Poema do Alzheimer

Para pensar com carinho naquela pessoa especial que agora, mais do que nunca, precisa de você

Não me peça para lembrar,
Não tente me fazer entender,
Deixe-me descansar
e saber que você está comigo.
Beije minha face e segure minha mão,
Estou confuso além da minha compreensão.
Estou triste e doente e perdido…
Tudo que sei é que preciso
que você esteja comigo a todo custo!
Não perca a paciência comigo,
Não xingue nem maldiga meu pranto.
Não posso evitar o jeito como estou agindo,
Não dá para mudar, ainda que eu tente…
Basta lembrar que eu preciso de você,
Que o melhor de mim já se foi…
Por favor, não deixe de ficar ao meu lado!
Dê-me seu amor,
até que minha vida se acabe.
(Autor Desconhecido)

Comentários

Mais Visitadas

As dores da humanidade

Tudo começa com o caderno de caligrafia

Missão da Unesco faz primeira visita ao Museu Nacional

Livro aborda a memória crítica da escravidão

Bancário faz sua estreia como escritor