Postagens

Mostrando postagens de Outubro 17, 2017

Estudantes de escola pública criam bengala com sensor para ajudar deficientes visuais

Imagem
Deficientes visuais não possuem uma rotina fácil. Diariamente tê de enfrentar cidades que não contam com estrutura preparada para recebê-los. Do interior do Ceará, na cidade de Potiretama, surge um equipamento que busca auxiliá-los diante das dificuldades de mobilidade em vias públicas. Os estudantes Paulo José Moura e Jeferson Breno Albino de Lima cursam o Ensino Médio na Escola Pública Estadual Antonio Reginaldo Magalhães Almeida. O projeto, orientado pela professora Antônia Glêcia Ferreira, trata-se de um modelo de bengala adaptada para atender as necessidades enfrentadas pelos portadores de deficiência visual. O equipamento é composto por sensores que são ativados com alertas sonoros quando algum objeto se aproxima. O projeto demorou 1 ano e 6 meses para ficar pronto. Cerca de R$ 250 foram investidos. A intensidade do som varia de acordo com a proximidade do objeto, o que também possibilita identificar a sua proporção. A bengala é portátil e de funcionamento prático, sendo alimen…

Unifor lança Prêmio de Literatura; inscrições seguem até 1º de dezembro

Imagem
Novos escritores já podem começar a preparar trabalhos para participar do Prêmio de Literatura Unifor 2017. A iniciativa visa laurear autores de textos inéditos, no gênero poesia. As inscrições estão abertas até 1º de dezembro. O concurso se divide em duas áreas: obra inédita e trabalhos inéditos. Na primeira, será considerada obra inédita livro de poemas com no mínimo 100 páginas que não tenham sido publicados em nenhum órgão de comunicação, inclusive redes sociais.
Trabalhos inéditos seguem a mesma regra de ineditismo, com no máximo 5 páginas. As inscrições podem ser feitas presencialmente (na Vice-Reitoria de Extensão da Unifor), pelo correio ou, novidade deste ano, por e-mail (premiodeliteratura@unifor.br).
Os trabalhos inscritos serão julgados por uma comissão de três professores de Literatura Portuguesa. A solenidade de divulgação do resultado, entrega dos prêmios e lançamento dos livros está prevista para 21 de março de 2018, no Teatro Celina Queiroz.
Premiação
Na categoria ob…

XIX Unifor Plástica homenageia cearense com trabalhos de 18 artistas cujas obras dialogam com as do filho do Crato

Imagem
O artista Rafael Vilarouca apresenta na Unifor Plástica um conjunto de fotografias de sofás abandonados. As imagens constroem planos geométricos Com a partida de Sérvulo Esmeraldo, em fevereiro deste ano, homenageá-lo na XIX Unifor Plástica - a ser lançada logo mais à noite, às 19h, no Espaço Cultural Unifor - tornou-se uma escolha natural. Participante da primeira edição da mostra, em 1973, o cratense será mais uma vez reconhecido por sua contribuição às artes plásticas, com cerca de 20 obras expostas em diálogo com trabalhos de outros 18 artistas convidados.
Responsável pela curadoria da exposição pela segunda edição consecutiva, Ivo Mesquita compartilha que a atividade demandou uma pesquisa de seis meses, entre março e agosto desse ano. "Foi preciso pensar trabalhos de artistas contemporâneos que conversassem com Sérvulo numa relação conceitual, de atitude, modo de operar, construindo um panorama da obra dele como centro", explica o curador.
Ao todo, ele e uma auxiliar a…

A morte do amigo

Imagem
Eram três da madrugada quando minha filha ligou para dizer que Lila e Fernando de Szyszlo tinham morrido. O mundo ao meu redor vai se despovoando e ficando mais vazioMARIO VARGAS LLOSA
FERNANDO VICENTE
Eram três da madrugada em Moscouquando o telefone tocou. Minha filha Morgana ligava para dizer que Lila e Fernando de Szyszlo tinham morrido, ao despencarem de uma escada de sua casa. Não consegui mais dormir. Passei o resto da noite paralisado por um atordoamento estúpido e um sentimento de horror. Tantas vezes ouvi Szyszlo (Godi para os amigos) dizer que não queria sobreviver a Lila, que se ela morresse primeiro ele se mataria, que, pensei, talvez tivesse acontecido assim. Mas, minutos depois, quando pude falar com Vicente, o filho de Szyszlo, que estava lá trêmulo, junto aos cadáveres, me confirmou que tinha sido um acidente. Depois alguém me informou que haviam morrido de mãos dadas e, segundo os médicos, a morte tinha sido instantânea, por uma idêntica fratura de crânio. MAIS INFOR…

