Postagens

Mostrando postagens de Dezembro 2, 2019

Anúncios Parceiro Magalu - Erigleissonevoce

Secult Ceará lança Comenda Patativa do Assaré 2020 e recebe indicações de nomes para homenagem

Imagem
Quem você indicaria para receber a Comenda Patativa do Assaré e celebrar a cultura popular tradicional? A Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult) lança a  Comenda Patativa do Assaré 2020 e, entre os dias 29 de novembro a 13 de dezembro de 2019, recebe indicações de nomes para receber esta importante homenagem. A condecoração é dada a personalidades, artistas, poetas, cantadores, pesquisadores(as) que se destacaram por suas relevantes contribuições à Cultura Popular Tradicional. Nesta edição, 5 (cinco) agraciados(as) receberão a comenda. As indicações podem ser feitas através de um formulário online, clique aqui para acessar. Na mais recente edição da Comenda Patativa do Assaré, o Conselho Estadual de Política Cultural do Ceará (CEPC) aprovou, em maio de 2019, os nomes dos agraciados, também após indicação aberta ao público. A folclorista Elzenir Colares, o repentista e poeta Pedro Bandeira, e o também poeta popular Geraldo Gonçalves (In Memoriam) receberam a comenda do Gove…

Milton Hatoum: a volta do narrador desgarrado

Imagem
O escritor retoma trilogia sobre a ditadura no volume 'Pontos de Fuga', com debate no projeto 'Sempre um Papo', nesta se gunda-feira (2) Aos 67 anos, Milton Hatoum anda evitando falar sobre política. O assunto, ele diz, o deixa desgostoso e amargurado. O escritor confessa que prefere mesmo é debater sobre literatura: “É sempre muito mais viva”. O problema é que o tema sensível é inescapável, já que o livro “Pontos de Fuga” (Cia. das Letras, 312 páginas, R$ 49,90) tem como pano de fundo a ditadura militar brasileira em seu momento mais agudo e truculento, nos anos 70. Para ele, o lançamento do livro em um momento de extrema tensão política foi uma espécie de triste coincidência. “Me assusta ver, hoje, pessoas evocando o AI-5, que foi a coisa mais antidemocrática que existiu”, avalia Hatoum, que participa nesta segunda do projeto Sempre Um Papo, a partir das 19h30, na sala Juvenal Dias do Palácio das Artes. O livro é o segundo volume da trilogia “O Lugar Mais Sombrio”, …

"Alucinação", novo livro de Daniel Perroni Ratto, reverencia Belchior com poemas para incomodar

Imagem
Daniel Perroni Ratto teve uma infância culturalmente privilegiada ao ser criado em meio ao Pessoal do Ceará. À época, entre outras vivências, era costume a voz de Belchior passear por entre os ouvidos e, já ali, em tenra idade, motivar uns versos e postura crítica perante o mundo e a vida. A alta voltagem do que escutou logo traduziu-se em poemas, os quais encontram-se reunidos no novo livro do autor paulista, "Alucinação". Lançada em Fortaleza, a obra chega às mãos do público com importante reconhecimento: é a vencedora do Prêmio Guarulhos de Literatura 2019, na categoria Escritor do Ano. Dividido em cinco capítulos e publicado pela Editora Algabora - de propriedade do autor - o exemplar configura-se, conforme Ratto, como um "livro de guerrilha, alerta, de botar o dedo na ferida, incomodar o status quo, a cultura hegemônica". Tal característica esparrama-se, de maneira inteligente, por entre cada parte do material - prefaceado por Vanderley Mendonça, do selo Demô…