Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Dezembro 16, 2021

Esperança, ao sair das cinzas

  Pe. Geovane Saraiva* Diante da escuridão dos corações humanos, armados, querendo rechaçar a luz ou mesmo dominá-la, que resplandeça a esperança no Sol da justiça, a partir do apóstolo Paulo, ao se encontrar com a luz do Senhor, que se apoderou dele no luminoso caminho para Damasco (cf. At 9, 3). Pela fé, todos os crentes podem perceber em seus corações a luz a fluir e emanar de Cristo. Paulo compara essa iluminação à do primeiro dia da criação, mas em Jesus de Nazaré, filho de Maria e do carpinteiro José, cogitando, evidentemente, desmanchar a montanha da falta de esperança, do orgulho, do egoísmo que está dentro de nós, contrapondo os dois reinos, o da luz e o das trevas, com suas respectivas armas e ações, para recomendar sempre a permanência da luz genuína e verdadeira (cf. Rm 13, 11). A bela imagem de Cristo Salvador, apresentada como o cumprimento das prometidas profecias como luz do Senhor ao mundo, realiza-se na profecia de Isaías (cf. Mt 4, 16), e também em Zacarias, imagem e