Blogueiro cria campanha para recuperar biblioteca destruída pelo Estado Islâmico

Do BOL, em São Paulo
  • Reprodução/Mosul Eye
    Voluntários ajudam na coleta de livros para reconstruir a biblioteca da Universidade de Mosul
    Voluntários ajudam na coleta de livros para reconstruir a biblioteca da Universidade de Mosul
Após criar o blog Mosul Eye, um historiador está coletando livros de todo o mundo para recuperar a biblioteca da Universidade de Mosul, no Iraque, que foi destruída pelo Estado Islâmico. 
O historiador, que mantém o anonimato por temer represálias de radicais, relata em sua página a situação de Monsul após as barbaridades do Estado Islâmico, que destruiu diversas partes da cidade como queimou obras literárias, mapas históricos e manuscritos por considerar tudo "inútil".
 
A campanha para arrecadar novos livros já conseguiu 10 mil exemples, o objetivo é que o número chegue em 200 mil. De acordo com a página Mosul Eye, obras de medicina, ciência e humanidades, estão entre as mais desejadas.
 
As doações para reestruturar a biblioteca da Universidade de Mosul podem ser feitas de qualquer parte do mundo, através do blog Mosul Eye.

(Com informações da revista Galileu)
BOL Notícias

Comentários

Mais Visitadas

As dores da humanidade

Tudo começa com o caderno de caligrafia

Missão da Unesco faz primeira visita ao Museu Nacional

Bancário faz sua estreia como escritor

Adjetivando a vida