Pular para o conteúdo principal

Criadores de 'Game of Thrones' vão produzir novos filmes de 'Star Wars'

"David e Dan são alguns dos melhores contadores de histórias trabalhando hoje", disse Kathleen Kennedy, presidente da Lucasfilm, em comunicado.
'Star Wars' se tornou a mais lucrativa e influente franquia de filmes de todos os tempos.
'Star Wars' se tornou a mais lucrativa e influente franquia de filmes de todos os tempos. (Divulgação)

A Lucasfilm anunciou seus planos nesta terça-feira (6) para uma nova série de filmes de "Star Wars" produzidos pela equipe por trás de "Game of Thrones", à medida que busca construir uma lucrativa franquia de ficção científica.
David Benioff e D.B. Weiss, os criadores da série vencedora de prêmios Emmy, escreverão e produzirão os novos filmes, à parte da saga principal de Luke Skywalker e da trilogia desenvolvida por Rian Johnson - roteirista e diretor de "Star Wars: Os últimos Jedi".
"David e Dan são alguns dos melhores contadores de histórias trabalhando hoje", disse Kathleen Kennedy, presidente da Lucasfilm, em comunicado.
"Seu comando de complexos personagens, a profundidade da história e a riqueza da mitologia abrirá novos caminhos e corajosamente desafiará 'Star Wars' de maneiras que eu acho incrivelmente excitantes".
Benioff e Weiss enviaram uma declaração conjunta dizendo que têm sonhado em viajar para "uma galáxia muito, muito distante" desde que viram o filme original, em 1977.
"Estamos honrados com a oportunidade, um pouco aterrorizados com a responsabilidade e muito entusiasmados para começar assim que a temporada final de 'Game of Thrones' estiver completa", afirmaram.
A Lucasfilm não disse quantos filmes a nova série irá ter e não anunciaram datas de lançamento.
O presidente da Disney, Bob Iger, disse que quando a trilogia de Johnson foi anunciada em novembro, a franquia "Star Wars" estava "superando as expectativas", desde que o gigante do entretenimento adquiriu a Lucasfilm em 2012.
Os dois filmes da série principal a cargo da Disney - "Star Wars: O despertar da força" (2015) e "Star Wars: Os últimos Jedi" (2017) - estão entre os 10 filmes de maior bilheteria de todos os tempos, com faturamentos de dois bilhões de dólares e de 1,4 bilhão, respectivamente.
"Rogue One: Uma história Star Wars" (2016), o primeiro dos três filmes de spin-off programados, também faturou mais de um bilhão de dólares, aumentando as expectativas do sucesso do próximo filme, "Han Solo: Uma história Star Wars", que será lançado em maio.
"Star Wars" se tornou a mais lucrativa e influente franquia de filmes de todos os tempos, enraizada em uma cultura "geek" que deu origem ao Vale do Silício e às tecnologias disruptivas.
"Game of Thrones", uma das séries de televisão mais populares e comentadas da história, começará sua última temporada, com seis episódios, em 2019.

AFP
 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O Natal em Natal (RN), a capital potiguar fundada em 25 de dezembro de 1599

Neste mês, a cidade se reveste de enfeites e de festas culturais, através do projeto 'O Natal em Natal'.
Considerada uma das maiores e mais bonitas do Brasil, a Árvore de Natal instalada no bairro de Mirassol encanta a natalenses e turistas. (Alex Regis/ Secom Natal)
Os moradores da capital do Rio Grande do Norte têm um motivo a mais para se alegrar e vivenciar esta época do ano. Afinal, eles celebram o “Natal em Natal”. Aliás, a capital potiguar recebeu este nome devido a data da sua fundação: 25 de dezembro de 1599. Neste mês, a cidade se reveste de enfeites e de festas culturais, através do projeto “O Natal em Natal”, promovido pela prefeitura municipal. Ao todo, segundo a prefeitura, são mais de 40 eventos que contemplam dança, música, teatro, audiovisual, artesanato, gastronomia e outras manifestações culturais.
Na zona sul da capital, foi acessa, no dia 3 de dezembro,  a tradicional “árvore de Mirassol”, com 112 metros de altura, ornamentada com enfeites nos formatos de …

POPE FRANCIS GENERAL AUDIENCE 2016.06.08

Campus Party 2018 vendeu 30% a mais de ingressos que edição anterior

A feira de tecnologia Campus Party Brasília 2018 foi encerrada hoje (1°), após ter reunido milhares de pessoas em torno de palestras, oficinas e atividades com temas como o uso da tecnologia da computação, robótica, empreendedorismo e startups. Essa é a segunda edição do evento em Brasília, que começou no dia 27 de junho, no Estádio Nacional Mané Garrincha. Antes prevista para acontecer de 30 de maio a 3 de junho, a feira foi adiada para esta semana por causa da greve dos caminhoneiros. De acordo com o diretor da Campus Party Brasil, Tônico Novaes, o evento contabilizou um volume de vendas de ingressos pelo menos 30% maior que a primeira edição da Campus Party em Brasília, realizada no ano passado.  Para Tônico Novaes, a edição no Distrito Federal se destacou pela elevada participação e envolvimento dos que estão no evento.  “Os campuseiros daqui são realmente engajados no conteúdo. Andando por aqui você vai ver todos os workshops e bancadas cheias e a estrutura está bem maior que a …