Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Setembro 25, 2018

Memórias da televisão na banda larga da literatura

Em viagem poética pelo Rio dos anos 1970, o jornalista Marcus Veras revê os bastidores da TV em Os últimos dias em preto e branco Jornal do Brasil RODRIGO FONSECA *, Especial JB Loucura, invenção e empreendedorismo (à base de risco) compõem a programação da TV Carioca, fictícia emissora. Ela sacudiu o Rio de Janeiro imaginário, mas com doses fartas de realidade e de ditadura militar, desbravado nas páginas de “Os últimos dias em preto e branco – Um romance nos bastidores da TV em 1970”, que o jornalista Marcus Veras lança hoje, a partir das 19h, na Blooks Livraria, em Botafogo. Ponte entre o Brasil e o Troféu Platino – premiação latino-luso-americana apelidada de “O Oscar das Américas” –, o veterano repórter, fotógrafo e assessor de imprensa, que foi crítico de música no JB dos anos 1990, revive a década de 1970 a partir dos bastidores de uma estação de TV. Um programa de calouros é o caminho encontrado pelo canal para resistir à concorrência da TV Tupi, da Rede Globo e das demai

Silviano Santiago e Adelaide Ivánova vencem o Prêmio Rio de Literatura 2018

Maria Fernanda Rodrigues, O Estado de S. Paulo Em sua terceira edição, o   Prêmio Rio de Literatura   anunciou nesta segunda-feira, 24, os vencedores de suas quatro categorias. O escritor e crítico literário  Silviano Santiago  ganhou na categoria Prosa de Ficção por seu livro  Machado  (Companhia das Letras). O romance, sobre a vida de  Machado de Assis , já rendeu ao autor o título de Livro do Ano de Ficção do  Prêmio Jabuti  em 2017. Agora, Silviano Santiago ganhou R$ 100 mil. A poeta pernambucana  Adelaide Ivánova  também ganhou R$ 100 mil por seu livro  O Martelo  (Garupa), o melhor da categoria Poesia. Já o geógrafo Paulo César da Costa Gomes venceu em Ensaios, com  Quadros Geográficos: Uma Forma de Ver, Uma Forma de Pensar  (Bertrand), e também ganhou R$ 100 mil. Concedido pela Secretaria de Estado de Cultura do Rio e pela Fundação Cesgranrio, o Prêmio Rio de Literatura premia, também, um jovem autor fluminense com R$ 10 mil e uma tiragem de sua obra premiada

Prêmio Festival de Música Rádio MEC será entregue hoje no Rio

Os vencedores do Festival de Música Rádio MEC 2018 serão conhecidos hoje (25) à noite. A festa será realizada a partir das 20h, no Teatro João Caetano, no centro do Rio de Janeiro, aberta ao público. Os ingressos podem ser retirados gratuitamente na sede da Rádio MEC, na Avenida Gomes Freire, 474, na Lapa. Na oportunidade, serão conhecidos os vencedores nas categorias Música Clássica, Música Instrumental e Música Popular Brasileira, além dos ganhadores de Música Infantil e Melhor Música Voto Popular (internet). A votação está aberta no  site  até as 19h desta terça-feira. Todos podem escutar as 12 finalistas e eleger a música preferida, acessando o  link da rádio . Foram 260 músicas inscritas e, além do júri técnico formado por especialistas da Rádio MEC, os 12 finalistas foram eleitos por um júri artístico. Na categoria MPB-Canção, o corpo de jurados é formado por Da Ghama, Júlia Vargas e Roberta Spindel. Na MPB-Infantil, os jurados são Rafa Gomes, Chaps de Melo e Mariana P

Homenagem pelos 30 Anos de Vida Sacerdotal do Pe. Geovane Saraiva em Literatura de Cordel