Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Outubro 7, 2018

Missão: os confins do mundo

Padre Geovane Saraiva*
Anunciar o Evangelho, após constrangedora e desconcertante condenação e morte de cruz de Jesus, nosso Mestre e Senhor, foi tarefa árdua de todos os seus seguidores na Igreja nascente. Que o mês de outubro, missionário, possa ajudar-nos,  conscientemente, numa intensa vida de oração, com fé, esperança, na caridade a todos, no mesmo espírito de Jesus de Nazaré: o de abertura e compromisso com sua boa-nova de paz e justiça no mundo, aproximando-nos sempre mais do Cristo e da Igreja, na certeza da plenitude da vida, na verdadeira alegria.
Que Deus nos dê a graça da compreensão do único e necessário a nossa vida: viver com ardor o Evangelho de Jesus. Sejamos fermento de renovação, sem nunca se distanciar da cruz santa do Senhor, dando a entender a todos que temos o mundo como missão. A Igreja Católica é, na sua essência, missionária, e jamais pode prescindir da sua missão e muito menos se fechar em si mesma, diante do clamor humano, na palavra acertada do nosso bom Se…

Balança da sensatez

Carlos Delano Rebouças*

E na balança da sensatez, o ódio pesa mais ou menos que o amor? E os argumentos usados para o convencimento são de fato convincentes a ponto de levar pessoas que pareciam cultas, equilibradas e religiosas a negar seus princípios?
Será mesmo que vale a pena se expor tanto em defesa de uma verdade imposta à força, construída em um cenário de desordem estabelecido pelos próprios protagonistas que por ele querem se beneficiar?
Analisamos atitudes e julgamos caráter. Com esse entendimento, devemos de verdade caminhar na contramão de tudo que afirmam sábios de salutar, em favor da defesa de uma massa sofrida pelo mal, maltratada psicologimante por quem prega diferenças e entende que devem ser eliminadas da forma mais desumana e injusta?
Não precisamos vestir essa carapuça e depois, com o caos instaurado, dizer que tentou mudar o que unicamente depende de uma mudanca interna. Precisamos sim, reconhecer que podemos estar dando um passo errado enxergando o que deu cert…