Postagens

Mostrando postagens de Abril 19, 2018

O Dia do Índio não é todo dia

Imagem
Grecianny Carvalho Cordeiro*
“Agora ele só tem o dia 19 de abril”. Na antiga capitania do Siará (Ceará), nos idos de 1600, os índios eram seus únicos habitantes. Vivam da pesca e da agricultura. Havia os tupis, os cariris, os cariús, os tabajaras, os potiguaras, etc. Era comum as tribos brigarem entre si e muitas praticavam a antropofagia.  Com a chegada dos invasores europeus, os índios começaram a estabelecer relações de troca de mercadorias, além de alianças políticas. Muitos índios foram catequisados pelos jesuítas e se converteram à fé cristã. Quando os holandeses aqui chegaram, alguns índios aderiram à religião calvinista. Falemos agora sobre um índio em específico, desconhecido para muitos cearenses e que, para sua época, poderia ser considerado um visionário. Antonio Paraupaba, de origem Potiguara, nasceu na capitania do Siará, na Aldeia (Santo Antonio do) Pitaguary, atual Maranguape. Em 1625, aos 18 anos, às expensas da Companhia Holandesa das Índias Ocidentais, viajou para os Pa…

Presidente da ABL, Acadêmico Marco Lucchesi, recebe homenagem do Colégio Salesiano, de onde foi aluno no Ensino Médio

Imagem
O Presidente da Academia Brasileira de Letras, Acadêmico, poeta e tradutor Marco Lucchesi, será o grande homenageado da XIV Feira Literária do Colégio Salesiano Santa Rosa, em Niterói, Rio de Janeiro, de onde foi aluno no Ensino Médio. O evento está programado para os dias 18 a 20 de abril, de quarta-feira a sexta-feira, naquela instituição (Rua Santa Rosa, 207). A homenagem será no último dia do evento, às 10 horas, com a presença de Lucchesi. Além da Feira de Livros, estão programadas exposições de artesanato e artigos literários, com a participação de expositores externos. A programação inclui, também, atividades culturais e lúdicas. O ACADÊMICO Sétimo ocupante da cadeira nº 15 da ABL, eleito em 3 de março de 2011, Marco Lucchesi é poeta, romancista, ensaísta e tradutor. Publicou mais de 40 livros ao longo de sua trajetória. Primeiro filho brasileiro de uma família italiana, o Presidente da ABL notabilizou-se pela criatividade marcada por uma sólida formação intelectual – que inclu…

Está na hora de mudar a forma como comemoramos o Dia do Índio

Imagem
A representação do “índio genérico” não vale mais para representar todas as etnias presentes no país. Mas por que será que ainda persiste? Soraia Yoshida Foto: Getty Images Uma pergunta para você, professor: quando fala em índio brasileiro, qual é a imagem que passa aos alunos? A turma ainda faz cocar de cartolina e penas? Cara pintada de guache? Se esse é o caso, a atividade pode ser movida pela melhor das intenções – discutir inclusão e diversidade cultural – mas naufraga no mar de estereótipos do Brasil colônia. Para reciclar esse imaginário, NOVA ESCOLA ouviu alguns especialistas para sugerir atividades, abordagens e leituras que vão diminuir esse abismo entre vida real e sala de aula. LEIA MAIS   Para melhorar a Educação, os professores precisam ganhar mais Mas primeiro, vamos aos fatos: a Lei nº 11.645, promulgada em março de 2008, determina a inclusão nos currículos escolares da Educação Básica pública e privada o ensino da História e Culturas Afro-brasileiras e Indígenas. Dez an…

Arábia Saudita inaugura 1º cinema do país em evento com convidados ilustres

Imagem
Em Riad Center for International Communication via AP A Arábia Saudita inaugurou seu primeiro cinema comercial nesta quarta-feira, colocando fim a uma proibição de quase 40 anos como parte de uma campanha do príncipe herdeiro Mohammed bin Salman para abrir o reino muçulmano altamente conservador. Entretanto, sauditas comuns precisarão esperar mais algumas semanas antes de conseguirem assistir a um filme. Apenas convidados poderão assistir a exibições privadas em Riad neste mês, e a inauguração para o público geral será realizada em maio, informou a operadora AMC Entertainment Holdings. Autoridades graduadas do governo, importantes figuras estrangeiras e da indústria do entretenimento devem assistir ao filme da Marvel "Pantera Negra" no evento de abertura do cinema. A exibição servirá como um teste da única sala montada até agora no local, um auditório de concertos sinfônicos rapidamente equipado com um telão para cumprir a data de inauguração anunciada há duas semanas. Apes…

Mulheres dominam o júri do Festival de Cannes

Imagem
Cate Blanchett, que sucede como presidente do júri o cineasta espanhol Pedro Almodóvar, será a 12ª mulher a comandar o júri em 71 edições do festival. O anúncio dos vencedores do festival está previsto para 19 de maio. (Alberto Pizzoli/AFP/Getty Images)
Um júri majoritariamente feminino, presididido pela atriz australiana Cate Blanchett e com as presenças das atrizes Kristen Stewart e Léa Seydoux, definirá o vencedor da Palma de Ouro, na primeira edição do Festival de Cannes desde as revelações de assédio sexual no mundo do cinema e do escândalo Weinstein.
"Diante de uma competição com um perfil renovado, que apresenta cineastas que comparecem pela primeira vez, o júri da próxima edição do Festival de Cannes convida cinco mulheres, quatro homens, sete nacionalidades e cinco continentes", anunciou o festival em um comunicado.
No júri, a atriz americana Kristen Stewart ("Crepúsculo") e a francesa Léa Seydoux ("Azul é a Cor Mais Quente") estarão ao lado do d…

Entra em vigor lei que aumenta pena para motorista embriagado

Imagem
Entra em vigorar nesta quinta-feira (19) a Lei 13.546/2017, que ampliou as penas mínimas e máximas para o condutor de veículo automotor que provocar, sob efeito de álcool e outras drogas, acidentes de trânsito que resultarem em homicídio culposo (quanto não há a intenção de matar) ou lesão corporal grave ou gravíssima. A nova legislação, sancionada pelo presidente Michel Temer em dezembro do ano passado, modificou artigos e outros dispositivos do Código Brasileiro de Trânsito (Lei 9.503/1997).  Antes, a pena de prisão para o motorista que cometesse homicídio culposo no trânsito estando sob efeito de álcool ou outras drogas psicoativas variava de 2 a 5 anos. Com a mudança, a pena aumenta para entre 5 e 8 anos de prisão. Além disso, a lei também proíbe o motorista de obter permissão ou habilitação para dirigir veículo novamente. Já no caso de lesão corporal grave ou gravíssima, a pena de prisão, que variava de seis meses a 2 anos, agora foi ampliada para prisão de 2 a 5 anos, incluindo…

Mais Visitadas

Alagoano que dirigiu filme que teve cenas gravadas em Penedo toma posse na ABL

Literatura e cinema ajudaram a tornar Notre-Dame conhecida no mundo

Principal nome da literatura feita para crianças no Ceará, Horácio Dídimo, morto em 2018, pode ser homenageado em Dia Estadual da Literatura Infantil

Herança do governo golpista

Catedral de Notre-Dame, em Paris, sofre incêndio na tarde desta segunda-feira