Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Abril 12, 2019

Alagoano que dirigiu filme que teve cenas gravadas em Penedo toma posse na ABL

O cineasta Carlos José Fontes Diegues, mais conhecido apenas como Cacá Diegues, toma posse na Cadeira 7 da Academia Brasileira de Letras, na sucessão do Acadêmico e cineasta Nelson Pereira dos Santos (falecido no dia 21 de abril do ano passado), no dia 12 de abril, sexta-feira. A solenidade será no Salão Nobre do Petit Trianon (Avenida Presidente Wilson, 203, Castelo, Rio de Janeiro). Cacá Diegues será recebido, em nome da ABL, pelo Acadêmico, poeta e tradutor Geraldo Carneiro. Antes, discursará na tribuna. Ao terminar, assinará o livro de posse. A seguir, o Presidente da ABL, Marco Lucchesi, convidará o Acadêmico Merval Pereira para fazer a aposição do colar; o Acadêmico José Sarney (decano presente) para entregar a espada; e o Acadêmico Zuenir Ventura para entregar o diploma. O Presidente, então, declarará empossado o novo Acadêmico. Os ocupantes anteriores da cadeira 7 são: Valentim Magalhães (fundador) – que escolheu como patrono Castro Alves –, Euclides da Cunha, Afrânio Peixoto…

Desenvolvimento

Por Gonzaga Mota - Professor aposentado da UFC
Concordamos com a ideia de que a educação deve ser proporcionada a todos por constituir um direito e uma condição para o pleno desenvolvimento da pessoa humana. Além de ser um direito, a educação também é um dos principais fatores, senão o mais importante, do desenvolvimento dos países. É fundamental que as nações entendam, em primeiro lugar que a educação não é um gasto, mas um investimento. Em segundo lugar, é um investimento de longo prazo que deve expressar o compromisso de gerações e ser elevado a um projeto do Estado Democrático, para além das divergências partidárias das forças políticas que momentaneamente ocupam os papéis de governo e oposição, ou seja, a educação não deve ser um programa de Governo, mas de Estado. Ademais, deve-se buscar a articulação dos diversos atores sociais somando esforços de governo, setores empresariais e trabalhistas e da sociedade em geral.  Há uma evidente correlação entre os níveis educacionais, cogn…

Fortaleza de leituras: bibliotecas comunitárias potencializam novas cartografias do saber na cidade

Por Diego Barbosa, 
O aconchego dos espaços, localizados geralmente em bairros da periferia da Capital, otimiza diferentes olhares sobre a urbe iluminada de leituras capazes de transformar
O juntar letras é exercício tremendo de empatia, liberdade e salvação. Não à toa, livros carregam histórias que ultrapassam o papel, narrativas agigantadas num sem número de realidades. Um poder sentido singularmente: cada pessoa é atravessada de uma forma. No caso de Kaciane Silva, a literatura representou renascimento. Possibilidades. Um jeito todo especial - não só, necessário - de superar a barreira da dor. "Quando você se encontra na leitura, você renasce. Eu adentrei num mundo de fantasia. Perdi meu pai muito cedo, tinha oito anos quando ele foi assassinado, e os livros se tornaram meu consolo. Foi por meio das atividades em bibliotecas, das obras que levava para casa, que comecei a superar a morte dele", afirma, em firme voz. Hoje finalizando o curso …

Governo detalha regras do ensino domiciliar

O governo federal anunciou hoje (11) regras que deverão vigorar no âmbito da educação domiciliar, caso seja aprovado projeto de lei (PL) sobre o assunto assinado hoje (11) pelo presidente Jair Bolsonaro. Segundo o PL, a opção por esse modelo de ensino terá que ser comunicada pelos pais do estudante, ou pelos responsáveis legais deste, em uma uma plataforma virtual do Ministério da Educação (MEC).  Pelo projeto, alunos serão avaliados a partir do 2º ano do ensino fundamental - Arquivo/Agência Brasil Além de comprovar o vínculo com o aluno, os pais ou responsáveis pelo estudante ficam encarregados de apresentar um plano pedagógico individual, detalhando a forma como as aulas serão conduzidas. A orientação do ministério é que o cadastro seja efetuado no sistema de dezembro a fevereiro, preferencialmente.  De acordo com o MEC, o cadastro deverá ser renovado a cada ano. Também a cada ano, os pais ou responsáveis pelo estudante precisarão apresentar um plano pedagógico correspondente ao no…