Postagens

Mostrando postagens de Julho 1, 2016

QUATRO ARCEBISPOS BRASILEIROS RECEBERÃO PÁLIO. ACOMPANHE COM A RV

Imagem
Cidade do Vaticano (RV) – Por ocasião da Festa dos Santos padroeiros Pedro e Paulo nesta quarta-feira, 29 de junho, o Papa Francisco preside à Santa Missa na Basílica Vaticana com a entrega do pálio aos novos Arcebispos metropolitanos. Este ano, 25 Arcebispos estão contemplados, entre eles quatro brasileiros: Dom Roque Paloschi, de Porto Velho (Rondônia), Dom Zanoni Demettino Castro, de Feira de Santana (Bahia), Dom Rodolfo Luís Weber, de Passo Fundo (Rio Grande do Sul), Dom Darci José Nicioli, C.SS.R. de Diamantina (Minas Gerais). Os outros 21 Arcebispos são oriundos de França, Equador, Estados Unidos, Antilhas, Itália, Espanha, Bélgica, Turquia, Cuba, México, Polônia, Ilhas Salomão, Mianmar e Benin. RV A Rádio Vaticano transmite esta cerimônia ao vivo, com comentários em português, a partir das 9h25 hora local, 4h25 no horário de Brasília. Depois da celebração, o Papa rezará com os fiéis na Praça a oração mariana do Angelus, sempre com transmissão da Rádio Vaticano. Mudança O Papa …

DOM ROQUE PALOSCHI, PRESIDENTE DO CIMI DENUNCIA VIOLAÇÕES CONTRA POVOS INDÍGENAS AO PAPA

Imagem
Fonte da notícia: Assessoria de Comunicação do Cimi Compartilhar
Nesta quarta-feira (29), o presidente do Conselho Indigenista Missionário (Cimi) e arcebispo de Porto Velho, dom Roque Paloschi, foi recebido pelo Papa Francisco, no Vaticano. Dom Roque entregou ao Papa o Relatório de Violência contra os Povos Indígenas de 2014 e uma carta, na qual agradece a atenção que o pontífice tem dedicado à questão indígena e comunica as dificuldades enfrentadas pelos povos indígenas no Brasil. “Vivemos no Brasil uma situação desesperadora diante do sofrimento dos nossos primeiros habitantes”, afirma dom Roque em sua carta. “A indiferença, o avanço dos grandes projetos do agronegócio, a construção da grandes hidrelétricas, a mineração, e a devastação do meio ambiente em general. Isso tudo traz consequências desastrosas aos povos indígenas”.
O presidente do Cimi também citou a situação de extrema vulnerabilidade vivenciada pelos Guarani e Kaiowá no Mato Grosso do Sul, vítimas de um recente ataque …

DOM HELDER CHEGOU AO RIO DE JANEIRO EM 1936

Imagem
Ó Deus altíssimo, boníssimo e terníssimo, que vos quisestes revelar em toda vossa plenitude, na generosidade, doação, renúncia e criatividade do vosso servo Dom Helder Câmara. Vivendo agora a expectativa da beatificação e canonização do vosso místico e Dom da Paz, suplicamos com humildade e confiança que venhais em socorro da humanidade, nas injustiças, dores e angústias de toda natureza por que passa a criatura humana e todo o universo. Que o nosso bom Deus seja sempre mais louvado, através do Servo de Deus Dom Helder, instrumento da vossa paz e do vosso amor. Usando as palavras do Santo Padre, o Papa Francisco: “No fim, encontrar-nos-emos face a face com a beleza infinita de Deus e poderemos ler, com jubilosa admiração, o mistério do universo, o qual terá parte conosco na plenitude sem fim” (Laudato Si', 243), na mais viva esperança, ó Pai, de vermos todas as coisas renovadas. Por Nosso Senhor Jesus Cristo Vosso Filho, na Unidade do Espírito Santo. Amém. Pai Nosso, Ave Maria e G…

O QUE O PAPA FRANCISCO DISSE SOBRE LUTERO E A CORRUPÇÃO NA IGREJA?

Imagem
Martinho Lutero: Crédito Wikipédia / Papa Francisco. Crédito: Joaquín Periro (ACI Prensa) Facebook
ROMA, 01 Jul. 16 / 08:00 am (ACI).- Durante a coletiva de imprensa na viagem da Armênia para Roma, o Papa Francisco respondeu a uma pergunta sobre a possibilidade de levantar a excomunhão a Martinho Lutero, por ocasião da próxima viagem do Santo Padre à Suécia pelos 500 anos da Reforma protestante.
As palavras do Santo Padre foram manipuladas por alguns meios de comunicação. Confira a seguir a resposta completa do Papa Francisco na coletiva de imprensa do domingo, 26 de junho:
“Creio que as intenções de Martinho Lutero não estivessem erradas: era um reformador. Talvez alguns métodos não fossem certos, mas naquele tempo, se lermos a história do Pastor, por exemplo, um alemão luterano que depois se converteu quando viu a realidade daquele tempo e se tomou católico.
Nesse então, a Igreja não era propriamente um modelo a imitar: havia corrupção na Igreja, havia mundanidade, havia apego ao d…

