Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Janeiro 27, 2021

Alma pequena, jamais!

Padre Geovane Saraiva* Bendito seja Deus, pois Ele nos consola em nossas aflições (cf. 2 Cor 1, 4), as quais muito nos desafiam. Jesus de Nazaré, aquele que em suas atividades salvíficas, frequentemente, se retirava aos lugares reservados para rezar, antes de um procedimento miraculoso, erguia os olhos ao céu num gesto de se voltar ao Pai e implorava suplicantemente em oração. Também ao cair da tarde, “depois de despedir a multidão”, retirava-se, a sós, “à montanha para rezar” (cf. Mt 14, 23; Lc 6, 12). Portanto, jamais devemos prescindir da sabedoria encarnada de Deus Pai, no Filho Jesus, em sua essência, no sentido mais elevado, com muita lucidez, de alma grande e aberta, ao sonho de justiça, paz e fraternidade. Devemos compreender, viver, perseguir e também não hesitar, neste mundo tão complexo, sem ignorar os sinais da diversidade. Não se pode mesmo dispensar a proposta da instauração do Reino de Deus, nos estigmas da violência e da miséria, da intolerância e do preconceito. Hesita