Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro 10, 2019

Interpretar textos

Carlos Delano Rebouças*

Interpretar textos, para muitos, não é tarefa fácil. Requer alguns cuidados para não distanciar a percepção particular que teve do texto em análise daquela tida pelo autor. É como caminharem (autor e leitor) por estradas, a princípio, diferentes, mas que terminam sempre no mesmo ponto. 
Conhecer o autor é de suma importância, visto que suas características envidenciam-se nos seus escritos. Algo como personalidade, visão social e política, e crenças podem refletir nos textos, permitindo ao leitor tirar conclusões necessárias para uma correta interpretação. 
Também é importante conhecer o poder da palavra, suas possibilidades semânticas, sobretudo contextualizadas. O autor pode se apropriar dessa condição para dar outro enfoque ao que se ler, não com a intenção de dificultar a perfeita compreensão por parte do leitor, mas sim para enriquecer ainda mais o seu textos diante das possibilidade que a língua oferece.
Antes que aconteça a interpretação de um texto, que…

Vocação de pescadores de homens

Padre Geovane Saraiva* Na liturgia do 5° Domingo do Tempo Comum vemos a vocação de três figuras singulares da história do povo de Deus: Isaías, Pedro e Paulo. Deus os chama, mas antes de confiar a missão inerente ao chamado, de um modo terno e afável, se revela e se dá a conhecer. Quão maravilhoso é o profeta Isaías! Em seu inaudito testemunho, ele afirma: "...Vi o Senhor sentado num trono de grande altura...", com serafins prostrados diante de Deus em adoração e cantando: “Santo, santo, santo é o Senhor dos exércitos”. E, diante da incalculável grandeza e santidade, acha-se pecador e indigno, ao presenciar o próprio Deus, mas uma voz forte lhe fala: “Quem enviarei? Quem irá por nós?”. Nota-se um Isaías vencido por Deus, respondendo num instante: “Eis-me aqui! Envia-me” (cf. Is 8).

Jesus de Nazaré dirige seu primeiro chamado a Pedro e seus companheiros de pescaria, uma vez que, até aquele momento, contava com eles, mas não como discípulos assíduos ao projeto salvífico do Pai.…