Pequena Sereia de Copenhague sofre em defesa da causa animal

Diante da estátua, com a mesma tinta, foi escrita a frase: 'Dinamarca, defenda as baleias das Ilhas Faroe'.
Funcionário limpa a estátua após o vandalismo
Funcionário limpa a estátua após o vandalismo (Scanpix Denmark/AFP)

A Pequena Sereia de Copenhague, o monumento mais famoso da Dinamarca, foi pintada de vermelho, aparentemente por defensores da causa animal, informou a polícia dinamarquesa nesta terça-feira.
"A Pequena Sereia foi vítima de um ato de vandalismo (por pintura vermelha). Investigamos o caso", escreveu no Twitter a polícia da cidade.
Uma foto publicada pelo jornal Politiken mostra que diante da estátua, com a mesma tinta, foi escrita a frase: "Dinamarca, defenda as baleias das Ilhas Faroe".
Neste arquipélago autônomo dinamarquês no Atlântico Norte se pratica uma tradição violenta, o "grindadrap", que consiste em atrair as baleias até uma baía ou fiorde para matá-las com grandes facas.
A Pequena Sereia, estátua de bronze inaugurada em 1913 em uma rocha da baía da capital dinamarquesa, representa a personagem de um conto de Hans Christian Andersen.

AFP

Comentários

Mais Visitadas

Morre atriz Doris Day, a namoradinha da América

Reitoria da UECE apoia manifestações em defesa da educação brasileira e das universidades públicas

Maureen Bisilliat se reencontra com o seu sertão e o de Euclides da Cunha na Flip

Biblioteca Itinerante visita escolas e CMEIs com “Literatura e Cinema”

Paraty e Ilha Grande vão se tornar patrimônio da humanidade