Ideias: Silva e Beth

Gonzaga Mota*
Ciúme é um estado emocional que, ao longo do tempo, vem sendo estudado por psicólogos, psiquiatras e cientistas objetivando encontrar soluções para esse cruel sentimento. Surge, com maior frequência, no relacionamento entre um homem e uma mulher. Tal comportamento ocorre, em maior escala, pela falta de confiança, pelo desejo de exclusividade e pelo binômio vaidade e inveja. As crises geradas, várias vezes, conduzem a desfechos tristes e covardes.
Eis, pois, a história ficcional de Silva e Beth. Rapaz rico, boa aparência, com curso superior, porém possuidor de temperamento instável. Já Beth, universitária, de classe média, secretária de Silva na sua empresa de informática, era uma moça bela e charmosa. Logo aconteceu um namoro apaixonado entre os dois jovens. Passaram-se alguns meses, o casal resolveu contrair núpcias. Ocorreu o enlace matrimonial, sem proporcionar satisfação à família de Silva. No entanto, viveram felizes e sonhavam com o futuro.
Depois de algum tempo, as intrigas e discussões domésticas começaram a surgir. Beth, não mais suportava, saiu de casa e logo conseguiu outro amigo. O jovem entrou numa crise de depressão motivada pelo ciúme que tinha da bonita Beth. Não se conformava com a atitude de sua ex-mulher. Tentou suicídio, ingerindo muitos comprimidos de um remédio antidepressivo. Beth, arrependida, entrou em processo acelerado de desequilíbrio psíquico, chorou copiosamente pelo que aconteceu. No estilo "rodriguiano", foi à casa de Silva, deu-lhe dois tiros mortais e, em seguida, fez um disparo fatal em sua cabeça. Infelizmente, às vezes, a vida é assim.
*Professor aposentado da UFC

Comentários

Mais Visitadas

Nomofobia: O medo de desconectar

Fundação Edson Queiroz realiza mostra de arte

Documentário sobre 'impeachment' de Dilma no Festival de Cinema de Berlim

"Um erro, uma barbárie, uma desumanidade", diz Vargas Llosa sobre a pena de morte

Solenidade de posse do Dr. Régis Frota, na Academia Metropolitana de Letras de Fortaleza