Taís Araújo recebe título de defensora dos direitos das mulheres negras da ONU

Do BOL, em São Paulo
  • Divulgação
    Taís Araújo vai receber o título de defensora dos direitos das mulheres negras da ONU Mulheres Brasil
    Taís Araújo vai receber o título de defensora dos direitos das mulheres negras da ONU Mulheres Brasil
Conhecida por não se calar diante de ataques racistas nas redes sociais, Taís Araújo vai receber da ONU Mulheres Brasil o título de defensora dos direitos das mulheres negras. A informação é da Folha de S.Paulo.
Segundo a colunista Mônica Bergamo, a atriz vai apoiar iniciativas da organização no combate ao preconceito.
 
Em 2015, Taís Araújo recebeu diversos comentários racistas em sua página pessoal no Facebook. Na ocasião, a atriz, que estava em cartaz com a peça "O Topo da Montanha" -  que faz referência ao último discurso de Martin Luther King, ativista norte-americano que se tornou líder na luta contra a discriminação racial nos EUA -, chegou a fazer um desabafo nas redes sociais. 
 
"Eu não vou apagar nenhum desses comentários. Faço questão que todos sintam o mesmo que senti: a vergonha de ainda ter gente covarde e pequena nesse país, além do sentimento de pena dessa gente tão pobre de espírito. Não vou me intimidar, tampouco abaixar a cabeça. Sigo o que sei fazer de melhor: trabalhar. Se a minha imagem ou a imagem da minha família te incomoda, o problema é exclusivamente seu!", escreveu.

BOL Notícias

Comentários

Mais Visitadas

O Irmão Carlos de Foucauld

Há 50 anos, primeira mulher negra era eleita ao Congresso nos EUA

Memorial do Holocausto lembra 80 anos da Noite dos Cristais em SP

MASP completa 50 anos de histórias

Escreve Pe. Jocy - Dom Delgado