Na reta final para Enem, candidatos fazem 'maratona' de até 12h de estudo por dia na Bahia: 'É preciso foco'

Por G1 BA
 
Estudante Izaías Novais fará Enem pela segunda vez (Foto: Arquivo pessoal)
Estudante Izaías Novais fará Enem pela segunda vez (Foto: Arquivo pessoal)

Na reta final para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), candidatos fazem maratonas de até 12h de estudos na Bahia. Vale tudo para ir bem nas provas, que este ano, pela primeira vez, acontecem em dois domingos: 5 e 12 de novembro. Em todo o estado, segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), 490.233 candidatos se inscreveram, sendo 62,1% mulheres e 37,9% homens.
Entre eles está o estudante Izaías Novais, de 17 anos. Morador do município de Quixabeira, no norte da Bahia, e estudante do segundo ano do Ensino Médio, o jovem fará o exame pela segunda vez. Além de testar os conhecimentos, pretende conquistar uma vaga na área de Saúde - ainda está na dúvida entre cursos como farmácia e enfermagem. Para atingir a meta, estuda de manhã, de tarde e pela noite.
"Esse ano, vou fazer a prova mais também como 'treineiro', mas quero ingressar em algum curso de Saúde de alguma universidade pública. Comecei o ano mais focado, depois fiquei meio desleixado, mas agora, nos últimos 40 dias, começei a intensificar mais. Fico a tarde na escola e, no período da noite e pela manhã estudo em casa sozinho. Além do Enem, me preparo também para vestibulares da UEFS [Universidade Estadual de Feira de Santana] e Uneb [Universidade Estadual da Bahia]", destaca.
Na cidade do estudante não tem aplicação de provas. Izaías fará o Enem na cidade vizinha de Capim Grosso, a cerca de 15 quilômetros. Na Bahia, as provas serão aplicadas somente em 160 dos 417 municípios. [Confira abaixo a lista de cidades]
Além de Izaías, outros 82 mil candidatos inscritos na Bahia também tem 17 anos ou menos. A maioria dos que se inscreveram, no entanto, tem de 21 a 30 anos (174.495 pessoas). [Veja abaixo nº de inscritos na BA por faixa etária]
A soteropolitana Ana Virgínia Andrade, de 22 anos, fará o exame esse ano pela terceira vez. Em 2016, obteve boa nota e conseguiu uma vaga para direito numa faculdade particular de Salvador, através do Programa Universidade Para Todos (Prouni). Entretanto, diz não ter gostado do curso. A meta agora é jornalismo. Para isso, ingressou num cursinho universitário em maio e, desde então, como diz, vem 'dando um duro danado' para atingir os objetivos.
"No primeiro ano que fiz, não consegui aprovação. Ano passado, passei para direito, mas às vezes a gente pensa uma coisa de determinado curso e, quando vai fazer, percebe que é algo bem diferente", disse a jovem, que afirma ter uma rotina de 12h por dia de estudos.
"Nesse ano, estou me esforçando para tentar alcançar meu objetivo. É desgastante e a gente sabe que é difícil, mas é preciso foco", destaca Ana.
Ana diz que tem se dedicado nos últimos dias a assuntos que considera mais difíceis. "Sempre me dei bem na área de linguagens e ciências humanas. Só tenho dificuldade mesmo com exatas. E é isso que tenho procurado me esforçar nos últimos meses. Não deixo de ver os outros assuntos, mas dou um gás maior em exatas", pontua.
Número de inscritos na Bahia por faixa etária
Menores de 16 anos7.982
Igual a 16 anos22.123
Igual a 17 anos52.034
Igual a 18 anos59.672
Igual a 19 anos49.952
Igual a 20 anos41.681
De 21 a 30 anos174.495
De 31 a 59 anos81.259
Maior ou igual a 60 anos1.035
O número de inscritos na Bahia para o Enem 2017 representa 7,2% do total de 6.731.203 inscritos no Brasil inteiro. O número de participantes esse ano no estado é 26,2% menor que o registrado em 2016, que teve 664.698 inscrições. Essa queda, segundo o Inep, é consequência do fato de o Enem ter deixado de certificar o Ensino Médio, tarefa que voltou ao Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja).
Dos participantes no estado, 21,2% são pagantes, 60,9% foram isentos do pagamento da taxa de inscrição e outros 17,9% obtiveram a gratuidade automática por estarem concluindo o Ensino Médio na rede pública em 2017.
Em relação à situação de ensino, 69,9% dos participantes da Bahia já concluíram o Ensino Médio, 21% devem concluir ainda este ano e outros 8% concluirão após o ano de 2017.
O Inep também informou que foram aprovados 2.240 atendimentos especializados na Bahia, durante as provas deste ano. A maioria dos casos é de deficiência física, baixa visão e déficit de atenção. O órgão informou que serão usados 4.391 recursos de acessibilidade, sendo 77 videoprovas traduzidas em libras - novidade desta edição. Também serão realizados 1.184 atendimentos específicos, 51,4% para lactantes. O estado teve 31 solicitações aprovadas para atendimento pelo nome social, sendo 11 somente em Salvador.

