Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Abril 10, 2019

Academia Brasileira de Letras doa livros para índios guaranis no Rio

Ação faz parte de projeto que prevê maior aproximação cultural da ABL com oito aldeias guaranis do estado Por Agência Brasil O presidente da Academia Brasileira de Letras (ABL), Marco Lucchesi, doou nesta segunda-feira (8) uma estante com livros, CDs e DVDs para a biblioteca da Aldeia Guarani da Mata Verde Bonita, em Maricá, região metropolitana do Rio de Janeiro. A ação faz parte do Projeto Ivy Marey (que significa Terra sem Males), criado em parceria com a cacique Jurema Nunes de Oliveira e outros membros da aldeia. O projeto prevê maior aproximação cultural da academia com as oito aldeias Guaranis do estado do Rio.

Exposição "Gesto Tempo" apresenta diversas formas de bordar

Por Zilda Queiroz, 23:15 / 10 de Abril de 2019 A Galeria Leonilson, no Porto Iracema das Artes, recebe nesta quarta-feira (10), às 19h, a exposição "Gesto Tempo"
O bordado como expressão e produção artística é o foco da mostra "Gesto Tempo". Os trabalhos podem ser conferidos a partir de hoje (10), às 19h, na Galeria Leonilson, no Porto Iracema das Artes. Eles foram desenvolvidos por alunos do curso de férias "Arte, bordado e experimentação", em julho de 2018por Flávia Rodrigues, Laura Moreira e Wilma Farias, integrantes do Coletivo Avesso e também curadoras da mostra. A exposição "Gesto Tempo" entende o bordado como condutor de narrativas poéticas, políticas, de memórias e afetos A turma foi incentivada a tecer aproximações do bordado com a criação em arte contemporânea, em processos e investigações singulares e coletivos. As obras expostas são de Josy e Ély Frota, Fabrilly Farias, Tiago Rosa, Sophia Mourão, Adria…

Artista visual cearense participa da 13º Bienal de Havana

Ruy Cézar Campos leva parte do seu trabalho A rede vem do mar para a tradicional bienal de artes visuais de Havana, que conta com 83 convidados de 45 países A Bienal de Havana, um dos mais prestigiados eventos em artes visuais da América Latina, traz à tona não apenas as produções culturais de Cuba, mas tem sido espaço de expressão artística do hemisfério sul e do mundo desde sua primeira edição, em 1984. A Construção do Possível é o título da edição deste ano, que ocorre entre 12 de abril e 12 de maio e conta com a participação do artista cearense Ruy Cezar Campos. Ruy Cézar apresenta no evento três trabalhos audiovisuais - Circunvizinhas, A Chegada de Monet e Pontos Terminais Emaranhados. Eles fazem parte da exposição A Rede Vem do Mar, trabalho que levou mais de um ano de pesquisa entre Fortaleza, Angola e Colômbia, e apresentada na Capital em 2017 em um contêiner instalado na Praia do Futuro. "Eu estabeleço relações entre infraestruturas da internet e as geografias que exist…

SP-Arte 2019: museus brasileiros ganham dezenas de doações

Só o Museu de Arte do Rio, o MAR, recebeu 42 obras, mais que o dobro da última edição. SP-Arte 2019 fechou as portas no último domingo, 7. (Leo Eloy para SP-Arte 2019)
Não é incomum na SP-Arte, maior feira de arte da América Latina, que algumas das obras compradas por ali acabem em acervos de museus e instituições culturais pelo mundo. Mas, em 2019, o número foi surpreendente. Se no ano anterior o total de peças doadas chegava a 20, este ano, o Museu de Arte do Rio, o MAR, sozinho, mais do que dobrou esse número.

Até as 18 horas do domingo, 7, último dos cinco dias de evento, o diretor do museu, Paulo Herkenhoff, já havia contabilizado 42 doações para a sua instituição. Minutos depois, o estande da galeria paulista Verve, que já havia negociado três doações para o museu, estava comemorando a quarta.

O interesse principal do museu era em artistas jovens, com o trabalho ainda em ascensão. "As galerias entendem que o MAR é um museu-farol, que está investigando a ponta de lança", …

Olhe para o mundo hoje e amanhã: não há razão para ter medo

Considere estas 3 ferramentas necessárias para transformar a cultura Eu estava conversando com uma estudante assustada outro dia. Olhando para o mundo, ela não via nada além de escândalos e oposição à fé católica. Ela estava preocupada. “A Igreja tem futuro?”, perguntou-me. “Você está brincando?”, eu respondi. “O futuro da Igreja nunca me pareceu mais brilhante! A Igreja tem respostas sólidas para cada um dos males do mundo de hoje”, eu disse. “Não devemos ter medo do mundo, devemos ter misericórdia e sair em seu auxílio!” Não a convenci. Mas ela ficou pensando. A Igreja Católica sempre esteve à beira da morte. E à beira de uma grande vitória. Os cardeais dizem que escolheram o Papa Francisco porque ele entende isso. “Não tenha medo de ir e trazer Cristo para todas as áreas da vida”, disse depois de se tornar Papa. Instituições católicas nos EUA e no mundo estão fazendo exatamente isso. O Benedictine College, no Kansas, onde eu trabalho, tem reunido pessoas para falar sobre como tran…