Postagens

Mostrando postagens de Dezembro 13, 2017

Projeto “Fotografia Tátil” ajuda cegos na arte de fotografar

Imagem
Quem ouve falar de primeira pensa que é um projeto inviável. Mas, sim, é possível: pessoas cegas podem ser fotógrafas. Um projeto de extensão da Universidade Federal do Ceará (UFC) proporciona a deficientes visuais a oportunidade de não apenas sentirem as fotografias, mas de viverem a experiência do ato de fotografar. Quem coordena o projeto Fotografia Tátil é o professor do curso de Design da UFC Roberto César Vieira. E para quem ficou sem entender, ele esclarece como funciona. “O processo é ter um monitor que descreve o ambiente no entorno. Ele descreve o que ele quer fotografar. A partir desse ponto nós ligamos o LCD e no momento que ele achar adequado ele tira a foto”, revela. A iniciativa existe há 3 anos e, além de promover a inclusão de pessoas com baixa ou nenhuma visão, já é visto como referência para outras iniciativas. O resultado do trabalho do projeto Fotografia Tátil é exibido nos encontros universitários. Tribuna do Ceará

Museu da Fotografia Fortaleza recebe o fotógrafo Gabriel Chaim para uma franca conversa sobre a experiência do campo de batalha

Imagem
Aberta ao público em outubro deste ano, a mostra “Na Linha de Frente” do Museu da Fotografia Fortaleza (MFF) tornou-se referência nacional no debate do olhar jornalístico em meio ao caos protagonizado pelas guerras. Profissionais, estudantes e demais apaixonados pela área têm a chance de acompanhar a trajetória de uma recente, ativa e premiada leva de fotógrafos brasileiros. Estes nomes estão pelo mundo, em busca da imagem capaz de denunciar uma série de conflitos que boa parte da civilização ocidental desconhece. Capaz de se encerrar e ser autoexplicativa, a foto representa todo um investimento e trabalho por vezes silencioso, afinal, estes profissionais estão em outro país, imersos em outra cultura e à mercê de situações extremas. Ouvir da própria boca destes realizadores como o clique desejado foi capturado é uma das faces de “Na Linha de Frente”. Para dar prosseguimento ao ciclo de debates, nesta quarta-feira (13), às 19h, o Museu recebe o fotógrafo Gabriel Chaim e o crítico de f…

Nova edição do Clube de Psicanálise discute o consumo na sociedade

Imagem
Zygmunt Bauman já falava sobre a liquidez da vida e como as efemeridades das vivências podem afetar, de forma mais sutil ou complexa, o cotidiano das pessoas. Seguindo tal linha de raciocínio, o Clube de Psicanálise traz para a última edição da temporada, hoje, 13, o tema Entre pílulas e posts: velocidade e hiperconsumo, uma conversa sobre o desejo de consumir que aflora na sociedade nas datas comemorativas. A discussão será analisada por meio da ótica psicanalítica e econômica, e traz como debatedoras a psicóloga e curadora do projeto, Alice Carneiro, e a jornalista Neila Fontenele. O Clube de Psicanálise vem promovendo discussões informais sobre temas que inquietam e chamam por reflexão, como a censura na arte e o ódio na contemporaneidade que, de acordo com Alice, é um tema “bastante atual frente ao nosso cenário político”. Para a última edição da temporada, o tema em questão será o hiperconsumo. “Escolhemos por conta do Natal, devido ao apelo do consumismo que fica mais evidente …

Chico Buarque estreia show 'Caravanas' em BH

Imagem
Em janeiro, a turnê chega ao Rio de Janeiro e, em março, músico se apresenta em São Paulo. Além de nove canções tiradas de Caravanas, o novo repertório traz ainda 19 canções de diversas décadas, desde o início dos anos 1960 até os dias de hoje. (Divulgação)
Chico Buarque está de volta aos palcos. E a estreia nacional de sua turnê Caravanas - inspirada em seu novo disco, homônimo, lançado em agosto -, ocorre na noite desta quarta-feira, 13, no Palácio das Artes, em Belo Horizonte - a estreia de seu show anterior, Chico, também foi na capital mineira, há 6 anos. No Palácio das Artes, a temporada se estende até dia 17 de dezembro. O tour será retomado no ano que vem, de 4 a 21 de janeiro, no Vivo Rio; de 1º a 11 de março e de 22 de março a 1º de abril, no Tom Brasil; e depois segue para outras capitais.
Além de nove canções tiradas de Caravanas, o novo repertório traz ainda 19 canções de diversas décadas, desde o início dos anos 1960 até os dias de hoje. A lista de músicas deve ser manti…

Arquivos de García Márquez acessíveis gratuitamente na Internet

Imagem
Os documentos incluem os manuscritos de 10 dos livros do autor de 'Cem anos de solidão', assim como um texto de 32 páginas destinado ao segundo volume de suas memórias. "Minha mãe, meu irmão e eu sempre quisemos que os arquivos do meu pai pudessem alcançar o público mais amplo possível", disse Rodrigo García, um dos filhos de Gabo. (AFP/Arquivos)
A Universidade do Texas colocou na Internet cerca de 27.500 documentos com arquivos do escritor colombiano Gabriel García Márquez, incluindo manuscritos, cadernos, cartas e fotos, que a partir de agora estarão disponíveis para o público geral.
O centro de documentação literária da Universidade do Texas, Harry Ransom Center, adquiriu por 2,2 milhões de dólares o fundo de arquivos em novembro de 2014, poucos meses após o falecimento do vencedor do prêmio Nobel na Cidade do México em 17 de abril.
Um buscador em espanhol e inglês, disponível no site http://www.hrc.utexas.edu/, permite ter acesso de forma gratuita ao fundo e nave…

Mais Visitadas

Reitoria da UECE apoia manifestações em defesa da educação brasileira e das universidades públicas

Morre atriz Doris Day, a namoradinha da América

Maureen Bisilliat se reencontra com o seu sertão e o de Euclides da Cunha na Flip

Paraty e Ilha Grande vão se tornar patrimônio da humanidade

Biblioteca Itinerante visita escolas e CMEIs com “Literatura e Cinema”