Há 20 anos o herói Hércules fazia sua primeira aparição no cinema

Hércules e seu amigo de infância Pégaso enfrentam monstros mitológicos em suas aventuras em busca de um lugar no Monte Olimpo
No dia 4 de julho de 1997 chegava aos cinemas brasileiros um novo longa de animação da Disney, "Hércules", com uma história baseada no personagem da mitologia grega.
Depois de alguns filmes mais fracos como "O Corcunda de Notre Dame", o longa renovou o sucesso da empresa e trouxe um novo estilo de animação tradicional mais anguloso que havia dado seus primeiros passos com "Pocahontas". O novo traço foi bem recebido e continuou com "Mulan" e, principalmente, com "Tarzan".

Mitologia
A história mitológica do filho de Zeus com uma mortal sofreu grandes alterações para se encaixar nos padrões do que a companhia acha interessante para o seu público. Além do pai, Hércules ganhou uma herança divina também por parte de mãe, é filho de Hera, e um par romântico atormentado por Hades, deus do mundo inferior e dos mortos.
Na animação, Hércules nasce no Monte Olimpo e é um bebê feliz com toda atenção e luxo que pode receber um deus. Porém, Hades não está satisfeito com a atenção dispensada ao menino e envia seus capangas para envenená-lo. Hércules não bebe a gota final da poção e perde todos os seus poderes, menos a sua super-força, marca registrada do personagem.
Sabendo que não fizeram o serviço completo, os capangas deixam o bebê na Terra. Ele é acolhido por um casal de mortais que cuidam dele até a adolescência, quando ele descobre sua ascendência divina e busca provar-se digno a voltar a viver no Monte Olimpo.
Com a participação de personagens importantes da mitologia grega como o sátiro Filoctetes, o cavalo alado Pégaso, e monstros como a Hidra, Medusa, Leão de Nemeia, Hércules terá que enfrentar muitos perigos e até a perda da amada para derrotar Hades e os Titãs.
Além das mitologia grega, "Hércules" faz referência a "Karatê Kid", "O Rei Leão" e diversas marcas famosas como American Express (Grecian Express), Gatorade (Herculade) e Air Jordan (Air-Herc).

Repercussão
O filme foi bem recebido pelo público e teve críticas positivas. Ganhou o Oscar de Melhor Canção Original por "Go The Distance" ("Vou vencer distâncias..."), apesar do grande número musical ser "De Zero a Herói", canção que ecoa até hoje nos meus ouvidos quando ouço falar da animação.
"Hércules" ganhou uma prequela, um filme para TV que serviu de piloto para a série animada exibida no Brasil entre 1999 e 2006 e que fala do tempo em que o protagonista estudava na Academia de Prometeus.
A narrativa de Hércules em busca de reconhecimento no Monte Olimpo traz uma lição moral: a de que não adianta ser poderoso se esse poder não for usado para o bem, para ajudar os outros. Ou, como diria o Tio Ben, personagem de Homem-Aranha, "... Com grandes poderes vêm grandes responsabilidades".

Novo campeão
"League of Legends" ganha um novo herói no dia 12 de julho. Kayn (imagem) já está disponível no PBE, servidor de testes, e possui duas classes, Assassino das Sombras que caça oponentes à distância e Rhaast, integrante da raça Darkin, que usa uma foice para enfrentar os inimigos a curtas distâncias. O papel do Campeão é escolhido no início da partida.

Necromante
Enfim, a macabra classe chega a Diablo III. O pacote "Ascensão do Necromante" já está disponível no jogo para PlayStation, Xbox e PC. Os Necromantes usam o poder de sangue e ossos para erguer mortos-vivos a partir dos restos mortais. O pacote inclui outros itens em jogo, além de mais dois espaços para personagens e duas abas do Baú Pessoal (somente no PC).

Diário do Nordeste

Comentários

Mais Visitadas

O STF é uma vergonha

Papa Francisco sobre os direitos humanos: todos têm o direito de ser felizes

Dom Aloísio em nossos corações

Além das aparências