Garota de 7 anos de Itapebussu impressiona por sua capacidade de declamar cordéis

A cultura popular é vivida e mostrada de diversas formas, no Nordeste, por exemplo através das poesias e dos cordéis. O cordelista é o repórter da vida do Nordeste. Por isso, grandes nomes como Patativa do Assaré, Chico Salles e Alberto Porfírio são referências.
Em Itapebussu, distrito de Maranguape, uma pequena garotinha vem fazendo sucesso. Com 7 anos, Samya Abreu tem surpreendido a todos com a habilidade de decorar e declamar cordéis que tanto aprecia, alguns com mais de 35 estrofes.

Tribuna do Ceará

Comentários

Mais Visitadas

Trinta Anos de Ordenação Sacerdotal do Pe. Geovane Saraiva

Parabéns, Padre Geovane!

Deus, alimento e remédio

Michelle Bachelet será a nova chefe de direitos humanos da ONU

Exposição traz obras do cearense José Ximenes