Pular para o conteúdo principal

Espaço Cultural Dom Helder celebra mais um evento

Nova sala de espetáculos de Belo Horizonte recebeu o grupo suiço Stephan Kurmann Strings.
Nova sala de espetáculos de Belo Horizonte recebeu o grupo suiço Stephan Kurmann Strings.
Nova sala de espetáculos de Belo Horizonte recebeu o grupo suiço Stephan Kurmann Strings. (Charles Mascarenhas)

Por Charles Mascarenhas
 
O Espaço Cultural Dom Helder recebeu no último domingo (6) a apresentação do grupo suiço Stephan Kurmann Strings. O grupo comemora 30 anos de carreira e está realizando turnê no Brasil desde o dia 22 de julho. As apresentações continuam em Belo Horizonte no Conservatório IFMG, nos dias 8 e 9 de agosto, encerrando-se no dia 10, em Muriaé (MG).
 
A turnê pelo Brasil é marcada pelos mais variados estilos de jazz, e conta também com musicas desenvolvidas pelo suíço Stephan Kurmann em terras brasileiras.
 
À convite do trio de produtores culturais, Cássia Sodré, Fernando Sodré e Luiz Alberto Filippo, o grupo desembarcou em Belo Horizonte, no novo Espaço Cultural da cidade, pertencente à Escola Superior Dom Helder Câmara.
 
Os produtores falaram da importância deste novo espaço criado pela Escola de Direito Dom Helder, visto que muitas salas de espetáculos tem sido fechadas na capital mineira. Este foi o terceiro evento organizado pelos produtores no Espaço Cultural Dom Helder.
 
O primeiro foi a apresentação da V Edição de Violas Brasileira, projeto desenvolvido por Fernando Sodré, junto com seus alunos. Eles tocaram grandes clássicos da música popular brasileira e peças internacionais. Dentre eles, Heitor Villa-Lobos, Tom Jobim, Jacob do Bandolin, Sivuca, Milton Nascimento, Guinga, Pink Floyd;
 
O segundo evento aconteceu com a única performance no Brasil do violonista alemão Christian Reichert, que apresentou um repertório assinado por grandes nomes da MPB.
 
O próximo evento já está programado. Voltado para o público infantil, o Circo Marimbondo, coordenado pelas cantoras e compositoras, Bianca Luar e Fernanda Sander, se apresentará no Espaço Cultural Dom Helder, no dia 16 de setembro.

DomTotal.com

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O Natal em Natal (RN), a capital potiguar fundada em 25 de dezembro de 1599

Neste mês, a cidade se reveste de enfeites e de festas culturais, através do projeto 'O Natal em Natal'.
Considerada uma das maiores e mais bonitas do Brasil, a Árvore de Natal instalada no bairro de Mirassol encanta a natalenses e turistas. (Alex Regis/ Secom Natal)
Os moradores da capital do Rio Grande do Norte têm um motivo a mais para se alegrar e vivenciar esta época do ano. Afinal, eles celebram o “Natal em Natal”. Aliás, a capital potiguar recebeu este nome devido a data da sua fundação: 25 de dezembro de 1599. Neste mês, a cidade se reveste de enfeites e de festas culturais, através do projeto “O Natal em Natal”, promovido pela prefeitura municipal. Ao todo, segundo a prefeitura, são mais de 40 eventos que contemplam dança, música, teatro, audiovisual, artesanato, gastronomia e outras manifestações culturais.
Na zona sul da capital, foi acessa, no dia 3 de dezembro,  a tradicional “árvore de Mirassol”, com 112 metros de altura, ornamentada com enfeites nos formatos de …

POPE FRANCIS GENERAL AUDIENCE 2016.06.08

Campus Party 2018 vendeu 30% a mais de ingressos que edição anterior

A feira de tecnologia Campus Party Brasília 2018 foi encerrada hoje (1°), após ter reunido milhares de pessoas em torno de palestras, oficinas e atividades com temas como o uso da tecnologia da computação, robótica, empreendedorismo e startups. Essa é a segunda edição do evento em Brasília, que começou no dia 27 de junho, no Estádio Nacional Mané Garrincha. Antes prevista para acontecer de 30 de maio a 3 de junho, a feira foi adiada para esta semana por causa da greve dos caminhoneiros. De acordo com o diretor da Campus Party Brasil, Tônico Novaes, o evento contabilizou um volume de vendas de ingressos pelo menos 30% maior que a primeira edição da Campus Party em Brasília, realizada no ano passado.  Para Tônico Novaes, a edição no Distrito Federal se destacou pela elevada participação e envolvimento dos que estão no evento.  “Os campuseiros daqui são realmente engajados no conteúdo. Andando por aqui você vai ver todos os workshops e bancadas cheias e a estrutura está bem maior que a …