Socorro Acioli coordena especialização em Escrita Literária

EXPERIÊNCIA Socorro Acioli vem ministrando cursos e oficinas de escrita desde 2009 FÁBIO LIMA
EXPERIÊNCIA: Socorro Acioli vem ministrando cursos e oficinas de escrita desde 2009 FÁBIO LIMA
Com experiência de uma década no campo das oficinas de criação literária, a escritora Socorro Acioli, autora de A cabeça do santo, vai lançar em Fortaleza a primeira especialização em escrita literária do Norte e Nordeste. Com inscrições abertas desde o fim de janeiro, as aulas devem ter início no dia 10 de março e se estender até meados de 2019, com uma carga total de 360 horas.
“Pesquisei vários cursos, em outras universidades, em outros países, e vi que muitos deles misturam escrita para vários suportes, como roteiro e dramaturgia. Achei que era mais fortalecedor para nossa proposta que focássemos apenas na escrita literária”, explica Socorro, que ministra oficinas de escrita desde 2009 e que agora oferece a especialização em parceria com o Centro Universitário Farias Brito.
Dentro desse universo específico, diversos gêneros serão contemplados pela grade. Além do romance, o curso vai abordar conto, poesia, crônica e literatura infanto-juvenil. “A escrita é um processo de muitas etapas. E esse é o desafio: conseguir, dentro de um curso extenso, fazer os alunos encontrarem sua maturidade, respeitando suas particularidades”, explica Socorro.
Para esta primeira edição, um time de especialistas foi reunido por Socorro. São profissionais locais e nacionais de destaque no universo literário. De Fortaleza, participam como professores nomes como o jornalista Ronaldo Salgado, a editora Regina Ribeiro (das Edições Demócrito Rocha) e a revisora Joice Nunes. No time de professores convidados estão os escritores Julián Fuks (A resistência) e Marcelino Freire (Contos negreiros), o editor do Suplemento Pernambuco Schneider Carpeggiani e a editora Julia Bussius, da Companhia das Letras.
“Cada disciplina vai ter seus trabalhos, independente do trabalho final. Também vamos definir cinco orientadores para encontros que vão ocorrer de modo fracionado durante todo o curso”, explica Socorro, esclarecendo que será exigida, como trabalho de conclusão de curso, uma obra finalizada que se enquadre em um dos gêneros trabalhados.
Além de Fortaleza, onde ministrou diversas edições de seus cursos (na Fundação Demócrito Rocha e na Livraria Cultura), Socorro foi professora de escrita no Rio de Janeiro (no curso Clio, de preparação de diplomatas, onde teve o também escritor Raphael Montes entre seus alunos) e no Cabo Verde.
Especialização em escrita literária
Quando: início das aulas em março
Onde: Centro Universitário Farias Brito
Informações: 3486 9154
Disciplinas e professores
Estruturas narrativas
Socorro Acioli

Teoria e história do romance
Humberto Pinheiro
Romance
Julián Fuks
Ficção e linguagem
Max Franco
Teoria e prática da crônica
Ronaldo Salgado
Literatura e nação
Ana Maria Roland
Literatura e pensamento
Schneider Carpeggiani
Literatura para crianças e jovens
Marília Lovatel
Narrativa e oralidade
Tamara Bezerra
Teoria e prática do conto
Socorro Acioli
Poesia e criação
Marcelino Freire
Literatura e psicologia
Dauana Vale
Revisão e preparação
Joice Nunes
Literatura e mercado
Julia Bussius
Teoria da literatura
Sococrro Acioli
Literatura e jornalismo
Ethel de Paula
Leituras indicadas
Entre os livros recomendados por Socorro Acioli para a bibliografia básica da especialização está O escolhido foi você, coleção de entrevistas feita pela cineasta e escritora norte-americana Miranda July. Socorro ainda indica Romancista como vocação (Haruki Murakami), Ofício de escrever (Frei Betto), Como funciona a ficção (James Wood), Aulas de literatura (Julio Cortázar), O espírito da prosa (Cristovão Tezza), Se um viajante numa noite de inverno (Italo Calvino), A louca da casa (Rosa Montero) e Sobre a escrita (Stephen King).

JÁDER SANTANA

Comentários

Mais Visitadas

Conheça o cearensês e saiba como surgiram vocábulos muito usados pelos cearenses

COPA DO MUNDO

Arquivos de cartórios do Ceará integrarão árvore genealógica mundial

Carta ao eleitor V

São Luiz exibe "Vidas Secas" e homenageia Nelson Pereira dos Santos