Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Julho 7, 2020

Diversas maneiras de ser feliz

Livro de crônicas retrará mulheres reais com seus desejos, alegrias e frustrações Mulheres normais (Lura, 84 pp, R$ 39,90) é uma reunião de crônicas da escritora curitibana Izabella de Macedo que retratam as mulheres do jeito que são. Uma obra que faz ecoar pensamentos e sentimentos comuns do universo feminino, expostos como quem está de coração aberto para sorrir, chorar, se apaixonar. As crônicas são escritas em primeira pessoa, e retratam personagens em diferentes estados emocionais: entusiasmadas, felizes e desestruturadas por seus dilemas cotidianos e conflitos internos. Os acontecimentos narrados são fictícios, porém inspirados em relatos reais vividos por diferentes mulheres. Com a delicadeza e força próprias de suas protagonistas, Mulheres normais aborda, em suma, o desejo latente de ser feliz.
Via Publishnews

Onde estará o futuro do mercado editorial?

Eduardo Neto, fundador da Bok2, participa de live nesta terça-feira, às 14h, pelo Facebook do PublishNews No fim de 2018, Eduardo Neto – que está no livro desde 1996, tendo já passado por diversos estágios, desde a fabricação do papel, passando pela impressão, desenvolvimento de conteúdo e até a venda – apresentou ao mercado editorial a Bok2, um hub de serviços que inclui uma solução de impressão por demanda que tem crescido em meio a essa crise. Neto é o convidado de uma live que será transmitida logo mais, às 14h, pela página do PublishNews no Facebook. Na conversa que terá com Maju Alves, responsável pelos projetos especiais do PN, Eduardo vai debater o futuro do mercado editorial brasileiro e qual a importância que a POD terá neste processo.
Via Publishnews

Marketing digital em tempos de pandemia tim-tim por tim-tim

Bruno Mendes, especialista em marketing digital, é o entrevistado do Podcast do PublishNews dessa semana. Na conversa, ele fala sobre três fundamentos do marketing: tráfego, copy-writing e funil de vendas. Tráfego? Funil de vendas? Copy-writing? O que são essas expressões? O que elas têm a ver com o mundo dos livros? Ferramentas de marketing indispensáveis no mundo cada vez mais – e irreversivelmente – digital são explicadas tim-tim por tim-tim por Bruno Mendes, na sua participação no Podcast do PublishNews dessa semana. Na conversa que teve com a nossa equipe, o sócio da consultoria #coisadelivreiro e do próprio PublishNews explica como livreiros e editores podem se apoderar destes instrumentos para aumentar suas vendas e se aproximar de seus consumidores. Bruno lembrou que, antes da pandemia, havia iniciativas de digitalização do varejo de livros no Brasil e, com a pandemia, isso precisou ser acelerado. “Existia um pensamento antes da pandemia que vender para as livrarias físicas e…

Tudo é relativo. Nada é absoluto

Tudo é relativo. Nada é absoluto. Assim é na física e assim é na vida. Desde há muito, os filósofos se debruçam e debatem questões e conceitos universais, a exemplo da verdade, da justiça, do bem, do mal, da ética, da moral. E nos dias de hoje, em que todos resolveram filosofar e defender “suas” verdades como absolutas, em que não se admite contraposição ou sequer argumentação, essas questões universais são analisadas apenas sob o ponto de vista individual. “A Justiça nesse país tem que ser rápida! É um absurdo um processo demorar tanto para ser julgado!” Assim que deve ser. Mas se você ou um filho ou uma pessoa muito querida responder a um processo criminal, você ansiará pela mesma justiça rápida, a culminar com um certeira condenação à pena de prisão ou torcerá para que o processo de arraste por anos a fio para alcançar a prescrição? “É um absurdo uma pessoa ser condenada num Tribunal do Júri e sair solto, lépido e fagueiro!” Se você ou um filho ou uma pessoa querida for vítima, o…

Visite a casa onde viveu a pintora Frida Khalo; Artista nasceu há 113 anos

A Casa Azul, localizada na Cidade do México, é hoje um museu e pode ser visitada virtualmente Na bonita Casa Azul, Frida Khalo viveu e morreu em companhia de Diego Rivera, o mais talentoso muralista mexicano (Omar Torres/AFP)
Há 113 anos nascia a pintora Frida Kahlo. A mexicana foi uma artista marcada pela dor e pelo próprio mito. Nasceu Magdalena Carmen Frida Kahlo Calderón em 6 de julho de 1907 na Casa Azul, no bairro de Coyoacán, na Cidade do México, mesmo lugar onde faleceu em 1954, deixando cerca de 200 obras, um romance passional e tumultuado com Diego Rivera e a marca de um caráter rebelde que rompeu com as convenções.
Para os fãs da artista e para quem gostaria de conhecer um pouco mais sobre Frida, uma boa notícia: embora as viagens ao exterior estejam impedidas no momento, por conta da pandemia do novo coronavírus, é possível fazer uma passeio virtual pelos ambientes da Casa Azul, agora transformada no Museu Frida Kahlo, e conhecer, por exemplo, a cozinha onde Frida gostava …

O retorno da Peste Negra: mais um fantasma para assombrar 2020?

O consumo da carne de um roedor na Mongólia seria a causa de duas suspeitas de contaminação recém-identificadas naquele país A pavorosa peste negra do século XIV se tornou quase mítica ao longo dos séculos por ter sido uma das mais devastadoras epidemias já registradas pela História em todos os tempos: o surto de peste bubônica matou, segundo estimativas, um mínimo de 75 milhões e um máximo de 200 milhões de pessoas na Europa, Ásia e norte da África, atingindo o pico no continente europeu entre os anos de 1346 e 1353. A peste negra dizimou de 30% a 60% dos europeus, fazendo com que o continente demorasse em torno de 200 anos para recuperar o nível populacional anterior à epidemia. Embora o seu pior surto tenha sido o do século XIV, a mesma peste retornou várias vezes em surtos menores até o início do século XX. Características e disseminação histórica A peste bubônica provoca hemorragia em diversos órgãos, além de bulbos e manchas negras na pele. No grande surto do século XIV, a enfe…

Beer Option: Livro mostra o passado católico da cerveja

(ACI).- Um professor e escritor católico publicou o livro "The Beer Option", que busca mostrar que a cerveja tem uma origem católica e pode ser útil na busca pela evangelização. O diretor de Formação da Arquidiocese de Denver (Estados Unidos) e professor do Augustine Institute, Jared Staudt, realizou em seu livro "The Beer Option: Brewing a Catholic Culture Yesterday & Today” (A opção da cerveja: Destilando uma cultura católica ontem e hoje) uma profunda pesquisa sobre a história da cerveja e sua elaboração. Nesta análise, Staudt também escreve sobre o papel dessa bebida na antiguidade e destaca como a cerveja se torna uma expressão da cultura, que deve ser apreciada em amizade e festividade, e se torna parte da expressão da vida monástica. Em uma entrevista ao National Catholic Register (NCR), Staudt relatou que cresceu em uma família afastado da fé católica. No entanto, há 25 anos, sentiu o chamado de Deus à conversão, ao qual respondeu prontamente. Depois da min…