Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Setembro 7, 2016

Pátria: Que emancipação foi essa, Brasil?

Tu, que eras forte e virgem,
Só dependia de Deus.
Mas veio o Perseguidor
E tua luta começou:
Tua gente resistiu, te defendeu. Na conjuração Mineira
A produção do ouro declinou,
A cobrança de imposto? Se abusou.
Em instalar a República se pensou,
Tomás Antônio Gonzaga,
Claudio Manoel da Costa,
Tiradentes pelo pior passou. Na Conjuração Baiana
A revolta dos alfaiates
Exigia o fim da relação de Brasil com Portugal,
Era fome e carestia,
Muita revolta popular,
A revolução contra a coroa
Acabava de começar.
Era grito por liberdade
Pra lá e pra cá
João de Deus , Lucas Dantas
E Manoel Faustino
Foram esquartejados sem dó. Na Insurreição Pernambucana
A insatisfação nordestina
Era mais forte ainda.
A escassez de alimento e a fome se agravou,
Imposto abusivo em Pernambuco também se alastrou.
A vida ainda mais se arruinou.
E os rebeldes de diferentes origens,
O fim do domínio português.
O povo gritou. Hoje, tu mal vives,
As mazelas aumentaram
Tua dependência é eterna
E teu povo nunca te abandonou.
Valter Alves da SilvaCaxias, MA

ACERVO: Morte de Madre Teresa de Calcutá, há 19 anos

Madre Teresa recebeu Nobel da Paz em 1979
A missionária católica Madre Teresa faleceu em 5 de setembro de 1997, aos 87 anos, de ataque cardíaco. Confira o adeus da santa dos desamparados através das páginas históricas do jornal O POVO.









Show-palestra comemora os 81 anos de Vandré

Evento será nesta quinta-feira a partir das 19h30, no auditório do Memorial Minas Vale.

O compositor paraibano Geraldo Vandré faz 81 anos no dia 12 de setembro. Para comemorar a data, seu biógrafo, Jorge Fernando dos Santos, realiza o show-palestra “Violão, voz e Vandré”. Será nesta quinta-feira, dia 8, a partir das 19h30, no auditório do Memorial Minas Vale (Praça da Liberdade) – com entrada franca. Acompanhado do músico Marcello Dinis, o jornalista que publicou no ano passado o livro “Vandré – o homem que disse não” (Geração Editorial) fala da carreira do compositor, que foi um dos ícones da era dourada dos grandes festivais. Autor de clássicos como “Disparada” (com Théo de Barros) e “Pra não dizer que não falei das flores – Caminhando”, Geraldo Pedrosa de Araújo Dias (ou Geraldo Vandré) retirou-se da cena artística tão logo voltou do auto-exílio no Chile, em 1973, tornando-se uma das figuras mais emblemáticas da MPB. No show-palestra do Memorial Vale, Jorge Fernando e Marcello Dini…

Pernilongo comum não transmite vírus Zika, revelam cientistas

Mosquitos foram testados e nenhum dos Culex era portador do vírus.


Culex quinquefasciatus não transmite Zika Cientistas do Instituto Oswaldo Cruz (IOC) concluíram que o pernilongo ou muriçoca, mosquito de hábitos doméstico e noturno, de nome científico Culex quinquefasciatus, não transmite o vírus Zika. A pesquisa foi divulgada ao público nesta terça-feira (6), em conjunto com a revista científica PLoS (Public Library of Science) Neglected Tropical Diseases, e tem parceria do Instituto Pasteur de Paris. Os trabalhos foram coordenados pelo médico veterinário Ricardo Lourenço, do IOC, e envolveram um total de 42 pesquisadores. Em uma primeira fase, no ano passado, eles coletaram cerca de 1.600 mosquitos, cerca da metade deles Culex e o restante Aedes aegypti, em quatro bairros da cidade do Rio: Copacabana, Manguinhos, Triagem e Jacarepaguá. Uma pequena parte, só 26 indivíduos, era de Aedes albopictus. Os mosquitos foram testados e nenhum dos Culex era portador do vírus Zika. Em uma segu…

Uma em cada 200 crianças é refugiada, revela UNICEF

Fundo das Nações Unidas para a Infância revela que quase 50 milhões de crianças estão deslocadas. Deste total, 28 milhões tiveram que fugir de suas casas por causa de conflitos e da violência

Os dados são alarmantes. Segundo o mais recente relatório do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) sobre «A crescente crise de crianças refugiadas e migrantes», existem neste momento perto de 50 milhões de menores deslocados no mundo, sendo que 28 milhões foram obrigados a procurar refúgio noutros países por causa da violência. 
Em África, dos 5,4 milhões de refugiados, cerca de três milhões são crianças. Nas Américas estão instalados 6,3 milhões de menores refugiados, na Ásia 12 milhões, na Oceania sete milhões e na Europa 5,4 milhões. Estes números fazem com que uma em cada 200 crianças no mundo seja refugiada. 
Segundo a UNICEF, as crianças que fogem de seus países por causa de conflitos e violência estão por norma traumatizadas, pois enfrentaram vários perigos durante as viagens, in…

Golpe pelo telefone faz vítimas e provoca traumas psicológicos

O golpe pelo telefone de um falso sequestro continua fazendo vítimas. Apesar de antigo, ele ainda pega muita gente de surpresa. E a falsa informação pode provocar traumas psicológicos bem maiores que um susto. Reportagem de Elaine Santos e Ederaldo Paulini  Canção Nova

Clube do Português: o básico sobre acentuação e hífen com o novo acordo ortográfico

Apesar de vigorar desde 2009, o novo acordo ortográfico provoca, ainda, muitas dúvidas na hora da escrita. Nesta coluna, Pedro Valadares, jornalista especializado em revisão de texto e coordenador do Clube do Português, ensina como entender o básico das mudanças relacionadas ao uso dos acentos e do hífen.Foto: Reprodução / Internet

O novo acordo ortográfico é o único formato da língua reconhecido no Brasil. O objetivo é unificar a escrita brasileira e a das demais nações de língua portuguesa: Portugal, Angola, Moçambique, Cabo Verde, Guiné-Bissau, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. O acordo está em vigor desde 2009, apesar de a vigência ainda não ser obrigatória. Entre 2010 a 2012 ocorreu a adaptação completa dos livros didáticos às novas regras. Desde o dia 1º de janeiro de  2016, a vigência é obrigatória em todo o território nacional.
Entre as mudanças na língua portuguesa ocasionadas pela reforma ortográfica, destacam-se o fim do trema, alterações da forma de acentuar palavras com…