Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro 15, 2019

Antonio Candido escreve sobre Grande Sertão: Veredas

Crítico literário considerou a obra de Guimarães Rosa 'sem precedentes' Estadão Acervo - O Estado de S.Paulo Suplemento Literário - 06/10/1956 Fonte: https://acervo.estadao.com.br

O vírus do amor…

... e mais alguns pixabay Algumas frases que talvez agradem aos leitores das sextas-feiras, pelo menos por um detalhe: são todas curtíssimas. +++ ANTÍDOTO Tantas doenças no mundo. Quem nos injetará nas veias o maravilhoso vírus do amor?
RESPOSTA Disse amor olhando para o céu e sua boca instantaneamente se encheu de estrelas.
SECTARISMO Se Priscylla Mariuszka Moskevitch fosse a sacerdotisa de uma seita, eu seria o mais fanático dos seus seguidores e morreria por ela na fogueira.
CAOS No início era só o verbo, e tudo era fácil. Depois a gramática começou a gerar substantivos, adjetivos e advérbios. Era já o prenúncio de calamidades como a crase.
VOO Se um dia Plácida Mangels Martinovska passar voando, criarei asas na hora, ou maldirei Deus.
INQUISIÇÃO Se Petra Martucci Martelli for levada a um tribunal por feitiçaria, serei a primeira testemunha de acusação. Deixarão um sapo depor?
TESTEMUNHO Irmão, aleluia. Vou me livrando dos pecados. Antes, batia nos meus pais e era viciado no amor …

“A Paixão de Cristo”: segunda parte, “A Ressurreição”, pode estrear ainda em 2019

Ansiada sequência mostrará os 3 dias de angústia dos apóstolos antes da Ressurreição, bem como os tenebrosos bastidores do poder que condenou JesusO astro Jim Caviezel, intérprete de Jesus Cristo no aclamado filme “A Paixão de Cristo”, de 2004, informou ainda no ano passado, em entrevista ao popular jornal USA Today, que a produção do diretor Mel Gibson contaria em breve com uma sequência. Agora, já começam a surgir notícias de que a “A Paixão de Cristo: A Ressurreição” chegará aos cinemas até no máximo a Semana Santa de 2020 – ou talvez ainda no final de 2019. A históriaSegundo Jim Caviezel, a sequência começaria exatamente onde o primeiro filme terminou: no sepultamento de Jesus. A partir daí, a história seguirá detalhadamente os três dias de angústia vividos pelos apóstolos à espera da Ressurreição do Senhor. Além da excruciante experiência de fé e provação dos apóstolos e de Maria durante o tríduo sacro, estarão em foco no roteiro de “A Paixão de Cristo: A Ressurreição” também as tor…

Minha opinião

Por Gonzaga Mota - Professor aposentado da UFC
Perguntaram-me, certa vez, quais as quatro personalidades públicas de atuação nacional que eu destacaria, ao longo de minha vida. Difícil indagação, vez que no período existiram figuras notáveis e não gostaria de cometer injustiças. Mas, como curioso da História do Brasil, não deixei de emitir a minha modesta opinião.  Sei que agradarei a alguns e desagradarei a outros. Sugiro ao leitor, caso concorde ou não, pesquisar e analisar informações mais detalhadas, pois a contradita faz parte da democracia. Seguirei no resumido artigo a ordem cronológica: ministro Oswaldo Aranha, presidente Castelo Branco, deputado Ulysses Guimarães e general Villas Boas, mais recentemente. As quatro personalidades tiveram em comum a defesa da democracia e a luta contra a corrupção.  Oswaldo Aranha, brilhante, de grande conceito internacional, foi decisivo, quando da Segunda Guerra Mundial, levou o Brasil a apoiar os Aliados, cuja liderança principal foi o então…

Festival Internacional de Contos “Lamparina de Histórias” homenageia a cultura afro-brasileira

Realizado pela Casa da Prosa, o festival homenageia a tradição oral africana e a cultura afro-brasileira de 14 a 16 de fevereiro no Centro Cultural Banco do Nordeste Fortaleza e na Escola Euclides Pereira Gomes no Pecém. O narrador e mediador cultural Boniface Ofogo estará pela primeira vez em Fortaleza. Foto: Divulgação / Evento Idealizado em 2009, pela narradora e educadora Júlia Barros, o festival Lamparina de Histórias: Festival Internacional de Contos, completa 11 anos de atuação e ganha sua primeira edição internacional. O objetivo é valorizar o registro e a preservação da memória oral dos contadores de histórias tradicionais espalhados pelo mundo. Nesta edição, o festival homenageia a tradição oral africana e a cultura afro-brasileira e traz pela primeira vez a Fortaleza, o escritor e narrador Boniface Ofogo. Toda a programação é gratuita e acontecerá de 14 a 16 de fevereiro, no Centro Cultural Banco do Nordeste, em Fortaleza, e na Escola Euclides Pereira Gomes, no Pecém. O eve…