Pular para o conteúdo principal

Projeto cearense representará o Brasil em torneio de empreendedorismo social em Londres

Criado por alunos do IFCE-Iguatu, o programa foi o vencedor entre os 68 times participantes do Campeonato Nacional Enactus Brasil 2017 em premiação ocorrida na noite da última sexta-feira, dia 21, no Rio de Janeiro

Foto: Divulgação / Assessoria
Alunos do projeto Mudas que irão representar o Brasil na Enactus World Cup, em Londres
Ensinar a comunidade cearense a evitar o desperdício de alimentos por meio de palestras sobre a produção de frutas e hortaliças e a fabricação de bolos, polpas e doces é a proposta do Projeto Mudas. Criado por alunos do IFCE-Iguatu (Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará), o programa foi o vencedor entre os 68 times participantes do Campeonato Nacional Enactus Brasil 2017 em premiação ocorrida na noite da última sexta-feira, dia 21, no Rio de Janeiro. O grupo será o representante brasileiro na Enactus World Cup, que acontece em setembro em Londres.
O time foi um dos quatro brasileiros a receberem, este ano, o incentivo de US$ 5 mil cada do Ford Motor Company Fund, braço filantrópico da Ford que promove ações sociais e de empreendedorismo social no Brasil e no mundo. “No começo, o projeto era voltado ao pequeno produtor rural. Com a parceria da Ford, conseguimos expandi-lo com cursos profissionalizantes e a criação de uma fábrica para a produção de polpa, doce e geleia que empoderou mais de 30 mulheres. Temos certeza de que a conquista do prêmio Enactus só foi possível graças a esse apoio. A Ford acreditou e acredita no nosso potencial, e vamos escrever uma linda história juntos”, afirma Kevin Brasil, líder do IFCE-Iguatu. O Projeto Mudas também promove cursos de informática para jovens e feiras de comercialização de produtos e assistência técnica especializada nas áreas de saúde, agricultura e estética.
 
“Nossa estratégia de Responsabilidade Social está baseada nos pilares de educação e sustentabilidade. A parceria com a Enactus nos permite unir essas duas premissas, com impacto positivo nas comunidades e no meio ambiente”, explica Adriane Rocha, gerente de Relações Corporativas da Ford Brasil. “O fato de o projeto vencedor ter sido o time do Ceará torna essa iniciativa ainda mais gratificante, pois conseguimos dar suporte a uma região de grande importância para nós – as operações da Troller estão baseadas na cidade de Horizonte – e com grande demanda por projetos de empreendedorismo social. ”
 
Com informações da assessoria de comunicação

Boa Notícia

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O Natal em Natal (RN), a capital potiguar fundada em 25 de dezembro de 1599

Neste mês, a cidade se reveste de enfeites e de festas culturais, através do projeto 'O Natal em Natal'.
Considerada uma das maiores e mais bonitas do Brasil, a Árvore de Natal instalada no bairro de Mirassol encanta a natalenses e turistas. (Alex Regis/ Secom Natal)
Os moradores da capital do Rio Grande do Norte têm um motivo a mais para se alegrar e vivenciar esta época do ano. Afinal, eles celebram o “Natal em Natal”. Aliás, a capital potiguar recebeu este nome devido a data da sua fundação: 25 de dezembro de 1599. Neste mês, a cidade se reveste de enfeites e de festas culturais, através do projeto “O Natal em Natal”, promovido pela prefeitura municipal. Ao todo, segundo a prefeitura, são mais de 40 eventos que contemplam dança, música, teatro, audiovisual, artesanato, gastronomia e outras manifestações culturais.
Na zona sul da capital, foi acessa, no dia 3 de dezembro,  a tradicional “árvore de Mirassol”, com 112 metros de altura, ornamentada com enfeites nos formatos de …

POPE FRANCIS GENERAL AUDIENCE 2016.06.08

Campus Party 2018 vendeu 30% a mais de ingressos que edição anterior

A feira de tecnologia Campus Party Brasília 2018 foi encerrada hoje (1°), após ter reunido milhares de pessoas em torno de palestras, oficinas e atividades com temas como o uso da tecnologia da computação, robótica, empreendedorismo e startups. Essa é a segunda edição do evento em Brasília, que começou no dia 27 de junho, no Estádio Nacional Mané Garrincha. Antes prevista para acontecer de 30 de maio a 3 de junho, a feira foi adiada para esta semana por causa da greve dos caminhoneiros. De acordo com o diretor da Campus Party Brasil, Tônico Novaes, o evento contabilizou um volume de vendas de ingressos pelo menos 30% maior que a primeira edição da Campus Party em Brasília, realizada no ano passado.  Para Tônico Novaes, a edição no Distrito Federal se destacou pela elevada participação e envolvimento dos que estão no evento.  “Os campuseiros daqui são realmente engajados no conteúdo. Andando por aqui você vai ver todos os workshops e bancadas cheias e a estrutura está bem maior que a …