Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Maio 26, 2020

Filmes inspirados em livros na Amazon Prime Vídeo

Obras recentes e antigas, clássicos e novidades: há filmes para todos os gostos – especialmente para os apaixonados por uma adaptação literária
Aventuras, fantasia, romance... quando as obras ultrapassam as páginas dos livros, filmes incríveis e tocantes podem surgir. São esses exemplos que trazemos, seja você um apaixonado por adaptações literárias ou um amante de cinema, que gostaria de dar uma chance às obras inspiradas nas páginas. Clássicos já surgiram assim, como a adaptação da saga Crepúsculo, que lá em 2008 revolucionou uma geração, que cresceu apaixonada pela história de Bella Swan. E esta tendência segue até hoje, com adaptações bem recentes - como você vai poder conferir logo no início da lista. Para você que chegou aqui de curioso, mas ainda está com um pé atrás para conferir essas obras, deixa eu te contar: vale a pena! Seja pela experiência cinematográfica ou pela simples comparação entre livro e filme, as adaptações são uma ótima pedida para tardes de pipoca. E, o mais …

Com contos, crônicas e quadrinhos, Revista Vacatussa lança 18ª edição

A partir desta terça (26), a publicação estará disponível de forma gratuita para leitura e download no site da revista

Por: Portal FolhaPE

Com crônicas, contos e quadrinhos, a Revista Vacatussa lança, virtualmente, a sua 18ª edição. A partir desta terça-feira (26), a publicação estará disponível de forma gratuita para leitura e download no site da revista.

A décima oitava edição da Vacatussa traz como principal novidade a publicação de quadrinhos. A revista conta com tirinhas de Tainá Tamashiro, Matheus Asfora e de Marcelo Corrêa e uma história curta de Tapiovsky (alterego de Thiago Corrêa Ramos).

A edição ainda traz contos de Joana Rozowykwiat, Cristhiano Aguiar, Camilla Inojosa, Diogo Almeida e Nivaldo Tenório e crônicas inéditas de Helder Herik (vencedor do Prêmio Pernambuco e Prêmio Cepe Nacional de Literatura), Tiago Germano (indicado ao Prêmio Jabuti com o livro Demônios domésticos) e André Duarte.

A revista homenageia alguns artistas brasileiros que faleceram em 2020. Entre eles, o …

Não são números, são pessoas

Jornal “The New York Times” publica uma capa impressionante em homenagem aos 100.000 mortos pela COVID-19 nos Estados Unidos O jornal “The New York Times” surpreendeu nesse domingo com uma capa em sua edição impressa na qual prestava homenagem às 100.000 mortes por coronavírus nos Estados Unidos. Seu título: “EUA perto dos 100.000 mortos, uma perda incalculável”. E no início do artigo: “Eles não eram apenas nomes em uma lista. Éramos nós”. A capa atrai poderosamente a atenção porque não há cores: é em preto e branco e segue o esboço das páginas de jornais de um século atrás, sem fotografias. Costuma-se dizer que quando você não fotografa em cores, mas em preto e branco, fotografa a alma. O jornal de Nova York colocou os nomes dos mortos em preto e branco, um por um: seu nome completo, sua idade e uma frase tirada dos obituários que apareceram nos diferentes jornais americanos. nytimes.com Constava ali, entre outros, o nome de Michael, um senhor de 92 anos. Sobre ele, diz-se: “Ele leva…

Aplicativos criados por alunos da UFF facilitam integração na pandemia

Objetivo é aproximar pessoas que necessitam de EPI a quem queira doar Objetivo é aproximar pessoas que necessitam de EPI a quem queira doar Alunos de diferentes cursos de graduação da Universidade Federal Fluminense (UFF) criaram o aplicativo EPI Solidário, para smartphones, que já está disponível nas lojas Apple. O objetivo é conectar profissionais que estão necessitando de Equipamentos de Proteção Individual (EPI), trabalham na linha de frente de combate ao novo coronavírus e não estão encontrando esse material no mercado, com outras pessoas ou empresas que produzam equipamentos e queiram doar. O criador do aplicativo é Eduardo de Oliveira Camara, formado em ciência da computação e, atualmente, aluno de medicina da UFF.
O professor do Instituto de Computação da UFF responsável pelo projeto, Flávio Luiz Seixas, disse à Agência Brasil que o aplicativo aproxima o doador do receptor. “Ele vai ao aplicativo e vê se tem o registro de alguém que tem EPI para fazer alguma doação solidária.…