Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Novembro 8, 2018

Há 50 anos, primeira mulher negra era eleita ao Congresso nos EUA

Nascida no Brooklyn, um dos distritos de Nova Iorque, Shirley Anita St. Hill Chisholm (1924-2005) teve uma página especial escrita na sua trajetória de vida quando foi eleita a primeira mulher negra para o Congresso dos Estados Unidos em 7 de novembro de 1968, na época com 43 anos. Com formação em Artes pela Brooklyn College (1946), a democrata representou o 12º Distrito Congressista durante sete mandatos, de 1969 a 1983. Era filha de imigrantes vindos do Caribe. "Em toda minha vida, nunca me dei por vencida, nem renunciei ao que queria", foram declarações de Shirley Chisholm na época, publicadas na página 2 da edição do O POVO do dia 7 de novembro de 1968. Considerada também a primeira legisladora negra nos EUA, tinha como ideais o direito das mulheres, a atenção pelos pobres e a luta pela ascendência dos afro-americanos. Antes de Chisholm, Margaret Chase Smith (1897-1995) foi a primeira mulher a ocupar vaga no Congresso dos Estados Unidos. Página de número 2 da edição do O…

Jovem diretor cearense vence Festival Internacional de Cinema de Turismo

O Projeto Descubra, série autoral sobre turismo, ganhou repercussão na Europa e venceu o 11º Art&Tur, o Festival Internacional de Cinema de Turismo. Todo o projeto foi dirigido pelo cearense Pedro Antino, diretor de filmes publicitários e projetos autorais. O episódio "Descubra Lisboa" ganhou o prêmio de melhor filme. A série de vídeos que faz parte do Projeto Descubra é um convite a conhecer novos sons, comidas, paisagens e cultura de uma cidade, tudo em um formato diferente, em primeira pessoa, para provocar sensação de imersão em quem assiste. Esse mergulho se dá, principalmente, pela forma como o áudio é captado. O microfone binaural é capaz de gerar sons em 3D. Os vídeos do projeto podem ser encontrados na página oficial do Facebook, clicando aqui, ou no canal do YouTube, clicando aqui. Meses de pesquisa e vivência em Lisboa fizeram com que o filme fosse gravado em lugares afetivos da cidade, como a Praça do Comércio, o Miradouro do Arco e de Santa Catarina, o Padr…

Adaptação de quadrinhos dos Beatles será lançado no Brasil

Lançado em 1968, o filme conta a história de Pepperland, um paraíso debaixo d'água onde as músicas do álbum Sgt. Peppers tomam conta de todo o ambiente. A data em que a HQ chegará ao mercado ainda não foi informada. (Reprodução)
Em comemoração aos 50 anos da animação Submarino Amarelo (Yellow Submarine no original) dos Beatles, a editora DarkSide vai lançar no Brasil uma adaptação em história em quadrinhos do filme.

Lançado em 1968, o filme conta a história de Pepperland, um paraíso debaixo d'água onde as músicas do álbum Sgt. Peppers tomam conta de todo o ambiente, mas que sofre com a ameaça dos Malvados Azuis.

Para evitar que o lugar seja destruído, o marinheiro Fred começa uma jornada em seu submarino para encontrar os garotos da banda britânica para ajudá-lo.

A adaptação, criada por Bill Morrison, terá 112 páginas e será de capa dura. A previsão é que seja lançada ainda este ano. A data em que a HQ chegará ao mercado ainda não foi informada.
Agência Estado