Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Março 6, 2020

NÃO BASTA AMAR, É PRECISO DEMONSTRAR O AMOR

É importante dar aos demais a atenção que queríamos para nós. Se apreciamos uma pessoa devemos fazer o possível para demonstrar isso e fazê-la feliz.
Certamente, a essa altura da vida, você sabe muito bem que sentir afeto não é a mesma coisa que demonstrá-lo. Há pessoas que não possuem estratégias afetivas e que, mesmo sentindo carinho e amor, são incapazes de demonstrá-lo. Ou, ainda pior, demonstram de uma maneira errada. Esta sensação, a de não se sentir correspondido, a de não ver nenhuma demonstração deste afeto no dia a dia, mesmo que ele exista, pode criar grandes vazios e um mal-estar. Acreditemos ou não, são muitos os casais que acabam se distanciando não porque acaba o amor, mas porque acaba a paciência. Isso já aconteceu com você alguma vez? Hoje, em nosso espaço, iremos refletir sobre isso. Quem ama deve demonstrar esse amorNão é necessário dar presentes mirabolantes, realizar atos heroicos ou dizer a cada minuto o quanto nos amam. Na verdade, o curioso desta situação é que a…

Amor

Por Gonzaga Mota - Professor aposentado da UFC
Há anos, lendo um texto de Otto Lara Resende, observamos a citação: “O mundo está em cólicas”. Com isso, quis ele mostrar os desencontros e os conflitos existentes entre a população do planeta. Realmente, ao longo do tempo, a desumanização é um fenômeno cruel e crescente, apesar do progresso tecnológico desejável, mas implementado, muitas vezes, de forma inadequada. Nem autores famosos, como o inglês George Orwell e o norte-americano Alvin Toffler, respectivamente, nos romances “1984” e “A terceira onda” poderiam imaginar. A emoção, os sentimentos, e as forças do coração estão diminuindo, enquanto o pragmatismo ganancioso e não solidário cresce. Observamos que a lei do amor não é aceita de forma generalizada e a lei do medo, da desconfiança e da angústia, ganha mais seguidores.  Assim, pedimos permissão ao leitor  para mostrar as sete (7) estrofes da nossa poesia “Mentecapto”, sem métrica e sem rima, dedicada para algumas pessoas. Eis o t…

Todo dia ele faz tudo sempre igual