Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Setembro 10, 2019

Jericoacoara ganhará biblioteca e sistema de rádio em evento que começa hoje e vai até sábado (14)

Por Redação, 
Cerca de 400 pessoas devem participar de oficinas práticas, intervenções e outras atividades.
Vila de Jericoacoara será palco de uma semana intensa de formações gratuitas envolvendo cerca de 400 pessoas, entre a comunidade local e artistas de outros estados responsáveis por mediar oficinas voltadas a temas ligados à questão ambiental. Além das formações, aEscola da Vila, que sedia as atividades, receberá doação de um acervo de mais de600 livros, prateleiras, espaços ambientais e uma rádio completa com equipamentos de comunicação para os estudantes no valor deR$ 100 mil.  A escola ainda ganhará espaços de leitura, com pufes de garrafa PET, prateleiras e nichos de paletes, além de almofadas, tapetes e aventais literários sendo produzidos na Oficina de Patchwork, com retalhos e restos de tecido. A escola receberá, ainda, a instalação doProjeto Local de Entrega Voluntária Escolar, onde é criado um coletor sustentável que servirá para arrecadação de r…

Os limites estão nas situações culturais que nos envolvem, diz educador social

Alex Duarte aposta que pessoas com síndrome de Down devem tomar decisões e assumir protagonismo de suas próprias vidas. Empreendedor faz palestra no Congresso do Conhecimento nesta sexta-feira na Dom Helder. Cena do filme 'Cromossomo 21'. (Divulgação)
Por Cássia Maia
Repórter Dom Total
Viver uma vida com mais autonomia e independência são metas alcançáveis para as pessoas com deficiência. É o que mostra os resultados da Expedição 21, uma espécie de reality show que promoveu uma imersão de 18 pessoas com síndrome de Down, com idades entre 20 à 51 anos, sob a direção do educador social Alex Duarte.
Graduado em Comunicação Social, empreendedor social e diretor do filme e projeto Cromossomo 21, Alex é um dos palestrantes do2º Congresso do Conhecimento – Empreendedorismo e inovação, promovido pela Dom Helder Escola de Direito e EMGE – Escola de Engenharia. O congresso vai debater questões como empreendedorismo de carreira, programação neurolinguística, empreendedorismo social, inteli…

Fotógrafo suíço-americano Robert Frank morre aos 94 anos

Um dos maiores fotógrafos do mundo e documentarista, morreu nesta segunda-feira no Canadá. Robert Frank ficou famoso com seu álbum 'The Americans' (1958), um livro de fotos que capturam o 'American way of life' e influenciou gerações. (AFP)
O suíço-americano Robert Frank, um dos maiores fotógrafos do mundo e documentarista, morreu na segunda-feira (9) no Canadá. A informação foi dada pelo New York Times, citando o proprietário da galeria nova-iorquina Pace-MacGill.
Robert Frank ficou famoso com seu álbum The Americans (1958), um livro de fotos em preto e branco tiradas durante suas viagens pelos Estados Unidos, um verdadeiro manifesto que influenciaria profundamente as gerações americanas subsequentes.
Nascido em 9 de novembro de 1924 em Zurique, na Suíça, ele cresceu em uma família de industriais judeus alemães e se apaixonou por fotografia aos 12 anos. Treinou como assistente de fotografia em Zurique e Basileia de 1940 a 1942.
Após a Segunda Guerra Mundial, Frank se …

Socorro especializado pode ser decisivo para evitar suicídio

O atendimento de equipes especializadas e multidisciplinares pode ser determinante para evitar o suicídio. A opinião é do psiquiatra Leonardo Luz, do Conselho Federal de Medicina. “O Samu [Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – 192] deve ser acionado porque é uma emergência médica”, afirma. Representante do Piauí, o médico reconhece, no entanto, que não há em todas as localidades do país serviço de urgência para casos de suicídio. “Há relatos Brasil afora onde o Samu não têm equipe para o atendimento, os bombeiros e a polícia é que acabam cuidando. Eles podem até ser rápidos, mas não têm recursos para fazer esse atendimento”. No Distrito Federal, a Central de Informações Toxicológicas e Atendimento Psicossocial (Ceitap), da Secretaria de Saúde, mantém um carro do Samu disponível para equipe especializada, formada por médicos, enfermeiros, psicólogos, assistentes sociais e condutor socorrista. Segundo a gerente da Ceitap, a enfermeira Carla Pelloso, a equipe “consegue intervir no …