Obras de Sérvulo Esmeraldo serão reinauguradas



Quatro obras do escultor cearense Sérvulo Esmeraldo serão devolvidas à paisagem de Fortaleza nesta quinta-feira (1º), às 8h30. O evento simbolizará uma homenagem, uma vez que a data marca, também, um ano de falecimento do artista.

As peças La Femme Bateau, Infinito, Pulsação e Ballet Gráfico foram submetidas ao projeto Reconstrução, Restauro e Conservação de Esculturas de Sérvulo Esmeraldo, realizado pela Prefeitura de Fortaleza através da Secretaria Municipal da Cultura de Fortaleza (Secultfor), em parceria com o Instituto Sérvulo Esmeraldo (ISE). Para efetuar a reconstrução, foi preciso consultar arquivos detalhados de projetos, estudos, maquetes e fotografias deixadas pelo artista.
"Esse projeto é de maior importância para a cidade, para a arte brasileira, porque ele vem preservar um grande patrimônio que é esse legado que o Sérvulo nos deixou", explica Dodora Guimarães, curadora de arte e presidente do ISE.
Segundo a curadora, que era também esposa de Sérvulo Esmeraldo, a exposição de obras no Ceará foi motivada pela possibilidade de criar arte pública e visível pelas ruas, aproveitando a luz privilegiada do Estado.
Image-2-Artigo-2356827-1
"A arte que está nos museus exige que você se desloque até lá, e quando você entra no museu, já está preparado para ver arte ou o que ali está exposto, diferentemente da rua. A arte na rua é mais generosa, porque ela já está no seu caminho e convive com o ritmo da cidade e todas as suas interfaces", diz Dodora. O trabalho de recuperação foi executado por Ari Josino, da Metalúrgica Santa Luzia, que esteve responsável pelas esculturas de Sérvulo Esmeraldo desde o início dos anos 2000. A iluminação do projeto foi feita por Mario Yoshi, a sinalização por Paulo Barbosa, e o paisagismo por Ricardo Marinho.
"Esse projeto está em execução desde 2017. O objetivo é possibilitar aos cidadãos de Fortaleza o acesso às obras de um dos mais importantes artistas do Ceará, e democratizar o acesso à arte", ressalta o secretário Municipal da Cultura de Fortaleza, Evaldo Lima.
O evento de inauguração acontecerá no Viaduto Reitor Antônio Martins Filho, onde o prefeito Roberto Cláudio entregará a escultura Pulsação.
Reconstruída
La Femme Bateau é uma escultura-biruta que foi reconstruída em aço inox pintado, localizada na Praia de Iracema. A coluna de aço pintado de azul, batizada de Infinito, fica na Praça General Murilo Borges, no Centro. No mesmo bairro, está a escultura-fonte Ballet Gráfico, instalada na Praça Pedro II. No bairro Cocó está Pulsação, escultura cinética em aço policromado.
"Esse trabalho era tudo para ele. O Sérvulo falava que tinha um compromisso de todos os dias acrescentar um ponto à arte. Cada projeto era uma oportunidade de encarar um novo desafio", lembra Dodora Guimarães.
Para o secretário Evaldo Lima, o momento é importante para prestar homenagem a um artista que viajou pelo mundo e, mesmo tendo sido reconhecido em tantos lugares, retornou ao Ceará. A curadora celebra: "Eu acho que onde quer que ele esteja, ele vai estar muito feliz".
Esculturas

Fortaleza embelezada

No bairro Cocó está Pulsação, escultura cinética em aço policromado; a escultura-fonte Ballet Gráfico encontra-se instalada na Praça Pedro II, no Centro, defronte à Catedral Metropolitana de Fortaleza; no mesmo bairro está a coluna de aço pintada de azul, batizada de Infinito, na Praça General Murilo Borges FOTOS: THIAGO GADELHA

Diário do Nordeste

Comentários

Mais Visitadas

As dores da humanidade

Tudo começa com o caderno de caligrafia

Missão da Unesco faz primeira visita ao Museu Nacional

Bancário faz sua estreia como escritor

Adjetivando a vida