Poemas e crônicas

Gonzaga Mota*
No último dia 21 do corrente mês, tivemos a satisfação de lançar no Ideal Clube, por sugestão de seu presidente Amarílio Cavalcante, dois livros: "Poemas no Tempo" e "Textos Escolhidos". No primeiro citado, apresentamos de forma amorosa e inquietante, 50 poemas ressaltando sentimentos como amor, dor, alegria, angústia, solidariedade, dentre outros. O excelente prefácio foi redigido pela competente e amiga escritora Mônica Silveira que muito me sensibilizou. Por sua vez, "Textos Escolhidos", atendendo solicitação de amigos e leitores, reúne 115 crônicas publicadas no Jornal Diário do Nordeste. São textos sobre educação, cultura, economia, politica, filosofia, causos, fatos do cotidiano, etc. Gostaríamos, por outro lado, de agradecer aos eminentes intelectuais Sânzio de Azevedo, pelo airoso prefácio e Cid Carvalho pelo generoso perfil do autor. Nossa intenção principal ao redigir e publicar livros é a de estimular a leitura. Como disseram Carlos Drummond de Andrade, "A leitura é uma fonte inesgotável de prazer mas, por incrível que pareça, a quase totalidade não sente esta sede" e Mario Quintana, "Os verdadeiros analfabetos são os que aprenderam a ler e não lêem". Ademais, sem dúvida, é na educação e na cultura que se encontra o único caminho para o desenvolvimento democrático, pleno e justo de um povo. Utilizar recursos financeiros nos dois setores mencionados não significa despesa de custeio, mas investimento. É uma ação estratégica de largo alcance social. Sempre salientamos ser importante que a educação e a cultura sejam programas de Estado democrático e não de Governo. Um dia conseguiremos.


*Professor aposentado da UFC

Comentários

Mais Visitadas

As dores da humanidade

Tudo começa com o caderno de caligrafia

14 etnias não têm seu idioma original preservado no Estado do Ceará

Intolerância: arma dos preconceituosos

Começa em todo o país a 12ª Primavera dos Museus