Espetáculo que mistura dança, teatro, literatura e música é encenado no Recife

Por G1 PE
Espetáculo tem como cenário um espaço poético povoado por cadeiras, postes, malas e pessoas (Foto: Henrique Chendes/Divulgação)
 
Espetáculo tem como cenário um espaço poético povoado por cadeiras, postes, malas e pessoas (Foto: Henrique Chendes/Divulgação)
 
A Caixa Cultural, no Bairro do Recife, no Centro da capital pernambucana, recebe, a partir desta quinta-feira (8), o espetáculo de dança "Três mulheres e um bordado de sol", criado pelo grupo pernambucano Compassos Cia. de Dança. As apresentações discutem vivências dos integrantes da trupe a partir de pesquisas literárias, visuais e de corpo com obras de Clarice Lispector, Edith Piaf e Frida Kahlo.
O espetáculo, que tem classificação indicativa de 12 anos, mistura dança, teatro, literatura e música. A encenação fica em cartaz até sábado (10) e, posteriormente, entre os dias 15 e 17 de março, sempre às 20h. Os ingressos custam R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia).
Dirigido pelo bailarino e coreógrafo Raimundo Branco, o espetáculo tem como cenário um espaço poético povoado por cadeiras, postes, malas e pessoas que, por meio da iluminação, se transformam, seja em uma ponte parisiense, em um hospital ou em uma estação de trem.
Espetáculo "Três mulheres e um bordado de sol" estreou em 2014 (Foto: Welligton Dantas/Divulgação)
 
Espetáculo "Três mulheres e um bordado de sol" estreou em 2014 (Foto: Welligton Dantas/Divulgação)

O espetáculo "Três mulheres e um bordado de sol", dessa companhia criada em 1990, estreou em 2014 e foi encenado em cidades como Belo Horizonte e Campina Grande, além da capital pernambucana.

Serviço

Espetáculo de dança "Três mulheres e um bordado de sol", da Compassos Cia. de Dança
De quinta (8) a sábado (10), às 20h; de 15 a 17 de março, às 20h
Caixa Cultural Recife - Avenida Alfredo Lisboa, 505, Bairro do Recife, Recife
Ingressos: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia)
Informações: (81) 3425-1915

Comentários

Mais Visitadas

José, servo bom e fiel

Câmara homenageia mulheres que se destacaram na luta por direitos

Nossos escritores

Físico brasileiro recebe Prêmio Templeton de 2019

Inep cria comissão para decidir itens que farão parte do Enem 2019