Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Julho 18, 2019

EM NOME DO PAI, EM NOME DO FILHO

A anunciada nomeação do filho do Presidente da República para ocupar o cargo de embaixador em Washington tem sido a notícia mais polêmica dos últimos dias, embora polêmica não seja um item em falta no atual governo. O bom relacionamento com Donald Trump e sua família (não se sabe o que isso significa), ter feito intercâmbio nos Estados Unidos e ter fritado hambúrguer (não se sabe a relevância disso para a diplomacia internacional), falar inglês (não se sabe a fluência) e ter “rodado” pelo mundo (não se sabe como e onde) têm sido apontados pelo pai como sendo os requisitos fundamentais para que o filho seja nomeado embaixador em Washington. Em nome do pai, o filho é anunciado. Em nome do filho, o anúncio é aceito. Quando se leva assunto de casa para o trabalho ou vice-versa, o efeito é bombástico e não é para menos. Experimente você, caro leitor, fazer isso por um dia. A Lei 11.440/2006 trata do Regime Jurídico dos Servidores do Serviço Exterior Brasileiro, dis

PODCAST: "Missão é partir", Dom Helder

Por Pe. Geovane Saraiva

Fabiano Piúba convida estudantes da rede pública estadual para Bienal do Livro

Durante o Enem Não Tira Férias, o secretário da Cultura conversou com alunos sobre “A cidade e os livros”, tema da Bienal, que acontecerá de 16 a 25 de agosto, no Centro de Eventos do Ceará. A aprendizagem e o desenvolvimento humano dos estudantes estão ligados ao relacionamento constante com os livros e com a literatura ao longo de sua formação. Nesta terça-feira (16), o secretário da Cultura, Fabiano dos Santos Piúba, fez o lançamento da XIII Bienal Internacional do Livro do Ceará para os alunos da rede pública estadual do Ceará durante o Enem Não Tira Férias. O evento foi realizado na Escola de Ensino Médio em Tempo Integral (EEMTI) Maria Antonieta Nunes, contando com a presença do secretário executivo do Ensino Médio e Profissional, Rogers Mendes. Com o tema “As cidades e os livros”, a Bienal do Livro será realizada no período de 16 a 25 de agosto, no Centro de Eventos do Ceará. Serão apresentadas, durante os 12 dias, atrações literárias e artísticas, englobando palestras, m

Egito inaugura museu em homenagem a Nobel de Literatura Naguib Mahfouz

Único escritor em língua árabe a receber o Nobel de Literatura, em 1988, museu abriga pertences e a biblioteca pessoal de Mahfouz, cuja obra-prima é a chamada Trilogia do Cairo Sameh Elkhatib, Reuters CAIRO - Um museu em homenagem à vida e à obra do romancista egípcio  Naguib Mahfouz  (1911-2006) foi inaugurado no Cairo, quase 13 anos após a morte do escritor ganhador do prêmio  Nobel de Literatura . O  Museu e Centro Criativo Naguib Mahfouz  abriga os pertences e a biblioteca pessoal de Mahfouz, que recebeu o Nobel de Literatura em 1988. Museu em homenagem ao escritor egípcio Naguib Mahfouz Foto: Sameh Elkhatib/Reuters Considerado pelos críticos o maior cronista do Egito contemporâneo, é o único escritor em língua árabe a receber o Prêmio Nobel de Literatura, em reconhecimento a sua longa trajetória como poeta, romancista e articulista. Entre seus mais de 50 livros, foram publicados no Brasil, obras como  O Beco do Pilão  e  Noites das M

Livro narra a história dos Mercados dos Pinhões e da Aerolândia

|Lançamento|Livro propõe mergulho na história e nos afetos do antigo Mercado de Ferro, que se transformou nos mercados dos Pinhões e da Aerolândia Por  Ivig Freitas/ Especial para O POVO Foto: Google Refazendo os caminhos que separam o Mercado dos Pinhões e da Aerolândia, duas fortalezenses descobriram que, no passado, os dois constituíram um só lugar: o Mercado de Ferro de Fortaleza. Mais que isso, descobriram duas metades, duas cidades. A história desses espaços é contada e reimaginada no livro A Distância entre Nós Dois - História do Mercado de Ferro de Fortaleza, de Isabel Paz e Natália Maia. A obra será lançada nesta quinta, 18, no Mercado dos Pinhões, e na sexta, 19, no Mercado da Aerolândia. Os eventos acontecem a partir das 19 horas. Escrito por Isabel e Natália em 2012, o livro-reportagem é resultado do trabalho de conclusão do Curso de Jornalismo da Universidade Federal do Ceará (UFC). "A gente tinha um desejo muito forte de falar sobre Cidade, pertenc

Grandes plataformas impulsionam Madri como capital europeia das séries

Por trás deste impulso estão as plataformas de vídeo como Netflix, HBO e Amazon. 'La Casa de Papel' estreia sua terceira temporada amanhã (19). (Divulgação/Netflix) As grandes produtoras audiovisuais, como  Netflix ,  Paramount  e  Mediapro , entre outras, estão criando raízes em Madri, nova capital europeia das séries, graças a ficções espanholas de sucesso, como  La casa de papel . "Ação!": o cenário representa um escritório de advogados onde uma equipe de técnicos grava um diálogo entre duas atrizes para uma série que será emitida na rede espanhola  Telecinco . Neste estúdio no norte de Madri, propriedade da produtora espanhola  Mediapro , que reforçou sua presença nesta cidade, a demanda de séries disparou nos últimos anos. "Antes era inimaginável que um estúdio como o nosso (...) estivesse produzindo 10 séries em um único ano. O normal podia ser duas ou três", comemora Javier Pons, encarregado da produção televisiva no  The Mediapro Studio

O contínuo mistério em torno do Salvator Mundi de Da Vinci

Vendida há dois anos por 450 milhões de dólares, a pintura não foi vista desde então School of Leonardo da Vinci | Public Domain A última vez que a pintura de Leonardo da Vinci conhecida como “Salvator Mundi” foi vista em público, era novembro de 2017, ocasião em que foi vendida em um leilão pelo valor recorde de 450 milhões de dólares. O comprador foi identificado como Príncipe Bader bin Abdullah bin Farhan Al Saud, da Arábia Saudita, e mais tarde foi revelado que ele estava operando do príncipe herdeiro Mohammed bin Salman. A pintura aparentemente foi comprada em nome do Museu do Louvre Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos. O Louvre Abu Dhabi disse que planejava colocar a pintura em exibição em setembro de 2018. Mas o museu adiou a exibição, sem explicação. E não falou mais sobre os planos relacionados à obra. Especialistas chegaram a especular que a pintura estaria a bordo do iate privado de Muhammad bin Salman. Ou que estaria em restauração. Mas ninguém parece sabe