Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Julho 17, 2017

Brasil produziu os filmes ibero-americanos mais vistos em 2016

Da EFE Em 2016, foram produzidos 900 filmes pelos países ibero-americanos, classificação que inclui os países latino-americanos e da Península Ibérica: Portugal e Espanha. O grupo foi o quarto do mundo em volume de produções, ainda que a arrecadação represente apenas 0,92% do total mundial, de acordo com a segunda edição do Anuário do Cinema da Ibero-América. A informação é da agência EFE. Os filmes mais vistos foram os brasileiros  Os Dez Mandamentos - O Filme , obra de Alexandre Avancini, com 11,35 milhões de espectadores, e  Minha mãe é uma peça 2 , de César Rodrigues, com 8,18 milhões de espectadores. Esses dois filmes são seguidos pelos mexicanos  ¿Qué Culpa Tiene el Niño?  , de Gustavo Loza, com 5,98 milhões, e  No Manches Frida , dirigida pelo espanhol Nacho. G. Velilla, com 5,20 milhões. A espanhola  Sete Minutos Depois da Meia-Noite , de Juan Antonio Bayona, teve 4,61 milhões de espectadores. A informação faz parte de estudo, apresentado hoje na sede de Casa da Améri

Cão-guia robô promete autonomia e liberdade para pessoas com deficiência visual

Do BOL, em São Paulo Divulgação Trata-se de um cão-guia para ajudar os deficientes visuais a se locomoverem com segurança e autonomia A empreendedora Neide Selim criou um produto capaz de ajudar milhões de pessoas positivamente. Lysa, como é chamada a tecnologia, é um produto simples, mas que pode ajudar pessoas com deficiência visual a se locomoverem com segurança e autonomia. Em vez de um cachorro como guia, Neide criou um companheiro robô, que oferece melhorias e maiores possibilidades aos usuários do que a bengala e o próprio cão, de forma a manter a integridade física e principalmente ampliar consideravelmente a liberdade e a confiança de quem a usar. O cão-robô Lysa não só reconhece buracos e obstáculos no chão, mas, principalmente, por meio de sensores, vê um problema que a maioria das pessoas não percebe: os obstáculos aéreos, localizados acima da linha da cintura. Lysa alerta (como um cão que fala) e cria uma rota alternativa, "puxando" o usuári

Cearenses lançam aplicativo para dar visibilidade a cultura do Nordeste

Com a intenção de mostrar a diversidade cultural do Nordeste,  um  jovem cearense  decidiu desenvolver um  aplicativo  que reúne várias informações de todos os nove estados da região. A ideia surgiu quando o estudante de Matemática da Universidade Federal do Ceará (UFC)  Lucas Rodrigues  percebeu a ausência de uma ferramenta que falasse da  cultura nordestina . “Eu fiz uma pesquisa no Google sobre aplicativos para falar sobre a região Nordeste e não encontrei nenhum. O Nordeste é tão grande, mas não tem nenhuma plataforma que englobe a sua cultura”, explicou Lucas. Para a produção dos conteúdos do aplicativo, chamado de Nordestilidades, o cearense de Beberibe, a 79 km de Fortaleza, contou com a ajuda de outras três estudantes da escola profissionalizante Pedro de Queiroz Lima. Mariana Oliveira, Ariane Lima e Camila Melo pesquisaram sobre a cultura nordestina e disponibilizaram as principais informações da região. Quem baixar o aplicativo vai saber dos aspectos geográficas e cult

Museu da Fotografia abre nova turma para curso de fotografia digital básica

Devido ao rápido preenchimento das vagas para a primeira edição curso de fotografia digital básica, que será realizado no próximo final de semana, o Museu da Fotografia Fortaleza ( MFF ) abriu uma nova turma para os dias 22 e 23 de julho. As inscrições para esta segunda edição já estão abertas e podem ser feitas diretamente na recepção do equipamento. O público-alvo é direcionado para todos os interessados em conhecer o  universo da fotografia . O valor do investimento é de R$ 80,00 para inscrições realizadas até 15 de julho. Depois desse prazo, a inscrição custará R$ 100,00. A capacitação, que integra a programação de férias do Museu, será conduzida por  Markos Montenegro , fundador e diretor da Travessa da Imagem, primeira escola de fotografia do Ceará. Com aulas teórica e prática, os participantes aprenderão de forma dinâmica técnicas de aperfeiçoamento fotográfico. No primeiro dia de curso, os alunos conhecerão os  tipos de câmeras digitais , o manuseio adequado do equipam