Nº de inscritos no Enem 2017 por município da Bahia

ALAGOINHAS - 7.304
AMARGOSA - 1.920
AMELIA RODRIGUES - 927
ANAGE - 803
ARACI - 821
BAIXA GRANDE - 1.179
BARRA - 1525
BARRA DA ESTIVA - 1.737
BARRA DO CHOCA - 1.006
BARREIRAS - 10.677
BOM JESUS DA LAPA - 2.522
BOQUIRA - 479
BREJOES - 492
BROTAS DE MACAUBAS - 475
BRUMADO - 2.787
BUERAREMA - 643
CACHOEIRA - 2.017
CACULÉ - 2.134
CAETITÉ - 2.959
CAMACAN - 2.153
CAMACARI - 10.688
CAMAMU - 1.099
CAMPO FORMOSO - 2.059
CANARANA - 922
CANAVIEIRAS - 800
CANDEIAS - 3.706
CANDIDO SALES - 1.290
CANSANÇÃO - 803
CAPIM GROSSO - 1.790
CARAVELAS - 437
CARINHANHA - 1.605
CASA NOVA - 1.655
CASTRO ALVES - 978
CATU - 2.133
CICERO DANTAS - 1.723
COARACI - 1.326
COCOS - 962
CONCEICAO DA FEIRA - 813
CONCEICAO DO COITE - 2.409
CONCEICAO DO JACUIPE - 1.308
CORACÃO DE MARIA - 858
CORDEIROS - 862
CORRENTINA - 902
CRUZ DAS ALMAS - 4.169
CURACA - 1.018
DIAS D'ÁVILA - 2.475
ENTRE RIOS - 1.576
ESPLANADA - 1.687
EUCLIDES DA CUNHA - 1.942
EUNÁPOLIS - 4.240
FEIRA DE SANTANA - 27.944
GANDU - 2.425
GOVERNADOR MANGABEIRA - 1.214
GUANAMBI - 5.467
IBICARAI - 1.656
IBITITA - 932
IBOTIRAMA - 1.155
ILHÉUS - 10.370
INHAMBUPE - 1.926
IPIAÚ - 3.634
IPIRÁ - 2.028
IRAQUARA - 912
IRARÁ - 1.949
IRECÊ - 3.762
ITABELA - 871
ITABERABA - 3.343
ITABUNA - 11.620
ITAJUIPE - 1.377
ITAMARAJU - 2.052
ITAMBÉ - 691
ITANHEM - 456
ITAPARICA - 623
ITAPETINGA - 3.837
ITUBERÁ - 918
JACOBINA - 4.071
JAGUAQUARA - 2.210
JAGUARARI - 923
JEQUIÉ - 7.879
JEREMOABO - 1.563
JIQUIRIÇÁ - 420
JOÃO DOURADO - 828
JUAZEIRO - 11.580
JUSSARA - 401
LAPÃO - 661
LAURO DE FREITAS - 11.250
LIVRAMENTO DE NOSSA SENHORA - 1.603
LUÍS EDUARDO MAGALHÃES - 3.124
MACAÚBAS - 1.568
MARACÁS - 1.174
MARAGOGIPE - 723
MATA DE SÃO JOÃO - 1.085
MEDEIROS NETO - 780
MIGUEL CALMON - 1.146
MILAGRES - 704
MONTE SANTO - 899
MORRO DO CHAPÉU - 1.708
MUCURI - 1.089
MURITIBA - 798
MUTUIPE - 1.138
NAZARÉ - 1.672
NOVA VICOSA - 726
OLIVEIRA DO BREJINHOS - 365
PALMAS DE MONTE ALTO - 660
PARAMIRIM - 1.589
PARATINGA - 647
PARIPIRANGA - 1.758
PAULO AFONSO - 4.939
PILÃO ARCADO - 312
PINDOBACU - 674
POÇÕES - 3.163
POJUCA - 1.654
PORTO SEGURO - 4.611
PRADO - 746
PRESIDENTE DUTRA - 421
PRESIDENTE TANCREDO NEVES - 738
REMANSO - 1.104
RIACHAO DAS NEVES - 400
RIACHAO DO JACUIPE - 2.143
RIACHO DE SANTANA - 1.335
RIBEIRA DO POMBAL - 3.022
RIO DE CONTAS - 463
RIO REAL - 1.120
RUY BARBOSA - 1.435
SALVADOR - 120.241
SANTA MARIA DA VITORIA - 2.010
SANTA RITA DE CASSIA - 847
SANTALUZ - 1.237
SANTANA - 723
SANTO AMARO - 2218
SANTO ANTONIO DE JESUS - 6.780
SANTO ESTEVÃO - 2.226
SÃO FELIPE - 855
SÂO FÉLIX - 417
SÃO FRANCISCO DO CONDE - 1346
SÃO GABRIEL - 555
SÂO GONCALO DO CAMPOS - 1.371
SÃO SEBASTIÃO DO PASSÉ - 1.265
SAPEAÇU - 1.074
SEABRA - 2.988
SENHOR DO BONFIM - 5.348
SENTO SÉ - 372
SERRA DO RAMALHO - 596
SERRA DOURADA - 634
SERRINHA - 4.231
SIMÕES FILHO - 4.836
SOBRADINHO - 927
TEIXEIRA DE FREITAS - 6.250
TUCANO - 1.402
UAUÁ - 849
UBAÍRA - 636
UBAITABA - 1.462
UIBAÍ - 462
UMBURANAS - 365
UNA - 575
URANDI - 485
VALENCA - 3.190
VALENTE - 1.097
VERA CRUZ - 1.004
VITÓRIA DA CONQUISTA - 18.732
XIQUE-XIQUE - 1.648

Do G1

Comentários

Mais Visitadas

Há 50 anos, primeira mulher negra era eleita ao Congresso nos EUA

O Irmão Carlos de Foucauld

MASP completa 50 anos de histórias

Escreve Pe. Jocy - Dom Delgado

Cearense Mailson Furtado ganha o Prêmio Jabuti de livro do Ano