Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Novembro 4, 2016

Dr. Flávio Leitão é eleito para a Academia Cearense de Letras

  Pe Geovane Saraiva        15:25:00        literatura...         Novo imortal na  Academia Cearense de Letras. Foi eleito sexta-feira, 28 de outubro de 2016, o médico Flávio Leitão, que ocupará vaga aberta com a morte do escritor José Theles da Silva. Flávio Leitão, irmão do também imortal Juarez Leitão, já foi presidente da Sociedade Brasileira de Médicos Escritores (Sobrames),... Vale salientar que o Dr.  Francisco Flávio Leitão de Carvalho integra a Academia Metropolitana de Letras de Fortaleza, ocupando a cadeira 34. Parabéns!

PCC - Primeiro Comando da Capital

Grecianny Carvalho Cordeiro* Continuando nossa série sobre o crime organizado, para que talvez se possa compreender que esse pessoal não está de brincadeira. Porque o pior cego é aquele que não quer ver. As duas organizações criminosas mais expressivas atualmente, são o PCC – Primeiro Comando da Capital e o Comando Vermelho, cujas matrizes são oriundas de São Paulo e Rio de Janeiro, respectivamente, e as filiais encontram-se espalhadas em diversas partes do Brasil, em especial, no Nordeste, no Ceará. No ano de 2007, em minha dissertação de mestrado, intitulada “Regime Disciplinar Diferenciado - RDD: Regime de Cumprimento de Pena ou Sanção Disciplinar?”, relatava: “O PCC ou “Partido do Crime”, cujo lema é “Paz, Justiça e Liberdade”, surgiu na Casa de Custódia de Taubaté, no estado de São Paulo, na década de 90, mais precisamente no ano de 1993, por ocasião de um jogo de futebol, sendo inicialmente liderado por José Márcio Felício, o “Geléia” ou “Geleião”. Somente em nov

CRIME ORGANIZADO

Grecianny Carvalho Cordeiro* Nos últimos te mpos, a imprensa cearense – em específico – vem noticiando matérias sobre a “paz” entre as gangues das favelas, por meio de organizações criminosas como o PCC e o Comando Vermelho, a estabelecerem um código de conduta em que a comunidade deve respeitar-se e ser respeitada, sob pena de sofrer severas punições, caso venham cometer crimes em seus respectivos territórios. Também verificamos a prática de atentados a ônibus, delegacias de polícia, mortes de policiais, resgates de presos, rebeliões simultâneas em presídios, o que tem gerado uma sensação de insegurança e desconforto perante a sociedade. E o Estado do Ceará diz desconhecer que tais fatos se devam a organizações criminosas. Foi pensando nisso que resolvi escrever alguns artigos sobre o tema crime organizado, talvez para que o Estado do Ceará possa compreender que isso realmente existe e não se trata de contos da carochinha. No ano de 2007, escrevi minha dissertação de

Verdades essenciais

Gonzaga Mota* A humanidade vive, no momento, uma época de incerteza caracterizada pela falta de solidariedade, por um lado, e pelo excesso de radicalismo e fundamentalismo, por outro. Estes comportamentos levam a crises de violência em todos os seus aspectos: guerra, fome, desemprego, dificuldades sociais, desagregação familiar, falta de perspectiva, etc. A ganância de determinados países motiva uma desconfiança que prejudica o entendimento e gera desigualdades e desequilíbrios políticos, econômicos, sociais e culturais. Nessa linha de raciocínio, surgem a exploração desordenada dos recursos naturais não renováveis, a miséria crescente de milhões de pessoas, a corrida armamentista, a ausência de uma paz estável, o terrorismo, dentre outros problemas. O radicalismo tem influenciado de forma negativa as alterações de comportamento e de organização social, nos países socialistas e capitalistas. Crises, desemprego, miséria, endividamento e violência decorrem de movimentos radicais que

Encontro de escritores negros na Feira do Livro coloca em debate a representatividade em eventos literários

Muito antes de a Feira do Livro tomar a Praça da Alfândega, uma presença (ou ausência) na programação já era debatida em artigos de jornal e na internet. A inclusão de autores negros na agenda de debates foi tema de textos em Zero Hora e nas redes sociais entre julho e agosto deste ano. Mais tarde, a Câmara Rio-Grandense do Livro (CRL) confirmou a presença de atrações como o mineiro Ricardo Aleixo, a cubana Teresa Cárdenas e a sul-africana Futhi Ntshingila. A escolha de três destaques do debate sobre literatura e preconceito teria sido uma reação às discussões? – De forma alguma. Sempre estivemos sensíveis a esse tema. Desde o início do ano estávamos negociando a vinda de autores como Futhi. Há uma preocupação constante em trazer a literatura que está fora dos cânones, dar espaço a vozes diferentes, independentemente da cor – afirma Jussara Rodrigues, responsável pela programação adulta do evento. Para muitos escritores negros, a discussão está longe de ser esgotada – e é pr

Resenha do dia: o mistério e as muitas evidências de "Mistério no Centro Histórico", de Tailor Diniz