Exposição Jardins Móveis, que conta com 13 esculturas bem coloridas feitas com objetos infláveis

Imagem
Bom dia a todas e todos! Até o dia 12 de novembro acontece a exposição Jardins Móveis, que conta com 13 esculturas bem coloridas feitas com objetos infláveis. A exposição ‘Jardins Móveis’ de Felipe Barbosa e Rosana Ricalde propõe uma reflexão sobre a ideia de parque urbano como espaço de relaxamento e consumo. São 13 esculturas super coloridas que incorporam bichos e objetos infláveis de forma imaginativa. A mostra estará aberta para os visitantes descobrirem cada escultura e seus significados. As esculturas são montadas em estruturas de ferro moldado, sendo quatro dispostas no Memorial e nove na Praça da Liberdade, com dimensões que chegam a 10m de altura x 15m comprimento x 3m de largura. Inspirada nos dinossauros, a maior das esculturas foi apelidada de ‘megassauro’. Terá também tucano, dromedário, veado, lhama, lagarto, polvo gigante, elefante, pato e boi, entre outros. A exposição acontece na Praça da Liberdade e no Memorial Minas Gerais Vale. No Memorial a exposição está aberta d…

Dia Internacional para a Erradicação da Pobreza é lembrado hoje

Imagem
Papa lembrou o Dia para a Erradicação da Pobreza no último domingo e afirmou que a miséria não é uma fatalidadeDa redação, com Rádio Vaticano Como forma de vencer a fome, Papa Francisco sugeriu a inserção da “categoria do amor” na linguagem da cooperação internacional / Foto: Arquivo Agência Brasil Nesta terça-feira, 17, o mundo recorda o Dia Internacional para a Erradicação da Pobreza. O tema deste ano, escolhido com o Comitê Internacional e as Nações Unidas é: “Responder ao apelo do 17 de outubro para erradicar a pobreza: um caminho que nos leva a criar sociedades pacíficas e inclusivas.” Em sua conta no twitter, o Papa Francisco disse nesta terça-feira, 17, que “a família humana tem o dever de ajudar cada pessoa a se livrar da pobreza e da fome”. Já no último domingo, 15, após a Missa de canonização dos protomártires brasileiros, Francisco havia lembrado a data. O Pontífice afirmou que “a miséria não é uma fatalidade, tem causas que devem ser reconhecidas e removidas para honra…

Redação do Enem que desrespeitar direitos humanos pode receber nota zero

Imagem
Sabrina Craide - Repórter da Agência Brasil Entre as regras a serem seguidas pelos candidatos que vão fazer o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) na elaboração da prova de redação está o respeito aos direitos humanos. Quem defender ideias avaliadas como contrárias aos direitos humanos poderá receber nota zero na redação. De acordo com a Cartilha do Participante – Redação no Enem 2017, divulgada hoje (16) pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), algumas ideias e ações serão sempre avaliadas como contrárias aos direitos humanos, como: defesa de tortura, mutilação, execução sumária e qualquer forma de “justiça com as próprias mãos”, isto é, sem a intervenção de instituições sociais devidamente autorizadas. Também ferem os direitos humanos, a incitação a qualquer tipo de violência motivada por questões de raça, etnia, gênero, credo, condição física, origem geográfica ou socioeconômica e a explicitação de qualquer forma de discurso de ódio voltado contra grupos…

Mais Visitadas

Babel: Primavera Literária Brasileira anuncia programação – agora também com autores estrangeiros

Um continente e sua escrita

Filme sobre Marighella é resposta artística a cenário político brasileiro, diz Wagner Moura

Nova edição de 'Grande Sertão: Veredas' deve atrair e formar novos leitores