Pular para o conteúdo principal

Idosas desfilam em feira na avenida Beira Mar

Ana Rute Ramires
Idosas desfilam em feira na avenida Beira Mar
Envelhecer com alegria e qualidade de vida, além de cuidados com a saúde, requer autoestima elevada, aceitação da própria idade e encarar a vida tendo a beleza como estado de espírito. A receita é resultado da experiência de vida de um grupo de mulheres que, perto de chegar à aposentadoria ou após a etapa, está experimentando entrar no mundo da moda. Cerca de 20 idosas irão desfilar, hoje à noite, na Feira de Artesanato, Moda e Alimentos (Fama), no Aterrinho da Praia de Iracema, com roupas expostas pelos artesãos.
O convite para começar a desfilar surgiu por meio de projetos para a terceira idade que algumas das mulheres participam. Uma foi chamando a outra e, assim, elas começaram a desfilar, cuidar mais da aparência e a se sentirem ainda mais bonitas. A vaidade, no entanto, não se expressa apenas pelo cuidado com a imagem. Alegria de viver, sorrisos, vontade de estarem ativas na sociedade, participando de projetos sociais, por exemplo, demonstram que a busca pela beleza vai além.
Para a aposentada Valéria Serra Azul, 60, é fundamental aceitar o processo de envelhecimento e estar bem com a própria idade. “É bom fazer uma coisa que me valorize, para me manter viva e atuante. A gente tem que aceitar a idade que tem. Seja 15, 30, 50 ou 60. Eu tenho 60 anos e quero estar bem. Eu não quero estar com cara de 40 ou 30, eu quero estar com meus 60 bem!”, frisa.
Ela começou a desfilar a convite da amiga Oneida Pinheiro, 70. “O importante é fazer algo para melhorar a autoestima da pessoa. E desfilar eleva a autoimagem da gente. Já temos desfiles marcados no Shopping Benfica e no Shopping RioMar Kennedy”, avisa. A aposentada participa do projeto Cidadania Ativa, do Serviço Social do Comércio (Sesc), com a amiga Fátima Monte, 68. “Eu acredito que, se você envelhece feliz com a idade que tem, você jamais vai ser um idoso resmungão e que não tem perspectiva do amanhã. Não é porque eu vou fazer 69 anos que eu vou me desleixar”, ressalta Fátima. A aposentada faz parte do projeto Viver Bem, do Shopping Benfica.
“Tivemos um fórum no Benfica. Eu convidei o Felipe Frorrentz, dono de uma agência de modelos, e ele entrou nesse núcleo da terceira idade.
Todo mundo se realizou. Pessoas que nunca haviam desfilado entraram na passarela”, diz. “Quando eu desfilo me sinto maravilhosa! O mais importante é se amar, se querer bem. Olhar para si por fora e por dentro e ver o que há de bom. Se tiver algo que machuca, jogar fora”, aconselha Dema Fonteles, 62.
Feira
A Fama é realizada pela Federação das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte do Ceará (Femicro-CE) com apoio do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), do Governo do Estado e da Prefeitura de Fortaleza.

Serviço
Desfile da Feira de Artesanato, Moda e Alimentos (Fama)
Quando: hoje, às 19 horas
Onde: Aterrinho da Praia de Iracema (em frente ao Hotel Sonata de Iracema)
O POVO online
Veja mais notícias sobre a terceira idade:

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O Natal em Natal (RN), a capital potiguar fundada em 25 de dezembro de 1599

Neste mês, a cidade se reveste de enfeites e de festas culturais, através do projeto 'O Natal em Natal'.
Considerada uma das maiores e mais bonitas do Brasil, a Árvore de Natal instalada no bairro de Mirassol encanta a natalenses e turistas. (Alex Regis/ Secom Natal)
Os moradores da capital do Rio Grande do Norte têm um motivo a mais para se alegrar e vivenciar esta época do ano. Afinal, eles celebram o “Natal em Natal”. Aliás, a capital potiguar recebeu este nome devido a data da sua fundação: 25 de dezembro de 1599. Neste mês, a cidade se reveste de enfeites e de festas culturais, através do projeto “O Natal em Natal”, promovido pela prefeitura municipal. Ao todo, segundo a prefeitura, são mais de 40 eventos que contemplam dança, música, teatro, audiovisual, artesanato, gastronomia e outras manifestações culturais.
Na zona sul da capital, foi acessa, no dia 3 de dezembro,  a tradicional “árvore de Mirassol”, com 112 metros de altura, ornamentada com enfeites nos formatos de …

POPE FRANCIS GENERAL AUDIENCE 2016.06.08

Campus Party 2018 vendeu 30% a mais de ingressos que edição anterior

A feira de tecnologia Campus Party Brasília 2018 foi encerrada hoje (1°), após ter reunido milhares de pessoas em torno de palestras, oficinas e atividades com temas como o uso da tecnologia da computação, robótica, empreendedorismo e startups. Essa é a segunda edição do evento em Brasília, que começou no dia 27 de junho, no Estádio Nacional Mané Garrincha. Antes prevista para acontecer de 30 de maio a 3 de junho, a feira foi adiada para esta semana por causa da greve dos caminhoneiros. De acordo com o diretor da Campus Party Brasil, Tônico Novaes, o evento contabilizou um volume de vendas de ingressos pelo menos 30% maior que a primeira edição da Campus Party em Brasília, realizada no ano passado.  Para Tônico Novaes, a edição no Distrito Federal se destacou pela elevada participação e envolvimento dos que estão no evento.  “Os campuseiros daqui são realmente engajados no conteúdo. Andando por aqui você vai ver todos os workshops e bancadas cheias e a estrutura está bem maior que a …