Postagens

Mostrando postagens de Abril 30, 2020

Anúncios Parceiro Magalu - Erigleissonevoce

Jabuti prorroga prazo de inscrições

Imagem
Agora, escritores e editoras têm até o dia 29/05 para submeter suas obras ao prêmio literário Na semana passada, o grupo Juntos pelo Livro, que reúne mais de uma centena de editores, enviou carta à Câmara Brasileira do Livro (CBL) pedindo mais prazo e diminuição das taxas de inscrições no Prêmio Jabuti, que em 2020 chega a sua 62ª edição. A CBL resolveu conceder mais prazo e, agora, os interessados em participar das 20 categorias do prêmio têm até às 18h do dia 29 de maio para se inscrever. Sobre a redução dos valores das inscrições, a CBL disse que não será possível mexer. “Ao disponibilizar o regulamento, a organização do Prêmio assume, com editoras e autores inscritos, o compromisso com as condições previamente estabelecidas, o que torna, no momento, inviável uma alteração nestes preços”, diz o documento. A entidade lembra ainda, em sua resposta, que o valor das inscrições não foi corrigido nas últimas quatro edições e que, há dois anos, houve um aumento no valor da premiação para…

Companhia literária em tempos de isolamento

Imagem
A Ria Livraria lança no dia 1/05 a 'Revistaria', revista eletrônica com textos inéditos de escritores, além de entrevistas e ilustrações Em tempos de pandemia, isolamento social e incertezas, o que acontece com os espaços que se estruturam em cima dos encontros pessoais? Partindo deste pensamento, Morgana Kretzmann, escritora, atriz e produtora cultural da Ria Livraria da Merça; Ian Uviedo, escritor e livreiro; e Marcos Benuthe, dono da Ria Livraria e da Mercearia São Pedro se uniram para criar a Revistaria. Partindo do princípio do pensamento livre, a Revistaria será uma revista literária, cultural e boêmia, que será lançada virtualmente no dia 1º de maio com textos inéditos de escritoras e escritores, além de entrevistas e ilustrações. “Uma revista que seja o equivalente eletrônico de uma conversa de bar: espaço de experimentação, afeto e criação”, explicam os organizadores. Assim que a pandemia passar, e a Ria Livraria voltar as suas atividades normais, a revista, com toda…

Museu do Memorial Padre Cícero realiza visitas virtuais guiadas durante a quarentena

Imagem
A programação online está bombando durante o período de quarentena. Museus, artistas e outros equipamentos culturais encontraram na internet uma forma de promover entretenimento. Pensando nisso, a Fundação Memorial Padre Cícero, localizada no Centro de Juazeiro do Norte, realiza visita virtual gratuita ao museu nas terças-feiras via Instagram.   A atividade é mediada pela presidente da instituição, Cristina Holanda, e conta com quatro episódios sobre a história da importante figura do Cariri cearense. De acordo com Cristina, a ideia partiu da Secretaria da Cultura do Município e foi uma forma de apresentar a mais recente exposição de longa duração do Museu, inaugurada em setembro de 2019 e com a curadoria da presidente, Claudinei Silva, Karla Lima, Yorrana Gonçalves, Mateus Quintans e Lis Cordeiro.   
Os dois primeiros episódios da série já foram lançados e apresentam linha do tempo da trajetória do ‘Padim Ciço’. O vídeo de estreia mostra a obra “Padre Cícero: eterna inspiração” do a…

Recomeçar, salvo melhor juízo

Imagem
Existem os dias que foram, os que gostaríamos que fossem e os que estão sendo Recomeço é a única certeza da vida além da morte (Nathan Dumlao/ Unsplash)
Ricardo Soares*
Mexendo nos guardados, boa terapia mas cheia de ácaros nos tempos de quarentena, dou de cara com uma crônica do saudoso Lourenço Diaféria publicada em 23 de dezembro de 1993 no finado Diário popular de São Paulo. Nela o cronista nos diz que sua vida havia lhe ensinado que existem três tipos de Natal. “Existe o Natal que foi. Existe o Natal que gostaríamos que fosse. E existe o Natal que está sendo”.
Lourenço Diaféria não chegou a viver até essa pandemia mas podemos adaptar seu raciocínio aos tempos que correm: existem os dias que foram. Existem os dias que gostaríamos que fosse. E existem os dias que estão sendo. Os dias que estão sendo são, todos eles, aprendizados quase brutais porque podemos enxergar até belos horizontes mas não podemos ir até eles sem nos sentirmos ameaçados pelo vírus implacável. É como se houvesse…