Terceiro ano da Feira Índice - voltada a publicações literárias independentes do Estado

Feito a 12 mãos: projeto do selo Indícios envolveu seis artistas divididos em dupla. Na ocasião do lançamento, durante a Feira Índice, publicações serão construídas com participação do público, que poderá levar exemplares das obras. Livrarias de pequeno porte, editoras independentes, sebos de publicações impressas, zineiros, escritores e artistas visuais: é nessa mistura de letras e grafismos, criatividade e inovação, que o terceiro ano de realização da Feira Índice acontecerá neste domingo (16), das 16h às 20h, no Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura (CDMAC). Conhecido por fomentar o mercado editorial alternativo na cidade, o projeto pretende ganhar maior visibilidade a partir do prosseguimento da efetiva presença de autores no evento, embora não somente. Um dos grandes destaques da programação em 2017 envolve o lançamento do selo literário Indícios, numa parceria firmada entre o Instituto Dragão do Mar, a Feira Índice e a gráfica Riso Tropical. Indo na mão do princípio aut

Japão proíbe visitas à ilha de Okinoshima, patrimônio mundial da Unesco

Os monges xintoístas serão os únicos que poderão ter acesso à ilha, assim como pesquisadores que trabalham para preservar a zona. Segundo a tradição, o único residente de Okinoshima, situada diante de Kyushu, a ilha mais meridional do Japão, é um monge. (AFP) Tóquio - O Japão proibirá a partir do próximo ano as visitas à ilha de Okinoshima, um dos lugares mais sagrados do arquipélago e inscrito no domingo passado no patrimônio mundial da Unesco. Esta ilha no Mar do Japão estava vetada às mulheres e só recebia visitantes um dia por ano, em 27 de maio. Seu número se limitava a 200 homens, que deviam fazer suas abluções antes de entrar em Okinoshima. Mas o complexo de templos Munakata Taisha, proprietário da ilha, decidiu proibir a partir de 2018 as visitas de todos os laicos, mulheres ou homens, para proteger o lugar, segundo um dos porta-vozes. Os monges xintoístas serão os únicos que poderão ter acesso à ilha, assim como pesquisadores que trabalham para preservar a zona.

Roseann Kennedy conversa com Ignácio de Loyola sobre inspirações e literatura

Da Agência Brasil Conversa com Rosean Kennedy, da TV Brasil, entrevista Ignácio de Loyola Brandão TV Brasil/Divulgação Autor de “Zero” e “Não verás país nenhum”, o escritor e jornalista Ignácio de Loyola Brandão é o entrevistado do programa  Conversa com Roseann Kennedy  da próxima segunda-feira (17), na  TV Brasil , às 21h30. O bate-papo envereda pelo universo dos romances, personagens, processo de criação e memórias de um dos grandes nomes da literatura brasileira. Entre romances, contos, biografias, histórias infantis e juvenis, Loyola tem 40 livros publicados. No ano passado, recebeu o Prêmio Machado de Assis, concedido pela Academia Brasileira de Letras, pelo conjunto da sua obra. Também venceu o Prêmio Jabuti, com  O Homem que odiava a segunda-feira , em 2000, e  O Menino que Vendia Palavra s, em 2008. Loyola diz que escrever é uma terapia. Ele faz das recordações e da observação da realidade a sua matéria-prima. “Inspiração não é uma pomba que desce e eu sento e escrevo

Cigarro, álcool e HPV aumentam risco de câncer de cabeça e pescoço

Fernanda Cruz – Repórter da Agência Brasil As pessoas que fumam um maço por dia, por 20 anos, têm risco de cinco a dez vezes maior de desenvolver esse tipo de câncer Marcelo Camargo/Agência Brasil A prevenção ao tabaco, a bebidas alcoólicas e ao papilomavírus (HPV) faz parte do alerta do julho verde, mês em que são reforçadas as campanhas contra o câncer de cabeça e pescoço. O Instituto Nacional do Câncer (Inca) estima que mais de 10 mil pessoas tenham morrido de câncer de laringe e cavidade bucal em 2015, de acordo com o levantamento mais recente. Os tumores do câncer de cabeça e pescoço manifestam-se em lesões na boca, na faringe, na laringe e na tireoide. Não são classificados nessa modalidade de câncer os tumores no cérebro e nos olhos. Segundo Luiz Paulo Kowalski, diretor do Departamento de Cirurgia de Cabeça e Pescoço e Otorrinolaringologia do Hospital A.C. Camargo, a automedicação e a falta de diagnóstico correto fazem com que de 70% a 80% dos pacientes cheguem ao médico c