brasil pelos Correios e coordenado em todo o mundo pela União Postal Universal,  está com inscrições abertas até amanhã (17). Escolas da r…

Redes sociais em excesso pode causar depressão, diz psicólogo

Imagem
Isolamento social provocado pelo uso excessivo das redes sociais pode provocar depressão e até suicídio, afirma psicólogoDa redação Nestes tempos cibernéticos, encontrar alguém que não esteja conectado a alguma rede social parece difícil. Por outro lado, é preciso atenção aos excessos. Isto porque uma pesquisa, publicada no Periódico Americano de Medicina Preventiva, aponta que acessar sites como Twitter, Facebook e Snapchat por mais de duas horas por dia dobra a probabilidade de alguém se sentir isolado. Quase 2 mil adultos com idades entre 19 e 32 anos foram entrevistados quanto a seu uso de redes como Twitter, Facebook, Instagram, Pinterest, Snapchat e Tumblr. O estudo sugere que quanto mais tempo uma pessoa fica online, menos tempo ela tem para interações no mundo real. “A rede social ajuda nesse isolamento porque você se isola daquele grupo social ou de amigos para fazer parte de um grupo virtual. Aí você desliga o computador e aquele grupo não existe mais. Então, a internet aju…

“Leituras na Praça” retorna suas atividades e reforça o compromisso com a leitura de clássicos

Imagem
“Leituras na Praça” é um projeto itinerante e de extensão da Universidade Federal do Ceará (UFC), que deseja propagar a leitura de clássicos da literatura e homenagear grandes escritores, como Miguel de Cervantes. O próximo encontro será dia 02 de abril, na Praça das Flores, em FortalezaFoto: Divulgação / ProjetoRegistro de um dos momentos de interação do projeto, no bosque Moreira Campos em Fortaleza Que tal programar para o primeiro domingo do mês um momento de leitura? Que tal realizar essa atividade rodeado de amigos em um ambiente verde, público e propício? As praças de Fortaleza estão servindo de cenário para um projeto que se preocupa com a preservação do meio ambiente, com o bom uso dos espaços públicos e estimula a prática da leitura, que é repleta de benefícios.
“Leituras na Praça” é um projeto itinerante e de extensão da Universidade Federal do Ceará (UFC). O projeto nasceu para homenagear os 400 anos da morte de Miguel de Cervantes (poeta, romancista e dramaturgo espanhol…

Mais Visitadas

Conheça o cearensês e saiba como surgiram vocábulos muito usados pelos cearenses

Arquivos de cartórios do Ceará integrarão árvore genealógica mundial

COPA DO MUNDO

São Luiz exibe "Vidas Secas" e homenageia Nelson Pereira dos Santos

Carta ao eleitor V