Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Julho 22, 2020

Conheça a história do primeiro Cine Drive-in de Fortaleza, que funcionou de 1978 a 1983

Às vésperas da inauguração do Drive-in Colosso Open Vibes, em Fortaleza, na próxima quinta-feira (23), o Verso revela as memórias de quem frequentou o primeiro cinema desse formato na capital cearense
Edisio Junior tinha apenas 10 anos quando testemunhou o nascimento de um sonho. O pai, Edisio Benício Sampaio, conhecia boa parte do Brasil por conta do trabalho como representante comercial. A rotina puxada das viagens daria um tempo em 3 de agosto de 1978. Naquela data, o cearense de família generosa (esposa e cinco filhos) abria as portas do Cine Drive-in Aldeota.“Ele tinha visão. Gostava de cinema e adorava aqueles filmes com cenas de drive-ins. Outra coisa é que ele gostava muito de carros antigos”. “Era tipo aquela onda do ‘Tempos da Brilhantina?’, pergunto. "Isso, isso mesmo. Essa coisa dos carrões nos drive-in. Isso o inspirou a fazer um aqui”, detalha. Junior hoje tem 52 anos, esposa e duas crianças. É o terceiro dentre os irmãos. Quarenta e dois anos depois da inauguração, …

O lado jornalista de Gabriel García Márquez

Livro reúne 50 textos de García Márquez, publicados em jornais e revistas entre 1950 e 1984 Gabriel García Márquez, uma das figuras mais importantes e influentes da literatura universal e ganhador do prêmio Nobel de Literatura em 1982, deixou bem claro, nos últimos anos de vida, que o jornalismo sempre foi sua maior paixão, a mais duradoura. Além de romancista, foi contista, ensaísta, crítico cinematográfico, roteirista e, principalmente, um intelectual comprometido com os grandes problemas do nosso tempo – em especial com aqueles que afetavam a Colômbia e a América Hispânica em geral. O escândalo do século(Record, 350 pp, R$ 59,90 – Trad.: Joel Silveira, Leo Schlafman e Remy Gorga Filho) é a amostra mais representativa da tensão narrativa – entre jornalismo e literatura – que permeou toda a trajetória de Gabo como repórter. É uma viagem de quatro décadas através de 50 textos mostrando como “o melhor ofício do mundo” está no coração da obra do Prêmio Nobel colombiano. A seleção de text…

Combo Café e Cultura lança plataforma de cursos on-line

Cursos rápidos serão cocriados com produtores de conteúdo respeitados na área. Plataforma também com influenciadores para divulgar os cursos. A Combo Café e Cultura, livraria-café-banca fundada há pouco mais de um ano e que já conta com duas unidades – uma no Jardins e outra em Pinheiros – ampliou o seu campo de atuação e lançou a Combo Cursos, uma plataforma de entretenimento cultural focada em literatura. Os interessados já podem acessar o novo site e comprar o primeiro curso: História do Sci Fi, ministrado por Cláudia Fusco, mestre em literatura na faculdade de Liverpool. O investimento é de R$ 69. Com no máximo 3 horas de duração, os cursos têm como objetivo levar o aluno a “um mergulho breve e intenso por diferentes universos culturais” e serão cocriados com produtores de conteúdo respeitados na área. A Combo Cursos também pretende ser acessível ao produtor do conteúdo, que poderá gravar os vídeos de sua casa, com equipamento cedido pela Combo, e enviar apenas o material bruto, qu…

Câmara conclui análise de PEC que torna Fundeb permanente

Proposta segue para análise do SenadoA Câmara dos Deputados concluiu, nessa terça-feira (21), a proposta de emenda à Constituição que torna o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) permanente (PEC 15/15). A matéria segue para o Senado.   A proposta foi aprovada em primeiro turno por 499 votos favoráveis a 7 contrários; e em segundo turno por 492 votos a 6.Após negociação de modificações do texto da PEC com governo federal, a relatora da proposta, deputada Professora Dorinha (DEM-TO), subiu a complementação da União para 23% em 2026, dos quais cinco pontos percentuais são destinados especificamente para educação infantil.Pelo texto da relatora, a participação da União no fundo será de 12% em 2021; 15% em 2022; 17% em 2023; 19% em 2024; 21% em 2025; 23% em 2026. Atualmente, o governo federal aporta no Fundeb 10% da contribuição total dos estados e municípios.  “Em um esforço de alcançar o consenso amplo que incorpo…