Pular para o conteúdo principal

A arte da pizza napolitana entra na lista de Patrimônio Imaterial da Unesco

Os fabricantes de pizza napolitana posam depois de preparar pizzas no museu Capodimonte, que hospedava o primeiro forno de pedra onde se preparava Pizza Margherita, em 6 de dezembro de 2017, em Nápoles (FOTO: AFP / TIZIANA FABI)
A arte dos "pizzaiolo" napolitanos, que deu fama mundial a esta especialidade da cozinha italiana, entrou nesta quinta-feira para a lista de Patrimônio Imaterial da Humanidade da Unesco.
A decisão foi adotada pelo Comitê Intergovernamental para a Salvaguarda do Patrimônio da Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura, que se reúne desde segunda-feira na ilha de Jeju, na Coreia do Sul.
Dois milhões de pessoas assinaram a petição mundial para apoiar a candidatura desta arte praticada atualmente em Nápoles por quase 3.000 'pizzaiolo" e que, segundo os promotores da iniciativa, "desempenha um papel essencial na vida social e na transmissão entre gerações".
O presidente da associação de pizzaiolos napolitanos, Sergio Miccù, havia prometido comemorar a eventual entrada de sua arte na lista de patrimônio imaterial com a distribuição de pizzas nas ruas.
Além do espetacular manejo da massa, esta é uma habilidade culinária que associa canções, sorrisos, técnica, espetáculo, iniciada no século XVI, ressaltava a candidatura italiana.
"Vitória!", escreveu no Twitter Maurizio Martina, o ministro italiano da Agricultura.
"Identidade enogastronômica italiana cada vez mais defendida no mundo", completou.
"Longa vida à arte do pizzaiolo napolitano!", tuitou Pecoraro Scano, que já foi ministro da Agricultura.
A lista de patrimônio imaterial, criada em 2003, contava antes da reunião deste ano com mais 365 tradições ou expressões vivas, entre elas o flamenco espanhol, a cerveja belga, a filosofia milenar da ioga, entre outras.
Esta semana em Jeju, o comitê deve examinar 34 candidaturas. Cinco tradições latino-americanas entraram na lista entre quarta-feira e quinta-feira: Os Os cantos de trabalho do Llano colombiano-venezuelano, a Feira de Alasita na Bolívia, o ponto cubano, o sistema peruano de juízes de água de Corongo e as técnicas artesanais do sombreiro pintão panamenho.


AFP
O Povo

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Participe da Coletânea "100 Poetas e 100 Sonetos"

O Instituto Horácio Dídimo de Arte, Cultura e Espiritualidade está selecionando 100 poetas para compor a Coletânea “100 Poetas e 100 Sonetos”. Os sonetos são de tema livre e devem ser metrificados em qualquer tamanho ou estilo, rimados ou não. 

Não haverá taxa de inscrição e nem obrigatoriedade de aquisição do livro pelos participantes, que em contrapartida cedem seus direitos autorais. 

A data e local do lançamento da coletânea serão definidos posteriormente. 

Para participar, envie o seu soneto para o email ihd@institutohoraciodidimo.org ou pelo formulário até 10/07/2019 com uma breve biografia.

Por https://institutohoraciodidimo.org/2019/06/11/coletanea-100-poetas-e-100-sonetos/

O Natal em Natal (RN), a capital potiguar fundada em 25 de dezembro de 1599

Neste mês, a cidade se reveste de enfeites e de festas culturais, através do projeto 'O Natal em Natal'.
Considerada uma das maiores e mais bonitas do Brasil, a Árvore de Natal instalada no bairro de Mirassol encanta a natalenses e turistas. (Alex Regis/ Secom Natal)
Os moradores da capital do Rio Grande do Norte têm um motivo a mais para se alegrar e vivenciar esta época do ano. Afinal, eles celebram o “Natal em Natal”. Aliás, a capital potiguar recebeu este nome devido a data da sua fundação: 25 de dezembro de 1599. Neste mês, a cidade se reveste de enfeites e de festas culturais, através do projeto “O Natal em Natal”, promovido pela prefeitura municipal. Ao todo, segundo a prefeitura, são mais de 40 eventos que contemplam dança, música, teatro, audiovisual, artesanato, gastronomia e outras manifestações culturais.
Na zona sul da capital, foi acessa, no dia 3 de dezembro,  a tradicional “árvore de Mirassol”, com 112 metros de altura, ornamentada com enfeites nos formatos de …

POPE FRANCIS GENERAL AUDIENCE 2016.06.08