Pular para o conteúdo principal

CardLivro foi entregue aos professores

Bienal do Livro: professores da rede municipal receberam nesta quarta, 12/4, cartão para comprar livros e materiais

Em clima de alegria e muita animação de centenas de estudantes animados para visitar a XII Bienal Internacional do Livro do Ceará, os professores da Escola Municipal Agostinho Moreira e Silva, na Barra do Ceará, receberam na tarde desta quarta-feira, 12/4, das mãos da secretária municipal da Educação, Dalila Saldanha, e do secretário da Cultura do Estado, Fabiano dos Santos Piúba, os CardLivros. O CardLivro é um cartão magnético, como um cartão de crédito, para aquisição de livros e/ou material de incentivo à leitura, regulamentado pela Lei Nº 10.564 de 29 de março de 2017. O crédito é destinado aos professores para utilização na Bienal, que começa nesta sexta-feira, 14/4, e segue até o dia 23, em uma realização do Governo do Estado do Ceará, por meio da Secretaria da Cultura e do Instituto Dragão do Mar, com apresentação do Ministério da Cultura e do Bradesco.
Foto: Felipe Abud | Secult
De acordo com Dalila, cerca de oito mil professores estão sendo beneficiados com créditos no valor de até R$ 100,00, que vão ser disponibilizados por meio de um cartão magnético, próprio para registro de vendas junto aos expositores das edições da Bienal. Para ser beneficiado com o crédito, o profissional deve estar lotado nas escolas municipais, nos Distritos de Educação ou na Secretaria Municipal da Educação (SME). Os cartões magnéticos serão distribuídos, prioritariamente, aos professores que estiverem em efetivo exercício de sala de aula.
O secretário da Cultura do Estado do Ceará, Fabiano dos Santos Piúba, participou da entrega do CardLivro e destacou a importância da parceria com a SME e com a Prefeitura de Fortaleza. “Agradecemos pela parceria e damos as boas-vindas a todos os professores para a Bienal, que convida para uma ampliação dos horizontes de cada um e das inúmeras possibilidades de formação e crescimento por meio da palavra, com o tema ‘Cada pessoa, um livro; o mundo, a biblioteca”.
Foto: Felipe Abud | Secult

Fabiano brincou com as crianças e reforçou o convite para a participação na Bienal. “Quinta-feira, quando vocês acordarem, vão dizer para os pais de vocês: ‘Sabem aonde eu vou hoje? Vou à Bienal Internacional do Livro do Ceará. E quando voltarem vão contar pros pais de vocês todas as novidades que viram e aprenderam lá”, disse, no meio da criançada, que não escondia a animação, no pátio da escola.

“Viemos aqui, juntamente com o Fabiano, pra reconhecer os professores dessa escola, que estão aqui representando todos os professores da educação de Fortaleza”, ressaltou a secretária da Educação de Fortaleza, Dalila Saldanha. “E a forma de a gente reconhecer isso é oportunizando tanto a visita de vocês à Bienal, que você vão ver que é muito legal, e oportunizar aos professores, além de visitar a Bienal, também ter um incentivo financeiro para poder adquirir livros e dividir com vocês depois”.
Professora Neire: “A gente fica que nem criança”
Neire Alves, professora admitida há um ano na rede municipal, recebeu o CardLivro, representando todos os professores da escola Agostinho Moreira. “Estou muito feliz nessa tarde, por ter recebido o meu cartão, que vai ser usado na Bienal do Livro, no Centro de Eventos. Nós, que somos professores, é importante demais esse momento, porque amamos ler, amamos livros. E a Bienal será um momento muito importante, no mundo mágico da leitura”, afirmou. “A gente fica que nem criança. É um sonho. Porque nós, professores, amamos esse momento de leitura de livros”.
Foto: Felipe Abud | Secult
Acompanhe toda a programação através das nossas redes sociais, confira nossa página oficial no Facebook.
COMUNICAÇÃO - SITE_COMUNICACAO

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Participe da Coletânea "100 Poetas e 100 Sonetos"

O Instituto Horácio Dídimo de Arte, Cultura e Espiritualidade está selecionando 100 poetas para compor a Coletânea “100 Poetas e 100 Sonetos”. Os sonetos são de tema livre e devem ser metrificados em qualquer tamanho ou estilo, rimados ou não. 

Não haverá taxa de inscrição e nem obrigatoriedade de aquisição do livro pelos participantes, que em contrapartida cedem seus direitos autorais. 

A data e local do lançamento da coletânea serão definidos posteriormente. 

Para participar, envie o seu soneto para o email ihd@institutohoraciodidimo.org ou pelo formulário até 10/07/2019 com uma breve biografia.

Por https://institutohoraciodidimo.org/2019/06/11/coletanea-100-poetas-e-100-sonetos/

O Natal em Natal (RN), a capital potiguar fundada em 25 de dezembro de 1599

Neste mês, a cidade se reveste de enfeites e de festas culturais, através do projeto 'O Natal em Natal'.
Considerada uma das maiores e mais bonitas do Brasil, a Árvore de Natal instalada no bairro de Mirassol encanta a natalenses e turistas. (Alex Regis/ Secom Natal)
Os moradores da capital do Rio Grande do Norte têm um motivo a mais para se alegrar e vivenciar esta época do ano. Afinal, eles celebram o “Natal em Natal”. Aliás, a capital potiguar recebeu este nome devido a data da sua fundação: 25 de dezembro de 1599. Neste mês, a cidade se reveste de enfeites e de festas culturais, através do projeto “O Natal em Natal”, promovido pela prefeitura municipal. Ao todo, segundo a prefeitura, são mais de 40 eventos que contemplam dança, música, teatro, audiovisual, artesanato, gastronomia e outras manifestações culturais.
Na zona sul da capital, foi acessa, no dia 3 de dezembro,  a tradicional “árvore de Mirassol”, com 112 metros de altura, ornamentada com enfeites nos formatos de …

POPE FRANCIS GENERAL AUDIENCE 2016.06.08