ECUMENISMO: CONGRESSO JUNTOS PELA EUROPA PROCLAMA QUE «CINCO SÉCULOS DE SEPARAÇÃO JÁ SÃO DEMAIS»

Imagem
Agência Ecclesia 30 de Junho de 2016, às 19:01  Divisão dos cristãos e «Brexit» nas preocupações dos participantes
António Marujo, jornalista do religionline.blogspot.pt, em serviço para a Agência ECCLESIA (o texto está redigido segundo a norma ortográfica anterior)
Munique, Alemanha, 30 jun 2016 (Ecclesia) - O congresso ‘Juntos pela Europa’, que começou hoje em Munique (Alemanha), defendeu que cinco séculos de separação entre cristãos, desde a Reforma de Lutero, já são demais.
A divisão dos cristãos europeus em 1517 – depois do Cisma do Oriente, há quase mil anos – tornou patente um testemunho deficiente do Evangelho, afirmou Gerhard Proß, um dos coordenadores da iniciativa.
O ‘Juntos Pela Europa’ é uma rede ecuménica de 300 movimentos e comunidades católicos, ortodoxos, reformados e anglicanos de todo o continente.
“Hoje é imperioso, por isso, dar testemunho de unidade, ainda mais num continente que atravessa um momento de profunda crise e divisão”, afirmou aquele responsável, na a…

«BREXIT»: REFUGIADO É O «NOVO NOME DO INIMIGO»

Imagem
Agência Ecclesia 01 de Julho de 2016, às 10:19   Foto: Unicef O sacerdote e jornalista António rego afirma no semanário digital Ecclesia que o referendo foi um «bater de porta ruidoso»
Lisboa, 01 jul 2016 (Ecclesia) - O cónego António Rego revela que o «brexit» soou-lhe a um "bater de porta ruidoso por razões escondidas", onde destaca o "xenófobo, inimigo dos estrangeiros", e alerta que hoje o "inimigo tem um nome - refugiado".
"Perguntamos como se acomoda numa consciência cristã - católica ou não - a declaração do estrangeiro como inimigo público, a rejeitar da nossa casa, em contradição frontal com o Evangelho", escreve o sacerdote num artigo de opinião publicado hoje na mais recente edição do Semanário 'Ecclesia'.
O sacerdote considera a "verdade" é que "os tempos mudam e a defesa de valores" também, bem como o seu significado.
Ao cónego António Rego o referendo que ditou o 'Brexit', a "saída da Ingla…

O PAPA DO FIM DO MUNDO

Imagem
domtotal.com A escolha do jesuíta argentino Jorge Mario Bergoglio reflete a importância da mudança. Sua livre escolha por uma vida austera resgata a influência espiritual de seu homônimo.
Por Felipe Magalhães Francisco*

Um dos pilares que sustentam a Igreja, segundo sua própria compreensão, é a Tradição. Popularmente, a ideia de Tradição, que fundamentalmente é viva e acompanha a história, tende a significar a imutabilidade da Igreja. De fato, muitas tradições se acumulam e parecem não dar lugar às novidades e às transformações. As mudanças na Igreja são demoradas e são frutos de processos longos.
Em meio a essa sentida demora nas mudanças, situações aparecem, na vida da Igreja, em que todos ficam perplexos, tal como a inesperada renúncia de Bento XVI, algo inédito em vários séculos. Mesmo com os precedentes de renúncias anteriores, a distância secular entre elas fez com que não se pensasse na possibilidade de um papa abrir mão de seu ministério. O comum é que, uma vez eleito, o papa…

NEUROCIENTISTA CRITICA POLÍTICA CIENTÍFICA NO BRASIL

Imagem
domtotal.com Segundo ela, país tende a se tornar cada vez mais dependente de tecnologia do exterior. Suzana defende mais cobrança por resultados no meio acadêmico brasileiro.
A neurocientista Suzana Herculano-Houzel, que deixou o Brasil há um mês e meio para continuar seu trabalho de pesquisa nos Estados Unidos, disse nesta quinta-feira (30), ao participar de debate na Festa Literária Internacional de Paraty (Flip), que "agora pode fazer seu trabalho". Suzana também criticou a incorporação do Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovação ao Ministério das Comunicações pelo governo interino de Michel Temer.
"Não acho nada surpreendente [a fusão], porque é apenas mais uma evidência do quanto a ciência é desvalorizada no Brasil". Segundo ela, com a perda de importância da pasta, o país tende a se tornar cada vez mais dependente do conhecimento e da tecnologia gerada no exterior.
Suzana disse achar sintomático que sua decisão de aceitar a proposta de lecionar na Unive…

Mais Visitadas

Jesus não precisava ser batizado

A verdadeira estrela

Filmes se destacam por mostrar a vida de mulheres ligadas à literatura

"Harry Potter" ajuda a salvar histórica Livraria Lello, em Portugal