Se há um raro consenso, ele diz respeito às evidentes qualidades de Porto Alegre para servir de cidade cenográfica. Um pouco disso se deve à nossa luz meridional, clima temperado, múltiplos traços arquitetônicos e de paisagens. Ser, ao mesmo tempo, metrópole e província. Vira e mexe, reconhecemos nossas avenidas em comerciais de TV, cinema e, claro, nos livros. A Capital do passado (como em  Canibais , de David Coimbra), do futuro ( As mitologias roubadas , de Giancarlo Borges) e, aqui, contemporânea: o excelente  Mistério no Centro Histórico , de Tailor Diniz. A mais recente novela policial do autor retoma com louvor o detetive Walter Jacquet e o bon vivant Joãozinho Macedônio, amigos desde os tempos do Alegrete, personagens de  Crime na Feira do Livro  (2010). Hospedado no apartamento de Macedônio ao vir dos Estados Unidos, onde cultiva fama profissional, Jacquet tem os instintos investigativos despertados pelo original literário do anfitrião –  A operação quibe cru  –, obra desen

Fotógrafo Leonid Streliaev lança livro em que resume o Rio Grande do Sul em imagens

Por:  Gustavo Foster 04/11/2016 - 04h30min | Atualizada em 04/11/2016 - 04h30min Seja em detalhes, como nesta foto, ou em registros de pessoas e paisagens, Leonid Streliaev quis retratar o Rio Grande do Sul e suas características Foto: Leonid Streliaev / Divulgação A característica do Rio Grande do Sul que mais chama a atenção do experiente fotógrafo Leonid Streliaev é o que ele chama de "luz meridional": a maneira como os raios de sol atingem o Estado durante o outono dá ao pago, o verniz amarelado que dá ao que atinge, principalmente à tardinha, encantam o profissional da imagem. Mas não só isso. A miscelânea de povos, a semelhança entre o pampa e a "tundra siberiana" (de onde veio a família Streliaev), a melancolia de nosso litoral vazio, tudo encanta o fotógrafo. Por isso, não podia ter melhor título o livro que ele lança neste sábado, às 17h, em evento em Gramado:  Rio Grande do Sul — Edição especial . — O Rio Grande do Sul sempre me encantou.

Claudia Leitte recorre para evitar devolução de R$ 1,2 milhão ao MinC

Rodrigo Ortega Do G1, em São Paulo Claudia Leitte (Foto: André Schiliró/Divulgação) Claudia Leitte  entrou com recurso contra a decisão do Ministério da Cultura (MinC) de que sua empresa devolva R$ 1,2 milhão aos cofres públicos. O MinC diz que a verba para a realização de shows através da Lei Rouanet foi usada de forma irregula. Sua produtora, Ciel, não teria cumprido regras legais de distribuição e venda de ingressos dos shows. A exigência da devolução foi publicada no Diário Oficial da União no dia 20 de outubro. A cantora tinha 10 dias para decidir entre duas opções previstas na Lei Rouanet: recorrer da decisão ou iniciar o pagamento, dividido em até 12 parcelas. O assessor de imprensa de Claudia Leitte informou ao  G1  que ela já enviou o pedido de recurso e negou as irregularidades. A assessoria do MinC diz que os documentos com o pedido ainda não chegaram à pasta, mas que irá aceitar caso eles tenham sido postado nos Correios ante

Física quântica leva estudante de BH à semifinal de concurso internacional

Thais Pimentel Do G1 MG Diogo Afonso Leitão, de 14 anos, em vídeo semifinalista de competição internacional de ciências (Foto: Reprodução/YouTube/Diogo Afonso Leitão) “Ela é fascinante. Incrível. Ela muda a maneira de enxergar o mundo”, disse Diogo Afonso Leitão, de 14 anos, ao falar sobre a sua paixão, a física quântica. O estudante, aficionado por ciências desde os seis anos, é o único brasileiro a chegar à semifinal do  Breakthrough Junior Challenge , competição internacional que reuniu mais de dois mil vídeos sobre ciência e matemática neste ano. A iniciativa é bancada por recursos disponibilizados pelo CEO do Facebook, Mark Zuckerberg (Silicon Valley Community Foundation), e pela Milner Global Foundation. Destinada a estudantes de 13 a 18 anos, a disputa oferece uma bolsa de estudos no valor de US$ 250 mil e um laboratório de US$ 100 mil para a escola do vencedor. O vídeo de Diogo  “Quantum Physics: The Nature of Matter”  já está entre os 30 melhores. Para che

Acordo do Clima de Paris entra oficialmente em vigor hoje

Do G1, em São Paulo Nova Delhi, na Índia, com espessa camada de poluição (Foto: Money Sharma / AFP) Quase um ano depois da sua aprovação, em  Paris , o primeiro acordo vinculante contra as mudanças climáticas que envolve todo o planeta entra oficialmente em vigor nesta sexta-feira (4), mas resta um longo caminho a percorrer para que ele realmente produza efeitos. O Acordo de Paris, que é destinado a substituir o Protocolo de Kioto em 2020, é o primeiro pacto universal para tentar combater a mudança climática. Ele tem como objetivo manter o aumento da temperatura média mundial "muito abaixo de 2°C", mas "reúne esforços para limitar o aumento de temperatura a 1,5°C", em relação dos níveis pré-industriais. O acordo foi  aprovado por aclamação por representantes de 195 países na COP 21 , em dezembro de 2015. A entrada em vigor ocorre às vésperas da 22ª Conferência da  ONU  sobre o Clima, que começará na segunda-feira (7)  na ci