Pular para o conteúdo principal

Vaticano lança livro com 80 notícias falsas sobre o Papa

Iniciativa está associada ao Dia Mundial das Comunicações Sociais que este ano teve como tema as «fake news»
O Vaticano retomou ontem, 26, o tema do Dia Mundial das Comunicações Sociais, este ano dedicado às ‘fake news’, com o lançamento de uma compilação de notícias falsas publicadas acerca do Papa Francisco.
De acordo com o serviço informativo da Santa Sé, a obra ‘Fake Pope’ está disponível desde esta sexta-feira nas bancas, e tem a assinatura dos jornalistas italianos Nello Scavo e Roberto Beretta.
Recorde-se que Nello Scavo é o autor da obra ‘A Lista de Bergoglio’, dedicada ao apoio que o Papa Francisco prestou a várias vítimas da ditadura argentina.
Trata-se de uma publicação que foi lançada precisamente na altura em que o nome de Jorge Mario Bergoglio estava a ser alvo de acusações de cumplicidade com o regime, quando ainda era arcebispo de Buenos Aires.
Nello Scavo salienta que o livro ‘Fake Pope’ pretende ir na mesma linha, de denunciar através de documentos, “os muitos boatos sobre o Papa que circulam na internet e em outros meios de comunicação”.
Este projeto mais recente, também assinado pelo jornalista Roberto Beretta, “é dirigido não apenas a comunicadores, mas ao público em geral”.
“Qualquer curiosidade sobre fake news pode ser encontrada com explicações e modos para aprofundar o tema”, pode ler-se.
Nas suas páginas estão incluídas mais de 80 acusações feitas ao Papa, desde “o período da ditadura argentina até à atualidade”.
“Selecionamos uma a uma e fizemos uma verificação por meio de confrontos de depoimentos e desmentidos. Por fim procurámos um fio condutor entre as notícias para chegarmos à conclusão de alguns dos boatos nascem de forma espontânea e outros são fruto de uma estratégia bem definida para desacreditar o Papa”, explica Nello Scavo.
Outra iniciativa através da qual a Santa Sé quer reforçar a temática do Dia Mundial das Comunicações Sociais, assinalado a 13 de maio, tem a forma de um concurso vídeo e gráfico aberto a participantes dos mais variados países.
A iniciativa é promovida pela Secretaria de Comunicação da Santa Sé em parceria com a SIGNIS – Associação Católica Mundial para a Comunicação.
Os organizadores esperam que, através da rede mundial dos meios de comunicação católicos, “talentos de todo o mundo possam mostrar o seu trabalho” e dar um contributo para esta “temática tão importante”, da verdade nos media.
“Esperamos que esta competição alente e motive os fiéis, especialmente os jovens, a contribuir criativamente para o tema”, realça a presidente da SIGNIS, Helen Osman.
O projeto vai premiar os melhores vídeos e pósteres levados a concurso, no âmbito da temática que animou o 52.º Dia Mundial das Comunicações Sociais, ‘A verdade vos tornará livres’ (João 8, 32) – ‘Fake news’ e jornalismo de paz’.
Os trabalhos em vídeo deverão ter no máximo um minuto, e tal como os pósteres deverão ser remetidos até 30 de setembro para o email signiscompetitions@gmail.com, sendo que a decisão sobre os vencedores será conhecida até ao final deste ano.
Para os três primeiros trabalhos, em cada área, estão reservados prémios entre os 100 e os 500 euros.
JCP

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Participe da Coletânea "100 Poetas e 100 Sonetos"

O Instituto Horácio Dídimo de Arte, Cultura e Espiritualidade está selecionando 100 poetas para compor a Coletânea “100 Poetas e 100 Sonetos”. Os sonetos são de tema livre e devem ser metrificados em qualquer tamanho ou estilo, rimados ou não. 

Não haverá taxa de inscrição e nem obrigatoriedade de aquisição do livro pelos participantes, que em contrapartida cedem seus direitos autorais. 

A data e local do lançamento da coletânea serão definidos posteriormente. 

Para participar, envie o seu soneto para o email ihd@institutohoraciodidimo.org ou pelo formulário até 10/07/2019 com uma breve biografia.

Por https://institutohoraciodidimo.org/2019/06/11/coletanea-100-poetas-e-100-sonetos/

O Natal em Natal (RN), a capital potiguar fundada em 25 de dezembro de 1599

Neste mês, a cidade se reveste de enfeites e de festas culturais, através do projeto 'O Natal em Natal'.
Considerada uma das maiores e mais bonitas do Brasil, a Árvore de Natal instalada no bairro de Mirassol encanta a natalenses e turistas. (Alex Regis/ Secom Natal)
Os moradores da capital do Rio Grande do Norte têm um motivo a mais para se alegrar e vivenciar esta época do ano. Afinal, eles celebram o “Natal em Natal”. Aliás, a capital potiguar recebeu este nome devido a data da sua fundação: 25 de dezembro de 1599. Neste mês, a cidade se reveste de enfeites e de festas culturais, através do projeto “O Natal em Natal”, promovido pela prefeitura municipal. Ao todo, segundo a prefeitura, são mais de 40 eventos que contemplam dança, música, teatro, audiovisual, artesanato, gastronomia e outras manifestações culturais.
Na zona sul da capital, foi acessa, no dia 3 de dezembro,  a tradicional “árvore de Mirassol”, com 112 metros de altura, ornamentada com enfeites nos formatos de …

Projeto do escritor e professor cearense Gonzaga Mota doa livros para escolas públicas da Capital e do interior

Por Diego Barbosa,  Com a ação, Gonzaga Mota já circulou por 20 instituições, ora aumentando acervos, ora criando novas mini-bibliotecas Com facilidade, a porta em que está cravada a placa "Livros de escritores cearenses" escancara-se em nova visão. Do outro lado do anteparo, o olhar mira num aconchegante espaço, onde repousam, organizadas e coloridas, obras de toda ordem. São títulos tradicionais e contemporâneos, exemplares de poesias, contos, crônicas, romances. Em comum a todos eles, o DNA nosso: possuem assinatura de cearenses. E querem ganhar mais mundos, outras trilhas. Mantido pelo escritor e professor Gonzaga Mota, o gabinete da descrição acima é recanto de possibilidades. Desde o começo deste ano, o profissional mantém um projeto de doação de livros para escolas públicas de Fortaleza e do interior, almejando estender o raio de alcance da leitura, especialmente entre crianças e jovens. A vontade de fazer com que os volumes saltem da…