Postagens

Mostrando postagens de Março 16, 2019

José, servo bom e fiel

Imagem
Padre Geovane Saraiva*
São José, da descendência de Davi, como nos assegura a Escritura Sagrada, une Jesus de Nazaré à linhagem do povo eleito, o qual esperava pelo Messias. Cabe a nós, pois, pensar na benevolência de Deus, que é a de reconciliar consigo todas as coisas. Vemos que, por meio de simples e humilde carpinteiro de Nazaré, realiza-se a profecia anunciada a Davi: “Tua casa e teu reino serão estáveis para sempre diante de mim, e teu trono será firme para sempre” (cf. 2 Sm 7, 16).
Eis um santo inigualavelmente grande, na condição de Patrono da Igreja Universal, advogado dos lares cristãos e modelo de operário, que nos ajuda em nossa esperança de realização neste mundo e no outro. Pouco sabemos sobre sua vida, mas ele foi um sinal de fecunda alegria, de tal modo suficiente para destacar, de modo inequívoco, a importância do Carpinteiro de Nazaré na história do novo povo de Deus. Em São José acreditamos, mesmo num contexto adverso ao projeto solidário do nosso bom Deus, que sua s…

OS MONSTROS QUE NÓS CRIAMOS

Imagem
Suzano. São Paulo. 13 de março de 2019. Dois rapazes, um de 17 e outro de 25 anos, chegam em uma escola pública e atiram de forma aleatória, atingindo diversas pessoas, dentre estudantes adolescentes, integrantes da equipe pedagógica e funcionários.
Várias pessoas são mortas. Algumas ficam lesionadas. Os responsáveis por tamanha barbárie também morrem. Um mata o outro comparsa, em seguida, tira a própria vida. As causas ainda não foram devidamente esclarecidas. Sabe-se apenas que o crime fora arquitetado por meio das redes sociais. A filmagem que circulou na internet, mostrando um dos assassinos chegando na escola, tirando a arma da mochila e atirando contra pessoa inocentes, sem que lhes fossa dada qualquer chance de defesa, choca, estarrece, assusta, apavora. E nos faz pensar. Em que sociedade vivemos? Por qual razão dois jovens resolvem cometer um verdadeiro massacre em uma escola, matando e ferindo inocentes? Por que alvos incertos, escolhidos a esmo? Por que tirar a vida dos out…

Nossos escritores

Imagem
Por Paulo Eduardo Mendes - Jornalista
O cratense tem o sadio bairrismo de ressaltar os valores da Terra. Recentemente, lemos “Antologia”, livro enfocando “Nossos Escritores”. Crônicas, contos e poesias, no roteiro dessa obra editada em Crato. Povo voltado para a cultura de raízes ali no solo caririense. Nos Contos da “Antologia – Nossos Escritores”, encontramos vinte desses paladinos da boa escrita trazendo suas histórias aureoladas por inspiração destacadamente coloridas pela espontaneidade dos textos vivos.  Alfredo F. Temóteo e Jurandy Temóteo conseguem os loiros dessa vibrante vitória editorial ao reunir exponenciais da cultura cratense, num volume de Contos em nível maior da própria cultura cearense. “Nossos Escritores” agrupados pela Aprovíncia-Editora, paradoxalmente deixando a ideia de província para ir além ao crescimento das letras do município de Crato. Leitura completa nessa literatura contista. Repetição do êxito da “Antologia” de Crônicas, deixando o leitor ansioso para …

Mais Visitadas

Espírito Santo: Dom Pascal

Campus Party 2018 vendeu 30% a mais de ingressos que edição anterior

Escritora portuguesa constrói alegoria sobre passado e presente do Brasil

PRESIDENTE DE PORTUGAL FELICITA CHICO BUARQUE POR PRÊMIO CAMÕES DE LITERATURA