Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Setembro 3, 2016

Enem deve mudar a partir de 2017

Nos dias 5 e 6 de novembro, estudantes podem fazer o que talvez seja o último Enem nos atuais moldes. MEC cogita mexer na estrutura da prova, mudando aspectos pedagógicos, científicos e metodológicos da aplicação
Daqui a dois meses, será aplicado o que pode ser o último Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) no atual formato. Os candidatos inscritos para a edição deste ano não têm com o que se preocupar, pois a estrutura das provas, a logística e a segurança serão mantidas. No entanto, a intenção da presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), Maria Inês Fini, é promover mudanças que passam, inclusive, pelos objetivos do exame.

Fini participou da criação do Enem, em 1998. E propõe retomar vários dos conceitos originais. Ela afirma que as mudanças passam por “estruturação pedagógica, científica, metodológica e de medida da prova”, que seria mais voltada à resolução de problemas. “Se o nosso ministro concordar, e ele parece concordar, já em…

Jackie Chan receberá um Oscar honorário

O rei das artes marciais começou atuar quando criança na década de 1960 em Hong Kong.


Jackie Chan, em Sydney, no dia 28 de julho de 2016 A estrela dos filmes de ação Jackie Chan receberá um Oscar honorário em reconhecimento à sua carreira cinematográfica, informou nesta quinta-feira a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas dos Estados Unidos. O rei das artes marciais, conhecido por seu lado comediante e seu estilo de luta acrobática, começou a atuar quando criança na década de 1960 em Hong Kong, onde nasceu, e já participou de mais de 150 filmes em seus 62 anos de vida. A editora de cinema Anne Coates, o diretor de elenco Lynn Stalmaster e o documentarista Frederick Wiseman também receberão a estatueta na cerimônia dos Governors Awards da Academia, em novembro. "O prêmio honorífico foi criado para artistas como Jackie Chan, Anne Coates, Lynn Stalmaster e Frederick Wiseman, verdadeiros pioneiro e lendas de sua arte", anunciou o presidente da Academia que entrega o Oscar…

'Loucas de Alegria' retrata amizade entre mulheres

É num humor negro peculiarmente italiano que o filme de Virzì encontra sua identidade.


Cena do filme "Loucas de Alegria" de Paolo Virzì. Por Neusa Barbosa Despontando como um dos grandes nomes de um novo cinema italiano, Paolo Virzì compõe em “Loucas de Alegria” uma comédia dramática em torno de personagens disfuncionais. Para o êxito da empreitada, conta com o envolvimento total de duas atrizes em plena forma, Valeria Bruna Tedeschi (que atuou no filme anterior de Virzì, “Capital Humano”) e Micaela Ramazzotti (sua musa em “A primeira coisa bela”). É possível enxergar referências múltiplas na história destas duas mulheres, Beatrice (Valeria) e Donatella (Micaela), internas numa clínica psiquiátrica, a Villa Biondi, para pacientes com algum passivo com a justiça. Uma destas referências, certamente, é “Thelma e Louise”, de Ridley Scott, especialmente no segmento em que as duas fogem e caem na estrada num automóvel roubado. No entanto, é num humor negro peculiarmente italiano – e…

Ingrid Guimarães brilha em comédia

Ingrid dá um show com papel que abre diversas possibilidades de humor e um drama leve.


Caco Ciocler e Ingrid Guimarães em cena da comédia romântica. Por Alysson Oliveira A comédia romântica é, provavelmente, um dos gêneros cinematográficos mais maltratados, em que diretores, roteiristas e produtores raramente saem da zona de conforto. Em geral, preferem uma fórmula fixa que, quase sempre, se resume a uma mulher que descobre que não pode viver sem um certo homem e precisa passar por cima de diferenças para chegar ao final feliz. Essa premissa funcionava muito bem até certo tempo atrás, mas, de uns anos para cá, dá sinais de cansaço especialmente por conta das conquistas das mulheres. “Um Namorado para Minha Mulher”, de Julia Rezende (“Ponte Aérea”, “Meu passado me Condena”), se coloca numa encruzilhada: como ser fiel à tradição mas também respirar os ares da mudança? A incapacidade do filme de sair desse dilema que ele mesmo cria talvez seja em si sua percepção do papel da mulher no mund…

Grecianny Cordeiro em sessão de autógrafos de sua obra Anjo Caído - 24ª Bienal do Livro SP

Grecianny Cordeiro compartilhou a publicação de Helder Cordeiro Jr. — com Enzo Cordeiro e outras 8 pessoas.12 h ·  A Bienal de SP é um espetáculo. Interação perfeita entre livros, autores e leitores. Revi amigos e familiares queridos. 😀😀 foi bom demais e amanhã tem mais.

Esporte adaptado pode ajudar no resgate da autoestima de pessoas com deficiência

Sabrina Craide - Repórter da Agência Brasil Associação oferece programa de iniciação ao esporte, que atende gratuitamente a cerca de 250 crianças e adolescentes que nasceram ou se tornaram deficiente - Foto Divulgação/ADDDivulgação ADD




















Reabilitação, resgate da autoestima e socialização são alguns dos benefícios da prática do esporte adaptado para pessoas com deficiência, mesmo que elas não acabem se tornando atletas, como as que vão participar da Paralimpíada do Rio de Janeiro, a partir da próxima semana. O coordenador de Programas Esportivos Adaptados da Associação Desportiva para Deficientes (ADD), Sileno Santos, diz que nem todas as pessoas que participam do programa de iniciação ao esporte da entidade têm o perfil para ser um atleta. Nesses casos, a ADD trabalha a questão do entendimento do esporte como forma de manutenção da saúde. “O esporte faz bem para qualquer pessoa, independentemente de ela ser deficiente. Mas, antes, a gente tem que despertar o gosto nessas pessoas. Elas prec…