Postagens

Mostrando postagens de Maio 29, 2018

Sobre a manifestação dos caminhoneiros

Imagem
Angélica Sampaio*

Tenho visto, nesses últimos dias, muitos discursos por aqui sobre a manifestação dos caminhoneiros: alguns contra, outros a favor. Mas, o que mais chama a atenção nisso tudo, não é o objetivo do protesto, mas a “guerra” vernacular pra dizer de modo direto ou indireto, por meio de postagens, a intenção de apenas ofender, mostrar quem tem razão, passar nas “fuças” do outro que ele está errado porque a opinião dele é mais importante. Enfim... não vou me alongar nisso!  Nosso país está passando por um péssimo momento histórico e estamos vivenciando tudo com temor. Mas é isso, grandes transformações não ocorrem por meio de passe de mágica... Sendo assim, ninguém está isento de expor seu ponto de vista, mas, é preciso, antes de tudo, respeitar o outro, mesmo que ele não pense igual a você ou igual a mim. Inclusive, se você não concorda com o que estou dizendo, não tem problema, é apenas mais uma opinião. Enquanto pensarmos assim, que o problema é oriundo apenas de quem voto…

A Rússia na Literatura: 12 livros para conhecer a herança cultural russa

Imagem
Com a Copa do Mundo na Rússia se aproximando, nada mais justo do que lançar um olhar sobre a produção de uma das mais vigorosas culturas artísticas do planeta. A equipe do Segundo Caderno selecionou um conjunto de 12 livros e 10 filmes para conhecer (ou revisitar) a rica herança cultural russa.  No campo da literatura, a Rússia foi o berço de alguns dos principais escritores do estilo realista, com seu olhar amplo e totalizante que pretendia abarcar não apenas um grande panorama ficcional, mas dizer algo sobre a Rússia enquanto sociedade.
A grande literatura russa do século 19 não se furtava a um debate que era o da própria sociedade russa: a arte europeia, transplantada para o território, tinha mesmo algo que o povo russo podia reconhecer como próprio ou era apenas a imposição de uma cultura estrangeira (muito influenciada pelas visões francesas e germânicas) que havia sobrepujado a cultura eslava original? O debate opôs gênios do calibre de Ivan Turguêniev (1818 – 1883), para quem …

Os novos leitores

Imagem
Leandro Karnal, O Estado de S. Paulo Sem ter plena consciência disso, ao ler este texto, você está fazendo parte de uma transformação radical. O surgimento de símbolos que registram ideias foi uma revolução. Poder ler, caro leitor e querida leitora, é habilidade com mais de cinco milênios de histórias.  Houve cinco berços de escrita no nosso planeta: Egito, Sul da Mesopotâmia, Mesoamérica, China e vale do Rio Indo. Há um debate sobre o uso andino dos quipos (sistema de nós em cordões) como escrita tridimensional. Decifrar uma escrita traz um universo de descobertas para a compreensão do passado. Escrita e Estado estão associados e a função de escriba é, praticamente, uma função oficial. Os governantes e seus aliados burocráticos controlam impostos, leis, quantidades de estoques, contratos e textos religiosos. O mais frequente registro escrito, por exemplo em Ur (Suméria) ou em Palenque (Iucatã), trata de listas de reis e dos seus feitos. A escrita possibilitou o controle sobre as popu…

Paralisação dos caminhoneiros é tema de debate na Uece nesta terça

Imagem
O Observatório das Nacionalidades realiza nesta terça-feira (29/05), a partir das 16h, o debate “O Movimento dos Caminhoneiros e a Situação Política Brasileira”. O evento ocorre no auditório do Mestrado Acadêmico em História (Mahis) da Universidade Estadual do Ceará (Uece). 
A greve entra no nono dia, gerando impacto em diferentes setores, como combustíveis, transporte, abastecimento, saúde, entre outros. A situação levou a um agravamento da crise política do País, levando o Governo a ceder em pontos como redução do preço do diesel e isenção de impostos os combustíveis e mudanças na periodicidade do cálculo da tarifa.
Mais informações no fôlder do evento.  Fonte: UECE

Jorge Vercillo faz show em Fortaleza no Dia dos Namorados

Imagem
O cantor e compositor carioca Jorge Vercillo fará show em Fortaleza no próximo dia 12 de junho, data em que se comemora o Dia dos Namorados. Ele se apresenta na Biruta, com ingressos de R$ 40 a R$ 250. “Preparamos algo diferente de tudo o que já apresentamos ao público antes. A música exerce uma magia muito especial em nossas vidas e desejo que todos desfrutem dessa experiência com a gente”, diz Vercillo, que traz a turnê A Experiência 2018. No repertório, sucessos como “Ela Une Todas as Coisas”, “Final Feliz” e “Monalisa”. Canções mais recentes como “Talismã sem Par” e “Pode Ser”, do álbum “Vida é Arte”, também entra. Vercillo apresentará ainda as inéditas “Minhas Escolhas”, composta com o gaúcho Antônio Villeroy, e “Samba Oração”, homenagem a Jorge Mautner. Para A Experiência 2018, o cantor divide o palco com músicos André Neiva (contrabaixos e vocal), que também assina a direção musical do show; Misael da Hora (teclados e vocal); Claudio Infante (bateria) e Bernardo Bosisio (violã…

Mais Visitadas

Alagoano que dirigiu filme que teve cenas gravadas em Penedo toma posse na ABL

Literatura e cinema ajudaram a tornar Notre-Dame conhecida no mundo

Principal nome da literatura feita para crianças no Ceará, Horácio Dídimo, morto em 2018, pode ser homenageado em Dia Estadual da Literatura Infantil

Herança do governo golpista

Catedral de Notre-Dame, em Paris, sofre incêndio na tarde desta segunda-feira